Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

15 filmes sobre aventuras e viagens no espaço

Por| Editado por Jones Oliveira | 05 de Março de 2024 às 20h00

Link copiado!

Divulgação/Warner Bros, Disney
Divulgação/Warner Bros, Disney

O espaço ainda nos fascina. Apesar de a humanidade já ter conseguido ir até lá mais de uma vez e até mesmo enviado de cachorros a bilionários, a vastidão do cosmos continua a nos intrigar e a despertar nossa imaginação em muitos níveis.

Não por acaso, desde a corrida espacial ao longo da Guerra Fria, não faltaram filmes sobre o que existe em meio às estrelas. Como uma válvula de escape para essas dúvidas que nem sempre sabemos responder, o cinema se tornou o palco perfeito para que criemos fantasias sobre o que está além do nosso alcance.

É por isso que não faltam histórias espaciais. Algumas delas são mais científicas e centradas, imaginando situações que realmente podem acontecer (ou que, de fato, aconteceram) com quem for um dia para além das fronteiras do nosso planeta. Outros deixam a imaginação ir mais longe e vão criar fábulas com outras raças ou mesmo contos de terror para nos lembrar por que é melhor ficarmos sossegados em nosso planeta. E todas as  opções são igualmente deliciosas.

Continua após a publicidade

Por isso, o Canaltech listou alguns dos melhores filmes que você precisa ver sobre o espaço. De aventuras completamente inverossímeis a viagens que mais parecem uma previsão do futuro, não faltam opções e clássicos que nos motivem a olhar para o céu.

15. O Astronauta

Para começar essa lista, que tal um drama estrelado por Adam Sandler? O ator já provou que também sabe fazer bonito em papéis mais sérios e aqui não foge à regra. Na trama, ele vive Jakub, um astronauta sérvio que está isolado no espaço há mais de 180 dias. Sua missão é desvendar o que há por trás de uma espécie de poeira cósmica roxa, mas seu maior desafio é parar de pensar no que deixou para trás ao embarcar nessa missão.

Sentindo-se sozinho e culpado, ele começa a refletir sobre os problemas do seu casamento, quando é surpreendido por Hanus (Paul Dano), uma aranha alienígena que o ajuda na missão de se redescobrir como ser humano.

Partindo de uma boa ideia, mas pecando na execução, o filme é muito mais introspectivo do que se imagina, mas ainda assim pode ser uma boa opção para quem gosta da temática do espaço sideral.

No elenco, Carey Mulligan (de Saltburne O Maestro) também brilha como a mulher de Jakub. Vale lembrar que a trama é baseada no livro Spaceman of Bohemia, do escritor Jaroslav Kalfar. Quem quiser dar o play em O Astronauta, o encontra na Netflix.

Continua após a publicidade

14. Perdido em Marte

Além de Sandler, Matt Damon também foi dar uma volta no espaço, mais precisamente em Marte. Em 2015, ele protagonizou o longa Perdido em Marte, do diretor Ridley Scott, no qual viveu o astronauta Mark Watney, que é enviado ao planeta vizinho para uma missão.

Tudo ia bem, porém quando uma severa tempestade acontece, ele é dado como morte e abandonado pelos colegas de missão. Tempos depois, quando acorda, Mark percebe que está completamente sozinho no planeta e que terá que encontrar uma saída para sobreviver.

Continua após a publicidade

Gravado em um deserto da Jordânia, Perdido em Marte chamou atenção pela fotografia, pelo enredo e pelo humor e conseguiu cravar 91% de aprovação dos especialistas e do público comum no Rotten Tomatoes.

Por ter retratado a NASA, os executivos do filme tiveram que pedir permissão a empresa, que ajudou com informações sobre o espaço e as viagens espaciais. Todo esse capricho pode ser visto em cena no longa que está disponível no Star+.

13. Ad Astra: Rumo às Estrelas

Continua após a publicidade

Um homem viaja pelo espaço sideral em busca de respostas. Ele deseja entender o que aconteceu com o seu pai, um astronauta que desapareceu há 20 anos atrás. Esse é o roteiro de Ad Astra, filme que reuniu Brad Pitt, Tommy Lee Jones e Donald Sutherland, e foi lançado em 2019. Mesclando ficção científica com drama de família, o longa investe nos dilemas emocionais dos personagens para contar a história.

