Xperia 1 III vs Galaxy S21 Ultra: a Sony ainda consegue brigar com gigantes?

Por Renan da Silva Dores | Editado por Wallace Moté | 23 de Abril de 2021 às 11h00
Divulgação/Sony e Samsung

Focando apenas em alguns mercados para conseguir manter a operação de sua divisão mobile lucrativa, a Sony segue lançando smartphones e investindo em visual e recursos únicos. No último dia 14 de abril, a empresa anunciou sua nova família Xperia, com destaque para o Xperia 1 III, mais novo topo de linha da marca voltado para o segmento premium.

Além do já esperado Snapdragon 888 à frente do conjunto de processamento, o Xperia 1 III se destaca pela tela, a primeira do mercado a oferecer resolução 4K com taxa de atualização de 120 Hz, além do seu conjunto de câmeras que, apesar de não contar com sensores de altíssima resolução, oferecem grande liberdade de customização e uma nova lente "telefoto variável", com duas distâncias focais.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Mas será que a fabricante japonesa ainda consegue confrontar outras gigantes e seus smartphones premium? Neste comparativo, o Canaltech coloca o Xperia 1 III para encarar o Galaxy S21 Ultra, modelo mais poderoso da Samsung no momento e um dos smartphones mais premium do mercado, para descobrir se a Sony ainda consegue chamar a atenção entre suas rivais.

Design

Tanto o Xperia 1 III quanto o Galaxy S21 Ultra oferecem o que há de melhor no mercado em termos de construção, com ambos utilizando estrutura em metal e painéis frontal e traseiro com o novo Gorilla Glass Victus, com acabamento fosco na traseira. Ainda assim, as filosofias de design de cada um são completamente opostas.

Sony Xperia 1 III nas cores Frosted Purple, Frosted Black e Frosted Gray (Imagem: Reprodução/XDA Developers)

A Sony mantém o seu tradicional design retangular de linhas retas, sem qualquer interrupção na tela, mas com bordas maiores no topo e na base para abrigar sensores, câmera frontal e o par de alto-falantes estéreo, voltados para o usuário.

A traseira é bastante minimalista, contando apenas com o logo da Sony no centro, da linha Xperia na base e o conjunto triplo de câmeras no canto superior esquerdo. O Xperia 1 III está disponível nas cores Frosted Black (preto), Frosted Gray (cinza) e Frosted Purple (roxo), todas com acabamento fosco.

Do lado da Samsung, temos uma abordagem que pode ser considerada mais moderna para alguns usuários. O aparelho é repleto de curvas, contando com tela que ocupa praticamente toda a parte frontal do telefone, trazendo laterais ligeiramente curvadas, bordas extremamente finas e um furo centralizado para abrigar a câmera frontal.

Galaxy S21 Ultra nas cores Phantom Titanium, Phantom Brown e Phantom Navy (Imagem: Divulgação/Samsung)

Sua traseira também traz pouco elementos visuais e acabamento fosco, com logo da Samsung na base e módulo de câmeras no canto superior esquerdo, seu ponto mais chamativo.

O conjunto de lentes é adornado por uma placa de metal que se integra à armação do celular sul-coreano para dar um visual bastante característico ao dispositivo. O Galaxy S21 Ultra está disponível nas cores Phantom Black (preto), Phantom Silver (prata), Phantom Titanium (cinza com acabamento especial no módulo de câmeras), Phantom Navy (azul) e Phantom Brown (marrom).

Tanto o Xperia 1 III quanto o Galaxy S21 Ultra trazem certificação IP68 contra danos por água e poeira, podendo ser submersos em até 1 metro e meio de água doce por 30 minutos. 

Tela

  • Sony Xperia 1 III: OLED de 6,5 polegadas, 21:9, resolução 4K de 3840 x 1644 pixels, taxa de atualização de 120 Hz, HDR BT.2020, Gorilla Glass Victus
  • Samsung Galaxy S21 Ultra: Dynamic AMOLED 2X de 6,8 polegadas, 20:9, resolução Quad HD+ de 3200 x 1440 pixels, taxa de atualização de 120 Hz, HDR10+, Gorilla Glass Victus

Samsung e Sony não economizam em tela e trazem os melhores painéis do mercado, ao menos no papel. O Xperia 1 III traz display OLED 21:9 de 6,5 polegadas 4K com resolução de 3840 x 1644 pixels e taxa de atualização de 120 Hz, o primeiro a combinar tamanha resolução com alta taxa de atualização. Os investimentos da gigante japonesa não param por aí e há diversas tecnologias de aprimoramento de imagem tradicionais da Sony, acompanhado de outras especificações de respeito.

