Snapdragon 8: teste no AnTuTu mostra forte competidor para o Dimensity 9000

Snapdragon 8: teste no AnTuTu mostra forte competidor para o Dimensity 9000

Por Eduardo Moncken | Editado por Wallace Moté | 24 de Novembro de 2021 às 18h58
Qualcomm

O Snapdragon 8 Gen 1 vem aí e tem a dura missão de competir com o Dimensity 9000. O chip da MediaTek surpreendeu ao ultrapassar 1 milhão de pontos no AnTuTu, e ser o primeiro em vários aspectos técnicos na sua categoria.

Para alívio da Qualcomm, porém, sua passagem pela mesma plataforma de benchmark foi excelente: o chip também fez mais de 1 milhão: marcou 1.003.020. Assim, ele também ultrapassa o Apple A15 Bionic, e se consolida como plataforma mais avançada Android do mercado, ao lado do Dimensity 9000.

Qualcomm na frente

Já sabemos que a Qualcomm não chamará seu próximo chip de Snapdragon 898 graças a uma nova estratégia de nomenclatura. O Snapdragon 8 Gen 1, inclusive, deverá ter uma vantagem importante de mercado.

Qualcomm fará mudanças em sua linha Snapdragon (Imagem: Divulgação/Qualcomm)

Apesar do Dimensity 9000 não ficar devendo nada — de acordo exclusivamente com os testes de benchmark — o SoC da MediaTek pode chegar ao mercado apenas em fevereiro do ano que vem. O chip da Qualcomm, por outro lado, deve ter aparelhos anunciados e disponibilizados já em dezembro.

A empresa vai anunciar o Snapdragon 8 Gen 1 na próxima semana, no Snapdragon Tech Summit 2021. Com esse peso tirado das costas, as atenções podem se voltar para a Samsung.

Pressão na Samsung

Qualcomm e MediaTek vão entregar plataformas de altíssimo desempenho e que não ficam devendo nem para os chips da Apple. A Samsung, porém, vem aumentando ano a ano a produção dos seus próprios chips, e o próximo voltado a flagships é o Exynos 2200.

Sabemos que sua GPU deverá ser potente e entregar um bom ugprade em relação à geração atual de SoCs do mercado. Mas os detalhes sobre sua CPU ainda são escassos.

O Exynos 2200 deverá equipar a família Galaxy S no ano que vem, carro-chefe da empresa no primeiro semestre. Os dobráveis, geralmente anunciados na segunda metade do ano, contam mais com estoques da Qualcomm. Se a companhia não conseguir acompanhar o mercado com seus chips, pode ser que seus produtos não chamem a atenção da parcela do público que considera performance acima de tudo.

Fonte: Phone Arena, Weibo

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.