No Rotten Tomatoes, ele conseguiu 83% de aprovação dos especialistas e foi elogiado quanto a sua fotografia e representação do espaço. Já com o público comum, não brilhou tanto e recebeu críticas mistas. Muitos se incomodaram com o fato do enredo ser existencialista demais. Mas, seja como for, fato é que Ad Astra não passa batido com a audiência. Quer dar uma chance? Você o encontra no Star+.

12. Lightyear

Continua após a publicidade

O espaço sideral também já foi cenário para algumas animações, e uma delas é justamente Lightyear, filme lançado em 2022 e que mostra a origem do herói que inspirou o boneco de Toy Story. Na trama, o protagonista é um Patrulheiro Espacial que acaba ficando isolado em um planeta selvagem e hostil a mais de 4 milhões de anos-luz da Terra.

Sem saber o que fazer, ele traça estratégias para voltar para casa, mas descobre que já se passou muito tempo desde o dia em que saiu da Terra. Para piorar, ele tem que lidar com uma presença alienígena e um exército de robôs que planejam lhe destruir.

Escrito e dirigido por Angus MacLane, o longa é o primeiro spin off da saga Toy Story. No Brasil, Buzz foi dublado pelo apresentador Marcos Mion.

11. Vida 

Continua após a publicidade

Lançado em 2017, Vida é uma ficção científica com um toque de terror que tem tudo para agradar os fãs de histórias mais macabras. Isso porque o filme não poupa momentos de tensão para contar como seis astronautas — cada um de uma nacionalidade diferente — descobrem um ser unicelular em Marte.

Espantados e alegres por acharem vida fora do nosso planeta, eles coletam uma amostra para estudar. Só que o ser se desenvolve muito mais rápido do que o previsto, ganhando novas células e se tornando uma ameaça inimaginável.

Com Jake Gyllenhaal, Ryan Reynolds e Rebecca Ferguson no elenco, Vida é uma ótima ficção científica para quem é apaixonado pelo tema. Ele está disponível na Netflix, Prime Video, Google Play e Apple TV+.

Continua após a publicidade

10. 2001 – Uma Odisseia no Espaço

Não há como sequer pensar em falar sobre filmes no espaço sem citar esse que é um dos maiores clássicos da história do cinema, indo muito além da ficção científica. Essa obra-prima de Stanley Kubrick é responsável por muito daquilo que temos em nosso imaginário hoje sobre como é o espaço. 

Só para você ter uma ideia, ele é de 1968 e já discutia sobre implicações de uma inteligência artificial — isso enquanto fazia um belo paralelo com a própria evolução humana. Não por acaso, sua trilha sonora, cenas e personagens se tornaram ícones do cinema. Isso tudo faz com que ele siga sendo muito atual.

Continua após a publicidade

Quer dizer, atual em sua temática, já que sua linguagem pode causar um grande estranhamento em quem está acostumado com o ritmo mais acelerado e frenético das produções modernas. Só que, mesmo sendo mais lento e até mesmo complexo, não tem como imaginar o espaço sem passar por 2001. É presença obrigatória em qualquer lista do gênero.

O filme está disponível na Apple TV+, Microsoft e Google Play.

9. Star Wars: O Despertar da Força

Continua após a publicidade

Já que estamos falando de clássicos espaciais, não podemos deixar de citar a maior de todas as franquias. Star Wars é tão icônico quando o assunto é fantasia no espaço que toda e qualquer produção do gênero acaba referenciando o universo criado por George Lucas. Tanto que muito do que ele criou lá em 1977 ainda serve de base para o que vem sendo produzido hoje.

E por ser algo tão seminal assim, nem faz sentido recomendar os filmes da trilogia original. Se você gosta de qualquer coisa minimamente relacionada ao espaço, certamente você já assistiu a esses filmes. Por isso, nossa recomendação aqui está em O Despertar da Força, o sétimo capítulo da saga e que introduziu vários novos elementos e modernizou a história dos Skywalkers.