O Xperia 1 III consegue reproduzir cores da gama BT.2020, ainda mais ampla que o DCI-P3 de outros celulares premium (Imagem: Reprodução/Sony)

A tela do Xperia é capaz de exibir até 1 bilhão de cores e seu HDR é compatível com cobertura de cores BT.2020, também conhecida como Rec.2020, ainda mais ampla do que o DCI-P3 utilizado em outros smartphones do mercado. Para lidar com as configurações robustas, a Sony implementou o chamado Bravia X1 for Mobile, versão para smartphones de seu motor de processamento de imagem da linha de TVs Bravia.

O Galaxy S21 Ultra é equipado com display Dynamic AMOLED 2X, a evolução do popular Super AMOLED da empresa, que se destaca de seu antecessor por contar com melhor contraste, brilho ainda mais alto e capacidade de reproduzir cores na já citada gama DCI-P3, comum no cinema. A tela tem resolução Quad HD+ de 3200 x 1440 pixels, taxa de atualização de 120 Hz e HDR10+, com pico de brilho de impressionantes 1.500 nits.

A tela do Galaxy S21 Ultra é a atual campeão do ranking de displays do DXOMARK, site especializado em análises técnicas (Imagem: Divulgação/Samsung)

Os painéis da Samsung são reconhecidamente alguns dos melhores do mercado, estando presentes nos principais topos de linha de rivais como Apple e Xiaomi, e constantemente recebem algumas das melhores notas de testes profissionais como DisplayMate e DXOMARK, no qual o Galaxy S21 Ultra é o atual campeão no ranking de telas.

Câmeras

  • Sony Xperia 1 III: 12 MP (Principal, f/1.7) + 12 MP (telefoto variável, f/2.3 e f/2.8, zoom óptico de 3x e 4,4x) + 12 MP (ultra wide, f/2.2, 124º) + ToF 3D (Profundidade) + 8 MP (Frontal, f/2.0)
  • Samsung Galaxy S21 Ultra: 108 MP (Principal, f/1.8) + 10 MP (telefoto periscópio, f/4.9, zoom óptico de 10x) + 10 MP (telefoto, f/2.4, zoom óptico de 3x) + 12 MP (Ultra wide, f/2.2, 120º) + 40 MP (Frontal, f/2.2)

Em câmeras, o Xperia 1 III traz um conjunto semelhante ao do Xperia 1 II, mas com algumas novidades interessantes. O aparelho tem câmera frontal de 8 MP e três câmeras traseiras, sendo uma principal de 12 MP, uma ultra wide de 12 MP com campo de visão de 124º e uma "telefoto variável", também de 12 MP, marcando a principal mudança do conjunto. Naturalmente, a lente telefoto do aparelho conta com zoom óptico de 3x e abertura de f/2.3.

Antes um app dedicado, o Cinema Pro é agora um modo profissional extremamente robusto integrado à câmera comum do Xperia 1 III (Imagem: Reprodução/Sony)

No entanto, as lentes são capazes de se movimentar para atingir zoom óptico de 4,4x, em uma abertura de f/2.8, tornando a câmera mais versátil, ainda que não no mesmo nível de seus rivais. Complementa o zoom o chamado "AI Super Resolution Zoom", que promete entregar zoom digital de qualidade superior. Estão de volta ainda as otimizações profissionais da Sony, em especial o Cinema Pro, que agora é integrado ao app tradicional de câmera como um modo.

Nele, ajustes finos de foco, exposição, zoom e mais podem ser configurados para entregar resultados personalizados, ideais para profissionais. Fora isso, assim como o irmão Xperia PRO, o Xperia 1 III pode ser conectado a uma câmera profissional para atuar como um monitor secundário durante gravações, exibindo a imagem capturada e seus detalhes técnicos como brilho e cores. Completam os recursos um sensor ToF 3D para cálculo de profundidade.

Mais versátil e amigável com usuários comuns, o Galaxy S21 Ultra traz sensor frontal de 40 MP e quatro câmeras traseiras com sensor principal Samsung ISOCELL HM3 de 108 MP, telefoto periscópio de 10 MP com zoom óptico de 10x, telefoto de 10 MP com zoom óptico de 3x e ultra wide de 12 MP com campo de visão de 120º.

