Publicidade

Review Ford F-150 Platinum | Soberania justificada

Por| Editado por Jones Oliveira | 08 de Outubro de 2023 às 09h30

Link copiado!

Review Ford F-150 Platinum | Soberania justificada
Review Ford F-150 Platinum | Soberania justificada

As caminhonetes são os veículos mais vendidos dos Estados Unidos, com pouco mais de 40% do mercado. Há mais de quatro décadas, a F-Series, da Ford, segue dominando esse mercado desde os tempos de F-100 e F-1000, lendas do mercado norte-americano e que também já estiveram no Brasil.

Após um grande hiato, finalmente a Ford voltou a apostar em modelos full size e trouxe a atual geração a Ford F-150, seu carro mais vendido não apenas em sua terra natal, mas no mundo todo.

No Brasil, a disputa promete ser tão dura quanto é nos EUA, já que a RAM conseguiu conquistar boa parte da demanda reprimida por esse tipo de produto em nosso mercado e a Chevrolet vai trazer a Silverado muito em breve.

Continua após a publicidade

O Canaltech passou alguns dias com a F-150 na versão Platinum e vai te explicar os motivos pelos quais essa caminhonete é a mais vendida do mundo.

Conectividade, Segurança e Tecnologia

Continua após a publicidade

Nós já tivemos um primeiro contato com a Ford F-150 no lançamento que a montadora preparou em seu campo de provas, em Tatuí/SP. Já pudemos testar a caminhonete na pista e no ambiente off-road bem pesado, mas ainda faltava o convívio na cidade e como suas tecnologias impactam o uso diário.

O pacote de segurança, tecnologia e infotenimento da F-150 é bem completo e atende tudo aquilo que entendemos ser adequado para um carro desse porte e preço, mas, mais do que somente citar o que a picape traz, é necessário explicar como seus recursos foram importantes no dia a dia.

A F-150 tem quase seis metros de comprimento e manobrá-la nas grandes cidades não é tarefa simples, por isso, a Ford tratou de equipá-la com o que tem de melhor no seu portfólio quando o assunto é assistências de condução.

Continua após a publicidade

Para o uso no trânsito pesado, a F-150 se destaca com dois itens em especial: o alerta de cruzamento e o sistema inteligente de troca de faixa. Dentro do que foi possível avaliar em segurança, esses recursos tornaram a experiência com a caminhonete mais segura.

Com o alerta de cruzamento, a F-150 evita que haja uma colisão no momento da entrada do carro nessa situação. Claro que também dependemos do que os outros motoristas estão fazendo, mas a caminhonete exibe sinais e é capaz de frenar por conta própria caso tenhamos necessidade.

Já o sistema inteligente de troca de faixa evita que batamos o carro no ato da troca de faixa, corrigindo a rota se necessário. Como ela também é equipada com o alerta de colisão frontal e a frenagem automática de emergência, é quase impossível de bater a F-150 em um trânsito corriqueiro.

Continua após a publicidade

O pacote de itens conhecido como ADAS é bem completo na F-150 Platinum. Além dos recursos que já citamos, há o piloto automático adaptativo, alerta de ponto cego, alerta de tráfego cruzado traseiro, sistema de permanência em faixa com esterçamento ativo, comutador automático do farol alto e detector de fadiga.

Ainda no campo das “ajudas” no dia a dia, vale destacar que a picape vem com uma ótima câmera 360º, essencial para estacionar esse monstro, bem como o sistema de estacionamento semiautônomo especialmente desenvolvido para o uso em trailers, o Pro Trailer.

Vale lembrar que a Ford F-150 tem oito airbags, controles de estabilidade e tração, iluminação externa 3D, sistema ISOfix, entradas USB-C e USB-A, carregador de celular por indução e tomadas 120V.

Infotenimento completo, mas sem 4G

Continua após a publicidade

Já no campo do infotenimento, a Ford tratou de caprichar e a F-150 está alinhada com o que suas concorrentes trazem. Tudo aqui gira em torno da ótima central multimídia Sync 4, que está completamente repaginada e traz uma interface das mais completas do mercado.

A tela tem 12 polegadas possui ótima resolução, com comandos responsivos e tudo sendo bem fácil de ser localizado. O espelhamento com Android Auto e Apple CarPlay pode ser feito sem fio, e o aproveitamento da tela com esses programas ativos pode ser parcial ou total, dependendo do gosto do motorista.

O sistema de som merece destaque por sua qualidade e presença na cabine. São 18 alto-falantes assinados pela Bang & Olufsen que despejam um som absurdamente cristalino, privilegiando agudos e riffs de guitarra, do jeito que gostamos.

Continua após a publicidade

Há, também, o módulo Ford Pass Connect, o mesmo que vimos na Ford Maverick e no Ford Bronco. Com ele, temos conectividade com o carro por meio de um aplicativo, contando com uma série de recursos de monitoramento e telemetria. A bola fora, no entanto, é a ausência de um módulo 4G nativo.

Experiência de uso e Conforto

O fato de ser extremamente tecnológica dá à Ford F-150 uma enorme vantagem competitiva e torna a vida de seus proprietários mais tranquila, principalmente se eles morarem nas capitais brasileiras.

Continua após a publicidade

O uso da F-150 no trânsito e nos estabelecimentos comerciais na cidade de São Paulo, por exemplo, é um enorme desafio, mas que é bem mitigado pelos itens que mencionamos mais cedo nesse review. Entretanto, há pontos que, realmente, nos surpreenderam positivamente.

