Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Review Volkswagen ID.4 | Experiência elétrica verdadeiramente premium

Por| Editado por Jones Oliveira | 17 de Setembro de 2023 às 09h30

Link copiado!

Review Volkswagen ID.4 | Experiência elétrica verdadeiramente premium
Review Volkswagen ID.4 | Experiência elétrica verdadeiramente premium

A ofensiva elétrica da Volkswagen está sendo levada a sério. Com metas estabelecidas e produtos realmente bem pensados, a montadora alemã sabe que precisa trabalhar bem nessa nova fase da indústria automotiva mundial.

E o carro que talvez simbolize melhor esse momento para a Volks é o VW ID.4, seu primeiro SUV 100% elétrico e carro zero emissão mais vendido da montadora no mundo.

Mais do que passar ao mercado que é uma empresa que sabe como tratar das questões ambientais e de eficiência energética, a Volkswagen tem no ID.4 (e em toda linha ID) a intenção de se colocar como uma montadora apta a encarar concorrentes considerados premium.

Continua após a publicidade

Para isso, tem uma plataforma de carros elétricos efetivamente moderna, muita tecnologia embarcada e investimentos pesados no desenvolvimento de novos produtos.

O Canaltech passou um tempo com o VW ID.4 e vai te contar o que o SUV elétrico da montadora alemã pode oferecer.

Conectividade, Segurança e Tecnologia

O Volkswagen ID.4 é um carro altamente tecnológico e faz questão de mostrar isso. Desde seu design, passando pelo conjunto óptico e seus equipamentos de auxílio de condução, o SUV é um prato cheio para viciados em tecnologia.

Como é de se esperar, o SUV vem com tudo o que se espera em termos de segurança ativa, mas os equipamentos receberam calibrações das mais avançadas e funcionam de modo muito natural e preciso. Se bobear, trata-se do pacote ADAS mais bem calibrado que vimos no Canaltech juntamente com o Mercedes-AMG EQS 53.

Os alertas de colisão frontal não são disparados sob qualquer “ameaça” e entendem quando estamos realmente distraídos ou quando somos fechados por algum motorista irresponsável. Felizmente, não precisamos testar a frenagem automática, mas sabemos que ela existe.

Continua após a publicidade

Os demais itens de segurança ativa completam bem a experiência a bordo do ID.4, como o sensor de ponto cego e o piloto automático adaptativo avançado, que realiza esterçamentos e praticamente dirige o ID.4 por você. O assistente de saída de faixa também se mostrou muito útil, evitando colisões laterais quando estamos alternando entre uma pista e outra.

No entanto, dois recursos em especial nos chamaram atenção no convívio com o ID.4: o IQ.Light Matrix e o Memory Park Assist.

O IQ.Light Matrix é um sistema de iluminação inteligente que consegue se adaptar aos objetos à frente para evitar transtornos na estrada, mais precisamente contra outros carros.

Continua após a publicidade

Ao trafegar com o ID.4 à noite, os LEDs do sistema podem se apagar individualmente e contornar os carros tanto no sentido oposto quanto no veículo à frente, evitando que a luz forte ofusque a visão dos demais motoristas. Pode parecer algo simples, mas não é. É tecnologia pura e muito aprendizado de máquina para o funcionamento perfeito desse sistema.

Já o Memory Park Assist une comodidade e precisão. O sistema de estacionamento semiautônomo do ID.4 é de nível 2, ou seja, o motorista não precisa fazer nada para que o carro faça balizas ou pare em vagas de supermercado. Entretanto, caso você já esteja habituado a fazer esse exercício com o SUV, você pode memorizar a vaga e ele vai guardar o carro para você executando os mesmos movimentos que da primeira vez. Isso é muito bom para manobras em estacionamentos apertados.

Continua após a publicidade

Ainda em termos de segurança, o ID.4 vem com mais itens e que estão presentes de série na versão Pro, como sete airbags, controles de estabilidade e tração, sistema ISOFIX, frenagem automática em manobras, frenagem pós-colisão e freios a disco nas quatro rodas.

Conectividade preparada, mas inativa

No campo da conectividade, o VW ID.4 apresenta bons recursos na versão oferecida ao Brasil, mas deixou de oferecer alguns equipamentos que, no nosso entendimento, deveriam estar presentes desde o princípio.

Na Europa e nos EUA, o carro é completamente conectado e vem conexão 4G, GPS atualizado em tempo real e um robusto serviço de concierge. A Volks do Brasil confirmou que trabalha nesses recursos e que devem lançar no SUV posteriormente, mas pelo preço cobrado na assinatura mensal do ID.4. já poderiam estar aqui.

Continua após a publicidade

Além disso, a localização do carro está em português de Portugal, e isso limita um pouco a interação com a assistente pessoal do carro com comandos de voz.

Para compensar, há uma ótima central multimídia de 10 polegadas com espelhamento do Android Auto e Apple CarPlay sem fio, ótima resolução e som de qualidade bem interessante, além de uma interface das mais fáceis e intuitivas que já vimos, uma bela evolução da VW Play, que já é referência no Brasil.

Continua após a publicidade

Experiência de uso e Conforto

Nós já avaliamos muitos carros elétricos e impressiona como cada um consegue se diferenciar bem do outro. No caso do Volkswagen ID.4, temos uma plataforma completamente nova dentro do grupo Volkswagen. A MEB dá origem a outros modelos, como Audi Q6 e-Tron e Audi Q4 e-Tron.

