Galaxy Z Fold 3 pode estrear chip Exynos com AMD Radeon, sugere informante

Por Renan da Silva Dores | Editado por Wallace Moté | 16 de Abril de 2021 às 10h30
Divulgação/Samsung

Muito aguardado por entusiastas dos celulares dobráveis, o Galaxy Z Fold 3 da Samsung tem protagonizado um número crescente de rumores. O aparelho pode trazer algumas novidades bem-vindas, como a inclusão do suporte à S-Pen, ao mesmo tempo em que contaria com algumas mudanças questionáveis, como redução da bateria e do tamanho da tela interna.

No entanto, não será na aparência ou funcionalidade que o dobrável trará seu maior destaque, mas sim em suas especificações. Pelo menos é isso que sugere o renomado leaker Ice Universe, conhecido por seu bom histórico de vazamentos. Em publicação realizada nesta sexta-feira (16), o leaker sugeriu que o conjunto de processamento do Galaxy terá uma novidade especial.

Primeiro com GPU AMD Radeon

A postagem de Ice Universe comenta sobre os vazamentos do Galaxy Z Fold 3 e cita então que o processador é chamado de "Top Secret", ou ultra secreto em tradução livre. O leaker então diz que não há necessidade de o chipset do novo dobrável ser um segredo, caso seja o Snapdragon 888 ou o Exynos 2100, melhores chipsets da Qualcomm e da própria Samsung no momento.

Ice Universe então sugere que o componente pode se tratar de algo novo ao concluir sua publicação com um "a não ser que...". É muito provável que o leaker possa estar se referindo ao aguardado Exynos com GPU AMD Radeon, já confirmado pela própria Samsung. De acordo com vazamentos anteriores, o chip pode chegar para balançar o mercado de smartphones, e até mesmo de outros eletrônicos.

O que se sabe do novo Exynos?

Durante o lançamento do Exynos 2100 em janeiro, a Samsung confirmou que seu próximo topo de linha seria equipado com uma nova variante da família Exynos munida da GPU nascida da parceria com a AMD. Desde então, a empresa não divulgou mais informações, mas diversos vazamentos detalharam o que podemos esperar da novidade.

O novo Exynos com GPU AMD conseguiria desempenho gráfico mais de 50% superior ao A14 Bionic da Apple (Imagem: Divulgação/Samsung)

O grande destaque do chipset será de fato sua GPU, marcando assim o retorno da AMD aos processadores para smartphones, depois de vender sua divisão de gráficos mobile para a Qualcomm. Tudo indica que a nova solução, supostamente baseada na arquitetura RDNA 2 presente nos novos consoles e na linha RX 6000 para PC, pode assumir o posto de gráficos mais rápidos de um celular, superando até mesmo o A14 Bionic da Apple em mais de 50%.

A solução atingiria desempenho tão elevado que a gigante sul-coreana estaria considerando levá-la aos notebooks, seguindo assim a tendência de crescimento da arquitetura ARM nos computadores. O novo Exynos com GPU AMD chegaria para brigar com o Snapdragon 8cx e o Apple M1, atingindo performance até 20% superior à de sua versão para smartphones, graças ao sistema de refrigeração mais robusto.

Fonte: Ice Universe

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.