Para começar, estamos falando de uma caminhonete com motor de Mustang, o conhecido 5.0 V8 Coyote de 405cv e 56,7 kgf/m. Aliado ao câmbio automático de 10 marchas, tração 4x4 (que pode ser integral e automática) e o conjunto de suspensão, a vida com ela parece muito com a de um carro de passeio, bem diferente do que imaginávamos.

Na dianteira, temos o braço independente com duplo wishbone, enquanto na traseira o eixo é rígido com feixes de molas. Construída em alumínio, a F-150 permite pouca torção da carroceria e os ajustes do conjunto de amortecedores foi pensado para o Brasil, ou seja, ela não fica molenga quase em nenhum momento.

Continua após a publicidade

Quando aceleramos forte, os algoritmos do sistema de direção da Ford atuam para tornar tudo mais “na mão”, algo que já tínhamos notado nos testes em Tatuí e que ficou mais claro na estrada e na cidade. As curvas são feitas sem que sejamos jogados para o lado, mesmo em velocidades mais altas.

O uso urbano também nos reservou surpresas com as atividades do dia a dia. Em terrenos mais esburacados, poucos foram os solavancos, característicos de picapes e que, na F-150, são bem amortizados. Em alguns momentos, me lembrei de como era dirigir um Ford Focus ou Ford Fusion, fruto da presença do DNA da marca em dirigibilidade.

Para o uso na cidade, vale dizer, deixamos sempre a caminhonete no modo Eco, para torná-la mais anestesiada e mansa. Mas, caso houvesse necessidade, o modo “Normal” já daria conta do recado e colocaria os 405cv para trabalhar. O 0 a 100km/h, com o modo Sport ligado e a tração integral ativa, foi de 7,1s, o mesmo que a Ford divulgou oficialmente.

Continua após a publicidade

O consumo foi outro ponto bem positivo. Nossas médias no uso urbano foram de 7 km/l, enquanto na estrada chegamos a 10 km/l. Nada mal para um carro de 2.517kg.

Conforto no espaço e na sensação

A cabine da F-150 é das mais silenciosas que já vimos não apenas entre as caminhonetes, mas também no mercado como um todo. Não há a interferência de módulos eletrônicos de isolamento, como na RAM 1500, mas o trabalho da engenharia nesse caso foi primoroso.

Além disso, há espaço de sobra na cabine, sobretudo na fileira traseira, capaz de receber quatro adultos com absoluta tranquilidade. Há, aqui, boa oferta de saídas de ar-condicionado e os já mencionados alto-falantes estão por toda parte, garantindo ótima experiência de som em viagens.

Continua após a publicidade

Em termos de recursos de conforto, além do ar-condicionado dual zone e automático, há retrovisor interno eletrocrômico, ajustes elétricos para os bancos dianteiros, caçamba com porta automática e suportes para subida, estribo automático, chave presencial, partida por botão e luz ambiente.

Caçamba e capacidades de trabalho

Estamos falando de um carro que, em tese, pode ser de trabalho e o compartimento de carga da F-150 é enorme. A caminhonete tem 5,88m de comprimento, 2,09m de largura, 1,96m de altura e distância entre-eixos de 3,69m, números que, claro, ajudam a configurar o porte e usabilidade da picape.

A caçamba tem 1.370l e tem carga útil de 681kg. O reboque, por sua vez, é de 3.515kg de capacidade e tem a ajuda do módulo Pro Trailer, que ajuda nas manobras com o reboque invertendo o eixo de direção e jogando os movimentos para um botão no painel.

Design e Acabamento

A versão Platinum da F-150 traz tudo o que há de melhor na linha da Ford em termos de acabamento. O perfil do cliente exige que essa picape seja bem luxuosa e isso é seguido à risca, com materiais nobres percorrendo toda a cabine, como couro, soft touch e peças metalizadas.

Além de ser luxuosa, a cabine é extremamente funcional e traz muitos porta-objetos e até uma mesa, que pode ser estendida com a retração do câmbio, algo realmente surpreendente.

O design da atual geração, por sua vez, segue o padrão que a Ford tem adotado em suas caminhonetes, algo que já vimos na Ford Maverick e na recém-lançada Ranger. Há muitos cromados e tudo é bem harmônico e robusto, como uma bela picape americana deve ser.

Concorrentes

Atualmente, as concorrentes da Ford F-150 no Brasil são os modelos full-size da RAM, como a 1500, a 2500 e a 3500, além da Classic, que tem porte semelhante, mas é de uma geração anterior. A Chevrolet Silverado ainda vai ser lançada por aqui, mais para o final do ano. Os preços variam entre R$ 360 mil e R$ 550 mil.

Ford F-150 Platinum: vale a pena?

A liderança da F-150 no seu segmento é mais do que justificada. Uma caminhonete gigantesca que traz muita tecnologia, performance conectividade e estilo, além de um uso que pode, facilmente, ser confundido com de um carro de passeio, tamanho o esmero da Ford em seu acerto de suspensão e conforto.

A Ford F-150 Platinum é vendida no Brasil por R$ 519.990, mas há a versão Lariat Sport por R$ 479.990.

No Canaltech, a Ford F-150 Platinum foi avaliada graças a uma unidade gentilmente cedida pela Ford Brasil.