Realme "Quicksilver" e Honor 50 serão lançados com novo chip Snapdragon 778G

Realme "Quicksilver" e Honor 50 serão lançados com novo chip Snapdragon 778G

Por Renan da Silva Dores | Editado por Wallace Moté | 19 de Maio de 2021 às 17h10
Divulgação/Qualcomm

A Qualcomm anunciou nesta quarta-feira o Snapdragon 778G, mais nova solução de alto desempenho para o mercado de smartphones intermediários. Lançado como uma versão ligeiramente simplificada do Snapdragon 780G, oficializado em março, o novo chip chega com a missão de popularizar recursos antes exclusivos de celulares premium, como 5G mmWave e Wi-Fi 6E.

Durante o lançamento, diversas companhias confirmaram estar trabalhando em dispositivos equipados com a plataforma, incluindo Motorola, vivo, OPPO e Xiaomi. Os destaques, no entanto, vão para a Realme e a Honor, que já divulgaram alguns detalhes acerca do "Quicksilver" e do Honor 50.

Realme "Quicksilver" e Honor 50 chegam com o novo chip

Segundo as informações divulgadas pela fabricante, o Realme "Quicksilver" é resultado da colaboração da marca com a Qualcomm, seguindo os moldes do Realme GT com Snapdragon 888.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

O Realme "Quicksilver" está confirmado para chegar com Snapdragon 778G (Imagem: Divulgação/Realme)

A Realme confirmou que o dispositivo contará com um novo sistema de resfriamento e o "GT Mode" para máxima performance, sugerindo que o Quicksilver possa fazer parte da família GT. Detalhes sobre o visual e outras especificações ainda são desconhecidos.

A Honor foi outra a confirmar o uso do Snapdragon 778G, mostrando os investimentos da marca para se afastar da imagem da Huawei e se aproximar do Ocidente. De acordo com a empresa, a série Honor 50, ainda sem data de lançamento oficial, trará o novo processador e "estabelecerá um novo padrão de design" na indústria.

O Honor 50 marca o primeiro smartphone da marca a trazer chips Snapdragon após a separação da Huawei (Imagem: Reprodução/Weibo)

A notícia reforça rumores de que o dispositivo chinês seria o primeiro a chegar ao mercado com Snapdragon 778G, além de indicar que os próximos aparelhos da empresa poderão contar com serviços Google.

Snapdragon 778G tem núcleos Cortex-A78 e 5G mmWave

O Snapdragon 778G chegou ao mercado nesta quarta (19) como uma versão simplificada do Snapdragon 780G. Trazendo oito núcleos, dos quais quatro são baseados no design Cortex-A78, também presente em chips mais potentes como o Snapdragon 888 e o Exynos 2100, a novidade foi lançada com a missão de popularizar recursos de topos de linha entre os intermediários.

(Imagem: Divulgação/Qualcomm)

Além de 5G mmWave e Wi-Fi 6E, a nova solução da Qualcomm é capaz de realizar gravações de vídeo em 4K com HDR10+, vídeos de até três câmeras de 22 MP simultaneamente, traz desempenho de IA mais de duas vezes superior ao Snapdragon 765G e engloba as suítes Snapdragon Elite Gaming e Snapdragon Sound, com recursos para aprimorar a performance em games e a reprodução e transmissão de áudio via Bluetooth.

Um destaque curioso do processador é sua fabricação em 6 nm, possivelmente utilizando o processo da TSMC, ainda que não haja informações a respeito. Caso isso se confirme, o Snapdragon 778G pode acabar se mostrando mais eficiente em termos de consumo e desempenho quando comparado ao Snapdragon 780G. Isso porque a solução mais antiga é baseada na litografia de 5 nm da Samsung, equivalente aos 7 nm da TSMC.

Fonte: Gizmochina, 91Mobiles, FoneArena

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.