As câmeras do Galaxy S21 Ultra são mais amigáveis aos usuários que querem realizar capturas rápidas sem precisar de edições avançadas (Imagem: Divulgação/Samsung)

Além de modo Pro, ainda que muito mais simples que o da Sony, o celular da Samsung conta com recursos únicos como AR Doodle, para criação de modelos 3D em Realidade Aumentada, Super Steady Shot, que utiliza a câmera ultra wide para vídeos com estabilização aprimorada, e o modo Diretor, que captura vídeos, fotos e GIFs com todas as câmeras para que o usuário escolha as melhores.

O Galaxy S21 Ultra também se destaca por contar com captura de vídeo em até 8K a 24 FPS, enquanto o Xperia 1 III é limitado a "apenas" 4K a 60 FPS, ou 4K a 120 FPS para câmera lenta.

Processamento e memória

  • Sony Xperia 1 III: Qualcomm Snapdragon 888 (1x 2,84 GHz Kryo 680 + 3x 2,42 GHz Kryo 680 + 4x 1,8 GHz Kryo 680)
  • Samsung Galaxy S21 Ultra: Qualcomm Snapdragon 888 ou Samsung Exynos 2100 (1x 2,9 GHz Cortex-X1 + 3x 2,8 GHz Cortex-A78 + 4x 2,2GHz Cortex-A55)

Em processamento, temos em ambos os melhores chipsets do mundo Android, com algumas ressalvas. O Xperia 1 III traz o Snapdragon 888 da Qualcomm, que se destaca pelo uso dos novos núcleos prime Cortex-X1, desenvolvido pela ARM mirando nos processadores da Apple, e Cortex-A78 de alto desempenho, bem como Cortex-A55 para o conjunto de baixo consumo.

Com pontuações que variam entre os 660.000 e os 720.000 pontos, o chip topo de linha da Qualcomm é estável e bastante poderoso, ainda que também gere bastante calor. O Galaxy S21 Ultra vendido na China e EUA também oferece o Snapdragon 888, mas conta com o Exynos 2100 da Samsung para o mercado global, incluindo o Brasil.

(Imagem: Reprodução/Samsung e Qualcomm)

Apesar de muito parecidos, o Exynos tem clocks mais altos, o que na teoria o coloca à frente do rival da Qualcomm. No entanto, ainda que consiga superar o Snapdragon em alguns cenários, enquanto empata em outros, o chip da Samsung é instável e sofre com o aumento de temperaturas, perdendo performance com maior intensidade e em menos tempo do que o concorrente, especialmente em tarefas pesadas como jogos ou uso da câmera.

Em questão de memórias, o Xperia 1 III conta com 12 GB de RAM e opções de 256 GB e 512 GB de armazenamento com possibilidade de expansão via cartão MicroSD. Enquanto isso, o Galaxy S21 Ultra traz 12 GB ou 16 GB de RAM e 128 GB, 256 GB e 512 GB de armazenamento, mas não há suporte a cartões MicroSD por aqui.

Bateria

  • Sony Xperia 1 III: 4.500 mAh com carregamento rápido de 30 W
  • Samsung Galaxy S21 Ultra: 5.000 mAh com carregamento rápido de 25 W

Na bateria, o Xperia 1 III tem um tanque de 4.500 mAh, mais modesto do que os 5.000 mAh do Galaxy S21 Ultra. O celular da Sony também depende das otimizações de software da empresa em se tratando da autonomia, considerando a tela robusta que possui. Na parte de carregamento, no entanto, o telefone japonês sai na frente, suportando 30 W contra 25 W do aparelho sul-coreano. O Xperia 1 III promete recuperar 50% da carga em 30 minutos de recarga.

Recursos extras

O Xperia 1 III é equipado com Wi-Fi 6, Bluetooth 5.2, NFC, certificação IP68 de resistência à água e poeira, conector P2 para fones de ouvido, leitor de digitais na lateral, além de carregamento sem fio com suporte a carregamento reverso.

O Xperia 1 III pode ser alimentado diretamente do carregador durante games para poupar a bateria (Imagem: Divulgação/Sony)

São destaques ainda a já citada possibilidade de utilizar o dispositivo como um segundo monitor para câmeras profissionais, áudio estéreo e recursos focados em games, como gravação automática dos últimos 30 segundos de gameplay e a possibilidade de manter o aparelho funcionando apenas com energia do carregador, evitando assim desgaste da bateria por aquecimento e carga excessiva, algo semelhante ao que é visto no recente Legion Phone Duel 2 da Lenovo.

