E3 2019 | Microsoft deve vir carregada de jogos e novidades pra próxima geração

Por Sérgio Oliveira | 06 de Junho de 2019 às 10h33
Xbox Game Studios
Tudo sobre

Microsoft

Saiba tudo sobre Microsoft

Ver mais

Estamos a poucos dias da E3 2019 e à medida que nos aproximamos da maior feira de videogames do mundo, a chama do hype vai crescendo e ardendo cada vez mais. E essa é uma sensação ainda mais forte para quem está ansioso para conferir o que a Microsoft irá apresentar em sua conferência no domingo, dia 9 de junho, às 17h, no horário de Brasília.

Também não é para menos. Com a decisão da Sony de não participar diretamente da feira e a Nintendo mantendo sua política de apresentar um Direct gravado previamente e conduzir alguns Treehouses, todos os holofotes se voltam para a casa do Xbox neste que promete ser um ano bastante promissor. E esse timing não poderia ser melhor.

Depois da lambança que foi o anúncio do Xbox One em 2013, a Microsoft vem reconstruindo a passos de formiga a imagem do console e da marca Xbox. E olha, não faltam provas para sustentar o argumento de que eles têm sido bem-sucedidos nessa empreitada: o Xbox Live não só ganhou corpo, como se tornou um serviço de referência na indústria; o Xbox One X chegou em 2017 para se consolidar como o console mais poderoso da atual geração; a Microsoft comprou sete estúdios (cinco deles anunciados durante a E3 2018) para resolver o problema da falta de exclusivos na plataforma; e o Game Pass se provou uma aposta mais do que acertada, tanto é que agora está chegando também para Windows 10.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Agora, em 2019, a pergunta que fica é esta: quais os próximos passos?

Jogos, jogos e mais jogos

Em 2018 a Microsoft arrancou aplausos ao apresentar jogos como Halo Infinite, Gears 5, Cyberpunk 2077 e mais uma tonelada de títulos em sua conferência. Agora, com novos estúdios focados exclusivamente em desenvolver jogos para o Xbox One, a expectativa é de que ainda mais jogos sejam mostrados no evento.

O próprio Phil Spencer já confirmou que esse será o tom da apresentação na E3 deste ano, com alguns desses novos estúdios já mostrando no que estão trabalhando e uma lista de nada menos que 14 novos exclusivos que estão chegando ao Xbox. Embora não tenha especificado quais jogos exatamente estarão no palco, é possível arriscar com uma boa margem de segurança que veremos um novo trailer, gameplay e uma data de lançamento para Halo Infinite. O mesmo deve acontecer para Gears 5 e Gears Tactics, um RPG de turnos exclusivo para PC derivado da série principal numerada.

Gears of War 5 foi uma das grandes surpresas na E3 2018 e teve seu lançamento prometido para 2019; agora, jogo deve ganhar data exata e mais detalhes
Gears of War 5 foi uma das grandes surpresas na E3 2018 e teve seu lançamento prometido para 2019; agora, jogo deve ganhar data exata e mais detalhes (Imagem: Divulgação/Xbox Game Studios)

Para além disso, em matéria de jogo, tudo o que temos são especulações. Há rumores de que a Playground Games, responsável pela franquia Forza Horizon, está trabalhando em um novo RPG de mundo aberto e que ele pode ser tanto um Fable 4 ou um revival do primeiro jogo da série. Quem também deve dar as caras, embora não haja nenhum comentário oficial a respeito, é Battletoads. O jogo só teve seu logo mostrado na E3 do ano passado e a promessa de que iria "voltar em 2019", então é possível que vejamos um trailer completo e uma previsão mais exata de lançamento para ele.

Há apostas de que Ori and the Will of the Wisps também dará as caras brevemente para receber uma data exata de lançamento, enquanto a Ninja Theory estaria pronta para mostrar o suposto Bleeding Edge — só não consenso se ele será um jogo focado em campanha cooperativa ou um multiplayer de arena. Age of Empires 4 é outro que deve dar as caras, afinal de contas não há qualquer informação sobre o RTS que foi mostrado em 2017 e depois simplesmente desapareceu. Com tanto jogo exclusivo para ser anunciado, são grandes as chances de ele dar o ar da graça na E3 deste ano.

