Os filmes mais assistidos no Brasil em maio de 2021

Os filmes mais assistidos no Brasil em maio de 2021

Por Laísa Trojaike | Editado por Jones Oliveira | 15 de Junho de 2021 às 21h00
Paramount Pictures/Viewfinder/Zentropa Entertainments

O Justwatch é uma plataforma que reúne os catálogos das plataformas de streaming e VOD para facilitar a nossa vida quando queremos encontrar um título, mas não sabemos onde podemos assisti-lo, além de também indicar sugestões especificamente dos serviços que usamos. Mas quais são os filmes que estão bombando online nas plataformas digitais? Para dar uma possível resposta, trouxemos esta lista com os filmes mais assistidos do Brasil em maio 2021, segundo o Justwatch.

Sem uma Sessão da Tarde que nos una, essas listas servem para conectar espectadores de uma mesma época, além de que alguns filmes simplesmente acabam esquecidos com o tempo. Assim, a lista abaixo é perfeita para quem quer dar uma olhada no que está bombando online e se atualizar entre as produções mais assistidas do momento. Em cada seção separamos as plataformas nas quais as produções estão disponíveis para streaming, compra ou aluguel.

10. Oxigênio

O diretor de Piranha 3D e Predadores Assassinos, Alexandre Aja, deixou o trash um pouco de lado e caiu no drama sci-fi fantástico com Oxigênio. Desta vez, o cineasta ainda conta com a aparição de Mélanie Laurent, capaz de atriz espectadores depois de seus trabalhos em Bastardos Inglórios e Truque de Mestre.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

O título do filme indica um dos principais problemas a seres resolvidos pela protagonista, que, após acordar em câmara de criogenia, precisa tentar lembrar como foi parar ali antes que o oxigênio acabe. A trama claustrofóbica foi escrita por Christie LeBlanc, que estreia como roteirista de longas-metragens.

Oxigênio pode ser assistido na Netflix.

9. Army of the Dead: Invasão em Las Vegas

Um dos maiores sucessos da história das produções originais Netflix também esteve entre os títulos mais assistidos do Brasil em maio. Em meio à pandemia, os fãs de cinema tiveram que aproveitar tudo virtualmente e, curiosamente, as duas produções mais hypadas desse período de isolamento são de Zack Snyder: além de Army of the Dead, ele também dirigiu o novo corte de Liga da Justiça.

O filme chama a atenção com os zumbis, que agora também aparecem em versões mais inteligentes, rápidas e organizadas. O número alto de visualizações também pode indicar espectadores que retornaram ao filme, já que a internet continua fervilhando com rumores e teorias sobre os easter eggs deixados por Snyder ao longo da obra.

Army of the Dead pode ser assistido pelos streamers da Netflix.

8. Minha Mãe é uma Peça

Após o falecimento de Paulo Gustavo em 4 de maio de 2021, aconteceu o sintoma natural de promover a obra do artista em sua memória e, com isso, Minha Mãe é uma Peça ganhou mais espaço online. O sucesso dos palcos também foi bem-sucedido nos cinemas e, agora, o universo continua ganhando fãs através dos streamings, onde ocupa o oitavo lugar como mais assistido de maio.

O primeiro filme foi dirigido por André Pellenz (Tudo Acaba Em Festa) e apresenta a versão cinematográfica da Dona Hermínia, mas sem abandonar os diversos códigos marcantes da versão teatral, o que inclui a aparência da personagem. Rever o primeiro filme também mostra como a série evoluiu até o terceiro capítulo, demonstrando o impacto da personagem, que se tornou cada vez mais reconhecida e querida ao longo dos anos em que ajudou a conectar mães e filhos através do humor.

Minha Mãe é uma Peça pode ser assistido na Netflix, Telecine, Globoplay e NOW, além de estar disponível para aluguel ou compra na Play Store e no iTunes.

7. A Mulher na Janela

O suspense-patchwork adaptado do livro de A.J. Finn captou a atenção do público e muito disso provavelmente se deve também à excelente atuação de Amy Adams (A Chegada). Interpretando Anna Fox, ela lidera um elenco impressionante que conta ainda com a presença de Fred Hechinger (Trilogia Rua do Medo), Gary Oldman (Mank), Julianne Moore (Minhas Mães e Meu Pai), Jennifer Jason Leigh (Atypical), Wyatt Russell (Falcão e o Soldado Invernal), Brian Tyree Henry (Atlanta), Jeanine Serralles (Inside Llewyn Davis) e Anthony Mackie (Falcão e o Soldado Invernal). Ufa!

O filme acompanha uma mulher com agorafobia que começa a duvidar da realidade que vê após pensar que presenciou um terrível crime. Enquanto a personagem e nós somos ludibriados pelas informações que se somam, o filme ainda entrega uma belíssima direção de Joe Wright, de O Destino de uma Nação (2017) e Orgulho & Preconceito (2005).

A Mulher na Janela está disponível para os assinantes da Netflix.

6. Minha Mãe é uma Peça 3: O Filme

O mais recente filme Minha Mãe é uma Peça fez ainda mais sucesso no streaming, já que, ao contrário do outro título, este ainda não tinha sido visto por muitas pessoas, porque ainda não tinha sido amplamente distribuído após sair de cartaz. A ampliação do seu espaço online chamou não só quem queria rever a Dona Hermínia, mas também quem ainda não tinha visto essa parte da história.

No terceiro filme, Dona Hermínia passa por novos processos enquanto vê seus filhos entrando em novas fases da sua vida, acompanhando o desenvolvimento da personagem com ares de “filmes de amadurecimento”, uma combinação perfeita com a comédia de Paulo Gustavo.