Com isso, o ID.4 consegue manter características fundamentais dos veículos da Volkswagen, mesmo sendo um SUV, mas parece ter elevado a relação com o carro para níveis efetivamente premium. A dirigibilidade é bem direta e com ergonomia perfeita na combinação motorista/volante/visibilidade.

Continua após a publicidade

O propulsor escolhido para a versão Pro é o mesmo que veremos no VW ID.Buzz, a Kombi elétrica. Trata-se de uma unidade acoplada no eixo traseiro e que rende 204cv e 31,6 kgf/m, suficientes para levar o SUV que pesa 2.049kg de 0 a 100 km/h em apenas 8,5s.

Se não é impressionante, o motor dá ao ID.4 boa agilidade no uso urbano e trabalha bem com o sistema de regeneração de energia, algo que ajuda na manutenção da autonomia. Essa sim, impressionante.

Segundo a Volks, as baterias de 77 kWh (as mesmas da Kombi elétrica, vale lembrar também) são capazes de proporcionar ao ID.4 alcance de 520km no ciclo WLTP. Durante nosso uso, que foi estritamente no perímetro urbano, conseguimos perceber que atingiríamos os 480km de autonomia com enorme facilidade. Em casos bem extremos, os 520km seriam possíveis.

Continua após a publicidade

Suspensão adaptativa impressiona

Geralmente falamos do comportamento da suspensão logo quando citamos o powertrain e a dirigibilidade do carro, mas, no caso do ID.4, esse assunto merece um capítulo especial.

O SUV elétrico vem com um sistema de suspensão adaptativo que trabalha com base no estilo de direção do motorista, o terreno e o modo de condução escolhido. Geralmente, carros importados (o ID.4 vem da Alemanha) passam por um processo de tropicalização, mas, no caso do SUV, isso não foi necessário.

Na prática, o SUV tem um rodar muito confortável e pode se adequar a quase todos os terrenos (não o utilizamos no off-road). Ruas esburacadas são facilmente vencidas pelo ID.4, que passa muito pouco das imperfeições para a cabine, mesmo com o peso do carro.

Continua após a publicidade

Há que se destacar, também, o silêncio a bordo e um conforto dos mais sensíveis entre os modelos elétricos desse porte. Quando citamos a experiência premium que a Volks foi capaz de proporcionar com o ID.4, em grande parte foi por causa do conforto que vimos no SUV.

Esse bem-estar acústico está relacionado com o para-brisas especial, que consegue absorver até 7dB a mais do que vidros comumente usados na indústria. Ainda sobre o conforto a bordo, o espaço interno também é digno de destaque. Ele tem 4,58m de comprimento, 1,85m de largura, 1,63m de altura e distância entre-eixos de espantosos 2,77m, mas parece que estamos em um carro bem maior, graças ao bom aproveitamento da cabine.

Continua após a publicidade

Design e Acabamento

O VW ID.4 traz uma experiência premium e isso também passa pelo design e o acabamento do SUV, que quebram vários paradigmas e tiram da Volks a imagem de montadora simplória.

A sensação é de estar diante de um carro feito 20 anos à frente, tamanha a inteligência na construção das linhas, escolha das rodas e conjunto óptico. Sabemos que se trata de um SUV, mas o design une elementos de hatchback e de um coupé, dependendo de como olharmos.

Na traseira, há uma evolução do que vimos em modelos já lançados pela Volks, como o próprio Nivus. Há uma peça que une as duas lanternas, mas ela está mais afilada e elegante, além de receber um tratamento diferenciado nos LEDs internos.

A cabine, por sua vez, é mais futurista ainda. Os feixes de LED no painel frontal com o funcionamento da central inteligente do ID.4 deixam tudo bem harmonioso e ajudam na imersão que o carro oferece. Além disso, o acabamento é impecável e mostra que a Volkswagen sabe como trabalhar com materiais luxuosos. Na Europa, isso é mais comum, mas os brasileiros não estão acostumados com tamanha qualidade vinda da Volks.

Concorrentes

O Volkswagen ID.4 chega um pouco atrasado ao mercado nacional e apenas por assinatura, ou seja, difícil precificar o SUV, muito embora tenhamos dado nosso palpite na casa dos R$ 370 mil.

Pelos dados técnicos e o que oferece, o SUV elétrico da Volks vai enfrentar concorrentes como Volvo XC40, Volvo C40, Chevrolet Bolt EUV, Peugeot e-2008 GT, BYD Yuan Plus e BMW iX1.

Volkswagen ID.4: Vale a pena assinar o SUV elétrico?

Por tudo o que oferece, o Volkswagen ID.4 é um excelente produto e mostra que a Volks sabe como fazer produtos realmente avançados e em pé de igualdade com modelos premium. A experiência a bordo do SUV foi a mais próxima que tivemos de um carro de luxo sem ser em um modelo considerado desse segmento.

A questão, passa pelo modelo de negócio. A assinatura do VW ID.4 parte de R$ 10 mil e parece vantajosa em termos financeiros quando colocamos todos os gastos na ponta do lápis, principalmente em uma eventual simulação de financiamento.

Entretanto, a cultura no Brasil para se ter um carro por assinatura ainda é incipiente, além dos desafios de se ter um modelo movido à bateria por aqui. Se você se encaixar nesse perfil, pode ir sem medo.

O VW ID.4 está disponível por assinatura no serviço Sign & Drive nos seguintes planos:

  • R$ 9.990/mês com 1.500 km/mês
  • R$ 11.490/mês com 2.000 km/mês
  • R$ 11.890/mês com 2.500 km/mês

No Canaltech, o Volkswagen ID.4 foi avaliado graças a uma unidade gentilmente cedida pela Volkswagen do Brasil.