Sabemos que o filme tem seus problemas e que a mais recente trilogia entregou muito menos do que prometeu, mas vamos combinar que O Despertar Força acerta muito bem em capturar o espírito dos primeiros Star Wars, apresentar novos personagens, trazer de volta os antigos e ainda deixar todo mundo empolgado a cada nova cena. Esqueça o que veio depois e aproveite o momento: você não vai se arrepender. O longa está disponível no Disney+.

Continua após a publicidade

8. Interestelar

Mas se o seu interesse for mais aquela ficção-científica cabeçuda, repleta de conceitos físicos e reviravoltas que podem ser devidamente explicados na sala de aula, Interestelar é o seu filme. Lançado em 2014 pelo diretor Christopher Nolan, ele não chega a ser uma unanimidade entre os críticos por causa de algumas decisões de roteiro, mas não há como negar o quanto ele é cientificamente preciso em muitos aspectos e como isso faz dele um filme muito interessante.

A história se passa alguns anos no futuro, quando a Terra já sofre com os efeitos do aquecimento global. Para tentar contornar a situação, um ex-piloto da NASA vai ao espaço em busca de uma solução — e isso envolve entrar em buracos de minhoca e visitar planetas distantes. 

O que mais chama a atenção é o quanto o longa respeita diversas teorias de astrofísica, o que faz dele um filme bastante denso e repleto de explicações. Se, por um lado, isso atrapalha o ritmo da história, por outro mostra que o universo é realmente fantástico e que basta um pouco de atenção às leis que regem o cosmos para que tenhamos aventuras impactantes.

A cena em que o personagem de Matthew McConaughey volta para a nave e descobre que os 15 minutos que ele estava em um planeta correspondem a anos na Terra é impressionante até hoje — e um conceito muito pouco explorado em Hollywood. Quer dar uma chance? Então assista à Interestelar  na Apple TV+, Microsoft , HBO Max e Google Play.

7. Star Trek

Por muito tempo, Star Trek foi sinônimo de ficção-científica, seja nos cinemas ou nas séries de TV. E a premissa era justamente de oposição a Star Wars: enquanto os Skywalkers seguiam uma aventura bastante fantasiosa, o Capitão Kirk tinha uma pegada bem mais comedida e até mesmo utópica da exploração espacial.

E o filme de 2009 atualiza diversos conceitos, muda um pouco dessa dinâmica e aproxima da linguagem aventuresca de Guerra nas Estrelas — o que fez os fãs mais puristas torcerem o nariz —, mas consegue entregar uma história que realmente empolga. Dirigido por J.J. Abrams, a releitura do clássico funciona muito bem e é uma porta de entrada para a franquia como um todo, uma vez que ela não nega o que veio antes. Você pode ver o longa na Apple TV+, Microsoft, Paramount+, Netflix e Google Play.

6. O Primeiro Homem

Existem vários filmes que vão falar sobre a ida do homem à Lua, mas destacamos aqui o mais recente deles. O Primeiro Homem foca justamente nos preparativos de Neil Armstrong para realizar esse feito — e isso significa mais de uma década de preparativos, treinamentos e tensões.

O interessante aqui é que ele vai além daquilo que a gente se acostumou a ver nos livros de História ou do discurso patriota dos americanos. Tudo isso ainda está presente, é verdade, mas o filme explora também o lado humano e pessoal do astronauta, sua relação com a família e as motivações que o levam a se dedicar tanto para uma missão que ele nem sabe se vai dar certo. O Primeiro Homem está na Apple TV+, Globoplay, Star+ e Google Play.

5. Guardiões da Galáxia

Ainda na seara da fantasia espacial, não tem como deixar de falar de Guardiões da Galáxia. A Marvel trouxe um grupo totalmente disfuncional de heróis que, até então, eram completos desconhecidos até mesmo de quem lia quadrinhos. E o resultado é maravilhosamente divertido — muito graças à direção caótica de James Gunn, que conseguiu tornar essa equipe bizarra bastante cativante.

