Publicidade

Preview RAM 3500 Longhorn Limited | Picape tem força e luxo de sobra

Por| Editado por Jones Oliveira | 24 de Março de 2022 às 16h00

Link copiado!

Felipe Ribeiro/ Canaltech
Felipe Ribeiro/ Canaltech

As picapes grandes já estiveram mais presentes no Brasil. Modelos como Dodge RAM Dakota e Chevrolet Silverado, para citar algumas, já desfilaram com maior frequência em nossas estradas e fazendas, sempre esbanjando força bruta e despertando o desejo de pequenos e grandes produtores — além de alguns entusiastas.

A RAM, sob o guarda-chuva da Fiat-Chrysler (agora Stellantis), percebeu haver uma forte necessidade nesse segmento e começou a importar novamente a enorme e luxuosa RAM 2500, que desde 2005 tem a alcunha de maior picape disponível no país. Entretanto, com a alta demanda e necessidade de modelos ainda maiores, a empresa decidiu arriscar e trazer o modelo 3500.

Hoje, a RAM 3500 é a maior e mais luxuosa picape disponível no Brasil. Com capacidade de carga de quase duas toneladas e reboque suportando 9 mil quilos, esse modelo tem força, tecnologia e beleza para atrair fazendeiros de todo o país, principalmente por custar praticamente a mesma coisa do que sua irmã menor.

Continua após a publicidade

O Canaltech foi até a cidade de São Pedro, no interior de São Paulo, para conferir de perto o que a RAM 3500 tem a oferecer. Vejam nossas primeiras impressões sobre a maior e mais luxuosa picape disponível no Brasil.

RAM 3500 Longhorn Limited: Primeiras impressões

A RAM 3500 Longhorn Limited é um verdadeiro colosso. Suas medidas impressionam e passam a sensação de estarmos diante de um caminhão, tamanha a sua imponência. O consumidor brasileiro não está acostumado com este tipo de produto, tampouco a infraestrutura de nossas cidades, portanto, essa monstruosidade deve mesmo desfilar no interior.

O Canaltech está no WhasApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

A experiência de conviver com a RAM 3500 é prazerosa e semelhante a de um carro de passeio, muito em função de suas tecnologias e do trabalho de engenharia da RAM.

Mesmo passando por terrenos complicados e diferentes tipos de solo, o impacto na cabine é muito reduzido graças à suspensão retrabalhada, bem superior a do modelo 2500. Isso, claro, proporciona ao veículo ainda mais capacidade de carga.

No primeiro exercício com a picape, rebocamos um trailer de 8 toneladas. O percurso controlado foi feito com extrema facilidade, principalmente com a função tow/haul, que "segura" mais o reboque e que praticamente nos fez esquecer que havia uma casa atrás de nós.

Continua após a publicidade

Segundo a montadora, a RAM 3500 pode rebocar até 9 toneladas e carregar 1.752kgs na caçamba, a maior capacidade do Brasil, muito mais do que a 2500, que pode levar 1.088kgs e rebocar 7,8 toneladas. O motor de ambas é o mesmo: o excelente 6.7 Cummins turbodiesel com seis cilindros, que na 3500 despeja 377cv e 110,7 kgf/m de torque.

Esse propulsor é tão forte que a RAM 3500 pode rebocar um trator de 7 toneladas somente com a função 4x4 reduzida, sem acelerações. Ou seja, somente o giro do motor tem força suficiente para levar um veículo pesado e trabalhar em situações adversas, como atolações, por exemplo.

E na pista?

Continua após a publicidade

Já no exercício de pista, tivemos uma experiência semelhante a uma estrada ou ruas das cidades. Mesmo com seu seus mais de 6 metros de comprimento e 3,6 mil quilos de peso, a RAM 3500 é uma picape ágil, com pouca torção em curvas e extremamente agradável ao volante.

O problema, claro, é navegar com um monstro desses nas ruas de São Paulo ou de outras metrópoles, algo semelhante com o que presenciamos com a RAM 1500 Rebel. Mesmo que no caminho seja algo contornável, a RAM 3500 terá pouquíssimas vagas ou estabelecimentos que lhe "aceitem", já que são 2,03m de altura e 2,12m de largura.

Luxo absurdo

Continua após a publicidade

A RAM 3500 Longhorn Limited é um veículo essencialmente de trabalho, mas quem disse que o luxo e o conforto ficariam em segundo plano? Ao entrar na picape, o sentimento é de espanto, tamanha a qualidade dos materiais e dos detalhes, tudo muito bem pensado para o público que esse veículo quer atrair.

Há couro por todas as partes e detalhes no painel feitos com madeira de carvalho reflorestada. O volante também ostenta o mesmo material, enquanto as portas trazem puxadores e adereços com tons de ouro envelhecido.

No meio de tudo isso, também há espaço para a tecnologia, com a enorme central multimídia vertical de 12 polegadas, que traz, além das informações do veículo, a ligação com as câmeras presentes na picape, como a lente 360º para manobras e a inédita câmera de carga, que mostra o que há na caçamba.

Continua após a publicidade

Breves momentos com a RAM 2500

Durante o dia no Haras NSG e na pista de testes da Bridgestone, também pudemos passar um tempinho com a RAM 2500 Laramie, a antiga maior picape do mercado brasileiro. Com ela, porém, fizemos um exercício para testar suas capacidades off-road.

Continua após a publicidade

Mesmo com um percurso considerado de dificuldade média, a RAM 2500 o venceu com facilidade absurda, algo que modelos médios como a Toyota Hilux ou Ford Ranger fariam com alguma dificuldade. Além disso, o conforto era tamanho que nosso deslocamento na cabine era bem leve e, digamos, divertido.

RAM 3500 Longhorn Limited: O que esperar?

A RAM 3500 Longhorn Limited é o que há de melhor em termos de picape no Brasil. Mesmo sendo um carro essencialmente para o trabalho, há muito conforto, luxo e tecnologia à disposição do usuário. Se você for um fazendeiro ou tiver um sítio e precisa de um veículo, certamente a RAM 3500 é o caminho.

Continua após a publicidade

A RAM 3500 Longhorn Limited está disponível no Brasil por R$ 529.990.

O Canaltechviajou a São Pedro a convite da Stellantis Brasil.