Já o Galaxy S21 Ultra conta com um número ainda maior de recursos que incluem Wi-Fi 6E, NFC, Bluetooth 5.2, certificação IP68 de resistência à água e poeira, carregamento sem fio com suporte a carregamento reverso e comunicação via UWB (Ultra Wideband), o "GPS para ambientes internos" utilizado para funcionamento das novas Galaxy SmartTags+, por exemplo.

O Galaxy S21 Ultra é o primeiro celular da linha Galaxy S a suportar a S-Pen (Imagem: Divulgação/Samsung)

Há ainda modo DeX com suporte a funcionamento sem fio, para transformar o aparelho em um mini desktop, leitor de digitais ultrassônico sob a tela com tecnologia Qualcomm 3D Sonic de segunda geração e suporte à caneta S-Pen, tanto em modelo próprio quanto a de outros smartphones e tablets da marca, como o Galaxy Note 20 Ultra.

Xperia 1 III vs Galaxy S21 Ultra: qual é o mais premium?

Com lançamento previsto para o verão do hemisfério norte, com rumores apontando para uma estreia em 20 de julho, o Xperia 1 III da Sony é um aparelho extremamente robusto que deve agradar a públicos específicos, como fotógrafos, gamers e cinéfilos, em virtude de seus recursos focados na produção e consumo de mídia.

O aparelho tem excelente sistema de áudio, câmeras que entregam grande liberdade de customização dos resultados e funções como captura automática dos últimos trinta segundos de gameplay e a possibilidade de manter o aparelho funcionando diretamente do carregador, sem afetar a bateria. Assim como as gerações anteriores, o novo Xperia tem DNA de smartphone premium com foco em profissionais, e é capaz de concorrer com gigantes.

Se antes o modelo mais potente da família era muito caro frente a seus rivais, hoje o Xperia 1 III é uma opção sólida. Com preço sugerido de 1.300 euros (cerca de R$ 8.699, em conversão direta), o aparelho briga de frente com outros celulares premium, como o próprio Galaxy S21 Ultra, que custa quase o mesmo. Infelizmente, o aparelho é exclusivo de alguns mercados, seguindo a nova estratégia da Sony Mobile para se manter lucrativa.

Ainda assim, por oferecer uma experiência mais amigável a todos os usuários e contar com um número ainda maior de funções, como o modo DeX e o suporte à S-Pen, o Galaxy S21 Ultra pode curiosamente ser uma opção com "maior custo-benefício". Além disso, ele é o único disponível no Brasil, custando atualmente algo em torno de R$6.999.

E você, leitor? Gostaria de ter a oportunidade de comprar o Sony Xperia 1 III, ou acredita que o Samsung Galaxy S21 Ultra é mesmo uma escolha mais acertada? Concorda com nosso veredito? Comente conosco suas opiniões!

Xperia 1 III vs Galaxy S21 Ultra: ficha técnica

Especificações Sony Xperia 1 III Samsung Galaxy S21 Ultra
Tela 6,5" OLED, 4K, 120 Hz 6,8", Dynamic AMOLED 2X, Quad HD+, 120 Hz
Chipset Qualcomm Snapdragon 888

Qualcomm Snapdragon 888 (EUA/China)

Samsung Exynos 2100 (Global)

Memória RAM 12 GB 12 GB ou 16 GB
Armazenamento 256 GB ou 512 GB 128 GB, 256 GB ou 512 GB
Câmera traseira

12 MP (Principal, f/1.7)

12 MP (Telefoto variável, f/2.3 e f/2.8, zoom óptico de 3x e 4,4x)

12 MP (Ultra wide, f/2.2, 124º)

ToF 3D (Profundidade)

108 MP (Principal, f/1.8)

10 MP (telefoto periscópio, f/4.9, zoom óptico de 10x)

10 MP (telefoto, f/2.4, zoom óptico de 3x)

12 MP (Ultra wide, f/2.2, 120º)

Câmera frontal 8 MP (f/2.0) 40 MP (f/2.2)
Bateria 4.500 mAh com carregamento rápido de 30 W 5.000 mAh com carregamento rápido de 25 W
SO Android 11 Android 11, sob a One UI 3.1
Extras NFC, conector P2, leitor de digitais lateral, Wi-Fi 6, Bluetooth 5.2, áudio estéreo, IP68, carregamento sem fio e reverso NFC, leitor de digitais ultrassônico, Wi-Fi 6E, Bluetooth 5.2, áudio estéreo, modo DeX, suporte à S-Pen, UWB, IP68, carregamento sem fio e reverso

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.