Aproveita que é de graça! Dicas gratuitas da semana (13/06/2018)

photo_camera Depositphotos

Ontem (12) foi o Dia dos Namorados aqui no Brasil. Quem está em um relacionamento certamente gastou uma graninha comprando presentes e bancando aquele jantar romântico a dois, enquanto quem ainda busca a tampa de sua panela provavelmente também não economizou, correndo para aquele barzinho badalado para tomar uns drinks e, quem sabe, arrumar um date.

Ou seja: que tal poupar o bolso nos próximos dias para não chegar ao fim do mês "na pendura"? Na seleção de dicas gratuitas da semana a gente recomenda alguns sites bacanas para você curtir sem gastar nada!

Filmes de graça

Se você já enjoou do catálogo da Netflix, ou está tão apertado de grana que precisou cancelar sua assinatura (e não tem um amigo firmeza para criar um perfil da amizade em sua conta), saiba que tem muitos filmes disponíveis para assistir de graça pelo YouTube. Claro, muitos deles não têm a opção de selecionar as legendas em português, mas se o idioma não é um problema para você, corra para o Zero Dollar Movies!

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

O site tem uma coleção de mais de 15 mil títulos completos. Você pode navegar pelo catálogo livremente, ou correr para a ferramenta de busca. Os filmes são organizados pelo ano de lançamento e também por idioma — e tem até uma grande quantidade de filmes de Bollywood.

Encontrando artistas similares

Quem nunca descobriu uma banda ou artista novo e gostou tanto que gostaria de conhecer outros parecidos? Pois o Music Map existe justamente para isso! Basta digitar o nome da banda ou artista para que um mapa apareça mostrando os demais cuja sonoridade ou estilo são semelhantes.

Procuramos por grupos similares ao synthpop de S.P.O.C.K

Softwares alternativos

Em seu computador, se você trabalha com imagens, por exemplo, certamente tem o Photoshop instalado, certo? Mas e quando você está usando a máquina de outra pessoa, que não assina o pacote da Adobe? Nada de pirataria: corra para o alternativeTo e descubra softwares alternativos àquele que você precisa.

É possível selecionar as opções da busca para que ela exiba programas de acordo com cada plataforma (Windows, macOS, Linux, Chrome OS, Android e iOS). Também é possível conferir somente softwares de licença livre, além daqueles open source e os que oferecem um período gratuito para testes.

Algumas das várias alternativas ao Microsoft Word

Viagem que foge do óbvio

Ao se programar para uma viagem ao exterior, é comum pesquisar pelos pontos turísticos e passeios mais populares, né? Mas que tal fugir do óbvio e escolher destinos recheados de descobertas que não constam nos guias turísticos?

Essa é a proposta do Atlas Obscura, site que conta com "exploradores" internacionais que, juntos, alimentam o banco de dados da plataforma com os lugares mais incríveis do mundo (e suas comidas típicas igualmente fantásticas).

É possível pesquisar por país/cidade para conferir as sugestões de passeios "diferentões", e também dá para explorar comidas e bebidas locais. Com isso, você pode, por exemplo, visitar uma ponte milenar e belíssima, aproveitando uma refeição inusitada em um restaurante próximo.

Algumas opções de destinos inusitados em Budapeste, capital da Hungria

O site também publica matérias sobre destinos inusitados, e esse material é tão vasto que até mesmo virou um livro chamado Atlas Obscura: An Explorer’s Guide to the World’s Hidden Wonders. Indo além, a equipe do Atlas Obscura também organiza viagens com pequenos grupos interessados em grandes aventuras em conjunto.

Ciência no YouTube

A plataforma de vídeos da Google é um prato cheio para quem quer se divertir, mas também é recheada de conteúdos educativos de primeira. E um canal muito bacana para quem gosta de ciência é o Ciência Todo Dia, do estudante de física Pedro Loos.

Ele não publica um novo vídeo todo dia, como o nome sugere, mas conteúdos semanais são garantidos. Pedro usa seu conhecimento para explicar os fenômenos da física ao público leigo, e traz o assunto à atualidade, como, por exemplo, no vídeo em que explicou o porquê de a muralha de gelo de Game of Thrones ser cientificamente impossível de existir.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.