E mesmo que você não seja um fã de super-heróis, saiba que Guardiões da Galáxia funciona muito bem de forma isolada, uma vez que ele não dialoga em nada com Homem de Ferro, Capitão América e o resto dos Vingadores. As únicas pontas de conexão funcionam mesmo se você não viu nenhum dos outros filmes, então vá sem medo e prepare-se para apaixonar-se por um homem-árvore e um guaxinim de trabuco.

Quer dar uma chance ao longa? Então, você já pode dar o play no Disney+.

4. Passageiros

Não se deixe enganar por Jeff Bezos: ir ao espaço não é tão simples assim e as viagens por entre as estrelas são bem mais demoradas do que a fantasia nos ensinou. E é a partir dessa premissa que Passageiros explora uma ideia bastante curiosa: um grupo de astronautas é enviado em uma espécie de coma induzido para o espaço, mas dois deles acabam despertando 90 anos antes do esperado e agora precisam conviver um com o outro no isolamento da nave.

O que vale destacar aqui é que, apesar de a proposta parecer quase um romance, ele traz algumas reviravoltas bem interessantes — a começar pela morte iminente por causa de um problema na nave — e que fazem do filme muito mais que isso. Vale a pena ser visto.

Passageiros está disponível no Prime Video, Apple TV+, Google Play, Microsoft e Claro Video.

3. Gravidade

Gravidade é um filme que merecia ser visto no cinema, mas que ainda assim é uma excelente pedida para o seu streaming. Isso porque ele explora muito bem a vastidão (e o vazio) do espaço e a telona consegue captar muito bem tudo isso.

A história gira em torno de uma astronauta que fica à deriva no espaço após um acidente com a sua nave. E justamente por se propor a ser cientificamente realista, tudo se torna ainda mais agoniante, porque você não consegue ver como ela vai sair daquela situação e tudo começa a ficar cada vez mais desesperador.

E ele consegue tudo isso por ser tecnicamente impecável. Não por acaso, teve 10 indicações ao Oscar e levou sete, incluindo melhores efeitos visuais, edição de som, fotografia e diretor. Quem quiser assisti-lo, o encontra na Apple TV+, HBO Max, e Google Play.

2. Alien – O Oitavo Passageiro

Não há como falar de terror no espaço sem passar pela franquia Alien. E por mais que ela tenha se perdido em meio às tantas sequências, o filme original segue sendo uma obra-prima inquestionável. Isso porque o diretor Ridley Scott conseguiu traduzir tudo aquilo que nos fascina e amedronta quando o assunto é espaço: ao mesmo tempo em que ele é imenso, viver em meio às estrelas é claustrofóbico e você não faz ideia do que vai encontrar. 

Na trama, a tripulação da nave Nostromo se vê presa com uma criatura alienígena que passa a caçar um a um — e o desafio é sobreviver e impedir que a criatura chegue à Terra. A premissa é bem simples, mas consegue criar uma ambientação tão envolvente que vai te fazer se questionar se ir para o espaço é realmente uma boa ideia. 

Aliás, Alien – O Oitavo Passageiro é tão clássico que praticamente tudo o que foi feito relacionado a terror no espaço acaba bebendo daquilo que o filme de 1979 apresentou. De outros filmes a videogames, todo mundo reverencia o Xenomorfo e seu legado. Quer assisti-lo? Você o encontra no Star+.

1. Apollo 13: Do Desastre ao Triunfo

Se tem uma frase que deixa todo e qualquer filme imediatamente mais tenso é “Baseado em Fatos Reais”. E essa é apenas uma das razões que fazem de Apollo 13 um filme tão bom. Ele conta a história da terceira missão enviada para a Lua que acabou de forma desastrosa, já que problemas técnicos forçaram a NASA a trazer os astronautas de volta à Terra. Mas como fazer isso com segurança?

Toda a tensão do filme gira em torno dessa questão, usando inclusive trechos reais de conversas entre a central de controle e a equipe em órbita — o que serve apenas para deixar tudo ainda mais angustiante. E por mais que os livros de História (e o próprio título em português) sejam um enorme spoiler sobre o que aconteceu, não há como não ficar apreensivo e roendo as unhas de nervoso. Esse filme de 1995, está disponível na Apple TV+, Globoplay e Google Play.