O que é carregamento rápido e quando desativar no seu celular

O que é carregamento rápido e quando desativar no seu celular

Por André Lourenti Magalhães | 15 de Dezembro de 2020 às 20h00
Canaltech

O carregamento rápido é uma função que ganha cada vez mais espaço entre os smartphones. Com o objetivo de fornecer uma carga maior da bateria em menos tempo, tornou-se um recurso importantíssimo para aquelas pessoas que vivem em constante movimento e não possuem tanto tempo disponível para recarregar o celular.

Apesar de a técnica estar bastante difundida entre novos aparelhos, ainda pode render dúvidas sobre seu funcionamento. Há, inclusive, a possibilidade de desativar o recurso. Saiba mais sobre o carregamento rápido abaixo!

Carregamento rápido: o que é e como funciona

A premissa do carregamento rápido, como o próprio nome sugere, é simples: trazer uma carga maior para a bateria em menor quantidade de tempo. Para isso, os carregadores disponibilizam uma voltagem maior, transformada em maior potência, acelerando o processo. Para evitar danos ao aparelho, existem chips no processador e no carregador que gerenciam essa transferência de carga. O Quick Charge, da Qualcomm, é uma das tecnologias mais comuns envolvendo o tipo de carregamento. Criada em 2013, é inserida em carregadores de diferentes modelos e empresas.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

O carregamento rápido é uma "conjunção entre hardware e software", de acordo com Hélio Oyama, Diretor de Gerenciamento de Produtos da Qualcomm na América Latina. "O hardware, no próprio celular, vai receber a energia e fazer o carregamento rápido da bateria inserida no smartphone. Há a necessidade de software porque fará a análise da quantidade, necessidade da energia e do nível de carregamento da bateria. O software também faz a negociação do nível de potência e toda uma parte de proteção em termos de corrente, voltagem e temperatura", completa Hélio em entrevista para o Canaltech.

Carregadores compatíveis

Exemplo de carregador da Motorola com a tecnologia TurboPower (Imagem: Divulgação/Motorola)

A função também precisa de uma compatibilidade entre aparelho e carregador. O aparelho necessita de uma bateria que comporte uma carga maior. Conectores e cabos, primeiramente, precisam estar homologados pela Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL). O selo da ANATEL indica que os componentes passaram por fases de testes e possuem utilização segura. Utilizar um carregador sem a homologação pode trazer danos ao aparelho ou aos conectores.

Os adaptadores precisam fornecer duas saídas diferentes, com uma voltagem convencional e outra direcionada ao carregamento rápido. É comum que esses produtos recebam uma nomenclatura indicando a compatibilidade ao Quick Charge ou outra tecnologia similar de carregamento. A Samsung, por exemplo, disponibiliza o Adaptive Fast Charging e o Super Fast Charging, e é possível visualizar os nomes e a voltagem disponível em cada carregador.

A Motorola, por sua vez, oferece a tecnologia TurboPower em seus acessórios. A Apple disponibiliza carregadores com maior potência e compatíveis com iPhone, iPad e MacBook, e informa um certificado no conector. Outro cuidado importante é com os cabos utilizados. Além da compatibilidade com o celular e o carregador, certifique-se de que estão devidamente conectados. Caso o cabo USB não esteja firme, a carga transmitida será menor e o recurso não será aproveitado.

A tecnologia não é limitada apenas aos carregadores com fio: é possível encontrar modelos de carregadores sem fio que também incluem a função.

Carregamento rápido: vantagens e desvantagens

Carregamento rápido acelera a carga do seu aparelho (Imagem: André Magalhães/Canaltech)

A principal vantagem, como já mencionado anteriormente, é a possibilidade de receber uma carga maior em menor tempo. Em situações do dia a dia, apenas alguns minutos do celular plugado na tomada podem trazer uma carga suficiente para as próximas horas. Além disso, com a presença de chips e da ligação entre software e hardware, o celular pode administrar o carregamento sem trazer tantos prejuízos à vida útil da bateria.

"Tem todo um sistema de proteção: há um gerenciamento de energia para que realmente não tenha nenhum dano para a bateria ou para o telefone celular. O Quick Charge consegue o carregamento rápido ao colocar mais energia se comparado a um carregador convencional. Foram implementadas várias tecnologias para que não ocorra nenhum dano ao smartphone ou bateria. Existem reguladores com gerenciamento de voltagem para que o telefone, assim como a bateria, não sofra nenhum dano", explica Hélio Oyama.

Entre possíveis desvantagens, é importante prestar atenção com o aquecimento do aparelho, comum em situações de carregamento. Ainda que haja um controle de temperatura, modelos mais antigos podem estar propensos ao superaquecimento. Para isso, evite usar o aparelho enquanto ele estiver conectado.

Carregamento rápido: quando e como desativar

Enquanto as novas tecnologias oferecem um carregamento inteligente e que se adapta a diferentes situações, usuários podem configurar e desativar o carregamento rápido manualmente. Isso pode ser feito, por exemplo, quando o usuário vai dormir e prefere deixar o celular carregando. Celulares da Samsung, com a interface OneUI, permitem que isso seja desativado. Confira como:

Passo 1: abra as configurações e selecione "Assistente do aparelho";

Abra as configurações do aparelho (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Passo 2: em seguida, selecione "Bateria";

Acesse configurações sobre a bateria (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Passo 3: na próxima tela, toque na aba "Carregar";

Interface disponibiliza aba para alterar o modo de carregamento (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Passo 4: por fim, desative a opção "Carregamento rápido". Caso utilize carregador sem fio ou com a tecnologia Super Fast Charging, o sistema exibirá as respectivas opções.

Desative a função (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Você utiliza o carregamento rápido em seu celular? Deixe sua opinião!

Fonte: Samsung

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.