Três outros títulos de peso ainda devem compor a apresentação da Microsoft neste ano. O primeiro deles é Cyberpunk 2077, que no ano passado apareceu primeiro no palco do Xbox. Para este ano, a expectativa é de um repeteco, com um novo trailer de gameplay e finalmente uma previsão de lançamento — possivelmente para 2020. Também há indícios de que a Capcom apresentará um novo jogo durante a conferência da Microsoft, só não há consenso sobre qual jogo será esse. Há quem aposte em Resident Evil 8, no tão pedido remake de Resident Evil 3 e até mesmo num reboot de Dino Crisis, que completa 20 anos agora em 2019. Por fim, apesar de não termos ouvido falar absolutamente nada sobre ele, Forza Motorsport 8 deve dar as caras e seguir a regra do Xbox Game Studios de alternar entre um título da série principal e outro da série Horizon a cada ano — embora haja rumores afirmando que o jogo só sairá em 2020 como exclusivo da próxima geração.

Cyberpunk 2077 fechou a conferência da Microsoft em 2018 e levou muita gente à loucura; em 2019, promessa é de mais novidades sobre o game
Cyberpunk 2077 fechou a conferência da Microsoft em 2018 e levou muita gente à loucura; em 2019, promessa é de mais novidades sobre o game (Imagem: Divulgação/CD Projekt Red)

Novo console e xCloud

Está claro que neste ano a Microsoft está disposta a acabar com aquela imagem de que o Xbox não tem jogos exclusivos, mas isso não significa que a companhia vai ignorar a próxima geração batendo à porta.

Vale lembrar que recentemente, e sem qualquer alarde, a empresa lançou o Xbox One S All-Digital, talvez para não ter de dedicar tempo de palco a ele na E3. Com o caminho livre, a expectativa é que o tempo destinado a falar de hardware seja todo preenchido pelo Project Scarlett e pelo xCloud.

A Sonyabriu o jogo e confirmou que o até agora chamado PlayStation 5 será retrocompatível com o PlayStation 4, terá suporte a realidade virtual e gráficos 8K. Por conta disso, a Microsoft tem tudo o que precisa nas mãos para "revidar" com um console ainda mais poderoso. No entanto, rumores dão conta que apesar de estar com a faca e o queijo na mão, Redmond não exibirá tudo sobre o console de nova geração. Em vez disso, a apresentação servirá apenas como uma "primeira olhada" nas especificações básicas do videogame, incluindo aí capacidade de processamento, memória RAM, SSD e suporte à tecnologia de ray-tracing. Ainda de acordo com esses boatos, ainda não vai ser agora que veremos a "cara" do Project Scarlett.

Para fechar, são grandes as chances de a empresa detalhar seu serviço de jogos por streaming, até agora chamado de xCloud. Com a Google já tendo mostrado como será esse segmento da indústria games com o Stadia, a Microsoft deve dedicar um bom tempo de sua apresentação para abrir a caixa de ferramentas e revelar detalhes do seu ambicioso projeto que pode revolucionar a indústria.

xCloud, o serviço de jogos por streaming da Microsoft, deve ocupar uma boa parte da apresentação da empresa na E3 2019
xCloud, o serviço de jogos por streaming da Microsoft, deve ocupar uma boa parte da apresentação da empresa na E3 2019 (Imagem: Divulgação/Microsoft)

Graças aos trabalhos realizados nos últimos três anos, a Microsoft reorganizou seus segmentos de hardware e software voltados para jogos e preparou os alicerces para o que provavelmente será uma de suas conferências mais fortes na E3. Munição tem de sobra, resta saber exatamente como a empresa vai usá-la no domingo, dia 9 de junho, a partir das 17h no horário de Brasília. O Canaltech vai acompanhar tudo ao vivo para ver quais apostas se concretizam e quais não passaram de devaneio. Cola com a gente que é sucesso.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.