Minha Mãe é uma Peça 3: O Filme está nos catálogos do Telecine e do NOW, além de poder ser comprado ou alugado na Play Store e no iTunes.

5. Judas e o Messias Negro

Judas e o Messias Negro rendeu o Oscar de Melhor Ator Coadjuvante para Daniel Kaluuya (Corra!) e de Melhor Canção Original por "Fight for You", além de ter sido indicado a mais quatro categorias. O filme foi elogiadíssimo e passou por outros festivais que renderam mais estatuetas para Kaluuya, que divide o elenco com o também excelente LaKeith Stanfield.

O filme de Shaka King também acabou se somando aos movimentos sociais que ficaram conhecidos como Black Lives Matter. Na trama, William O'Neal é um infiltrado do FBI que precisará enfrentar dilemas pessoais quando sua missão de acompanhar de perto Fred Hampton se choca com seu desenvolvimento junto aos Panteras Negras.

Judas e o Messias Negro pode ser assistido no NOW e alugado no Looke, além de estar disponível para aluguel ou venda na Play Store, Microsoft Store e no iTunes.

4. Interestelar

Não, não é Tenet. O Nolan mais visto do último mês foi Interestelar, que continua atraindo a atenção com sua ciência-cinematográfica. Com um roteiro novamente assinado ao lado de Jonathan, os irmãos Nolan propõem uma ficção científica "mais realista" ao contar a trajetória de alguns exploradores espaciais que estão em busca de uma salvação para a vida terrestre. E tudo isso vem imerso em imagens belíssimas do universo, incluindo a de um buraco negro que deixou muita gente apaixonada pelo cientificismo da produção.

No elenco, nomes de peso dramático, como Ellen Burstyn (Réquiem para um Sonho), Matthew McConaughey (Clube de Compras Dallas), Timothée Chalamet (Duna), Anne Hathaway (Os Miseráveis), Michael Caine (Trilogia Cavaleiro das Trevas), John Lithgow (The Crown), Casey Affleck (Manchester à Beira-Mar) e Jessica Chastain (A Hora Mais Escura), além de contar ainda com a presença de Wes Bentley (Jogos Vorazes) e Mackenzie Foy (A Saga Crepúsculo: Amanhecer - Parte 2).

Interestelar pode ser assistido no Globoplay e no NOW, além de estar disponível para aluguel ou compra na Play Store, Microsoft Store e no iTunes. No Looke, o título pode ser apenas alugado.

3. Druk - Mais Uma Rodada

Druk - Mais Uma Rodada levou o Oscar de Melhor Filme Internacional na última edição da premiação, além de render também uma indicação à categoria de Melhor Direção para Thomas Vinterberg. O filme é uma coprodução Dinamarca, Holanda e Suécia, mas traz um rosto conhecido pelo público, o de Mads Mikkelsen, conhecido por interpretar o personagem título da série Hannibal e por ter incorporado Kaecilius em Doutor Estranho.

A elogiada produção mistura comédia e drama ao acompanhar um grupo de professores de Ensino Médio que resolvem colocar em prática uma teoria segundo a qual podemos ser melhores versões de nós mesmos ao manter uma quantidade ideal de álcool no organismo.

Druk - Mais Uma Rodada está no catálogo do NOW e poder ser comprado ou alugado no iTunes e na Play Store.

2. Um Lugar Silencioso

John Krasinski conseguiu fazer um dos melhores filmes de terror dos últimos anos com Um Lugar Silencioso. O cineasta também assina o roteiro ao lado dos diretores e roteiristas de A Casa do Terror, Scott Beck e Bryan Woods, além se estrelar o filme no papel do papai Abbot. A família fica completa com Emily Blunt (O Diabo Veste Prada) e os atores mirins Millicent Simmonds (Sem Fôlego), Noah Jupe (Ford vs Ferrari) e Cade Woodward (Vingadores: Ultimato).

A trama conquistou inúmeros fãs sem sequer nos explicar o que são as criaturas das quais vemos os protagonistas fugindo. Um segundo filme também não era aguardado, mas acabou saindo e, quando estávamos prestes a ver essa história que não podia deixar de ser contada, os cinemas foram fechados por causa da pandemia. Agora, o filme ganhou destaque nos streamings com a proximidade de lançamento de Um Lugar Silencioso: Parte II, que acontecerá em 17 de junho.

Um Lugar Silencioso não está mais disponível para streaming, mas ainda pode ser comprado ou alugado na Play Store, Microsoft Store e no iTunes.

1. Meu Pai

Um dos maiores destaques do ano foi também o filme mais assistido de maio nas plataformas online. Na premiação, Meu Pai conseguiu as estatuetas das categorias de Melhor Ator para Anthony Hopkins e de Melhor Roteiro Adaptado, além de ter concorrido a Melhor Atriz Coadjuvante, Melhor Edição (Montagem), Melhor Direção de Arte e Melhor Filme.

O filme de Florian Zeller ficou marcado como um dos melhores dramas do ano ao acompanhar um homem que recusa a ajuda da sua filha conforme envelhece, começando a desconfiar de tudo ao seu redor, incluindo a sua própria realidade. O roteiro é assinado por Zeller (A Outra Mulher) ao lado de Christopher Hampton, já oscarizado pelo roteiro de Ligações Perigosas (1988).

Meu Pai pode ser assistido pelos assinantes do Cine Belas Artes (onde o título também pode ser alugado) e do NOW, além de estar disponível para aluguel ou venda no Looke e na Play Store.

Fonte: JustWatch

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.