Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Snapdragon 8cx Gen 3 se aproxima do Core i7 1165G7 em teste vazado

Por| Editado por Wallace Moté | 10 de Fevereiro de 2022 às 12h00

Link copiado!

Qualcomm
Qualcomm
Tudo sobre Qualcomm

Plataforma mais recente da Qualcomm para ultrabooks, o Snapdragon 8cx Gen 3 foi flagrado em testes no banco de dados do Geekbench 5 apresentando números promissores. Rodando em um suposto sucessor do Surface Pro X, o chip conseguiu atingir pontuações que o colocam muito próximo de chips da 11ª geração IntelTiger Lake, sugerindo assim uma evolução marcante frente ao antecessor.

Snapdragon 8cx Gen 3 empata com i7 1165G7 em teste vazado

Encontrado pelo site WinFuture, o teste pertence a um dispositivo identificado como OEMVL Product Name EV2, nome que remete a outros dispositivos de teste usados pela Microsoft durante o desenvolvimento de modelos da linha Surface. Diante disso, o portal acredita que o aparelho em questão seja um sucessor para o Surface Pro X, atualmente equipado com uma variante do Snapdragon 8cx Gen 2, ou ainda uma versão ARM do Surface Laptop.

Continua após a publicidade

O processamento do dispositivo é responsabilidade do novo Snapdragon 8cx Gen 3, identificado com 8 núcleos rodando a até 3,0 GHz, acompanhado de 16 GB de RAM. A combinação atinge 1.005 pontos em single-core e 5.574 pontos em multi-core, resultados que praticamente o posicionam em um patamar próximo a chips de Intel e AMD.

Um exemplo bastante respeitável é o Core i7 1165G7, principal chip da 11ª geração Tiger Lake que equipou a maioria dos ultrabooks baseados em soluções da gigante de Santa Clara no ano passado. Em um Intel NUC 11 Performance, mini PC com acesso a um bom sistema de refrigeração, o componente marca 1.568 pontos em multi-core e 5.299 pontos em single-core.

Mesmo que perca por quase 60% ao utilizar um único núcleo, o Snapdragon 8cx Gen 3 apresenta desempenho basicamente idêntico ao trabalhar com todos os núcleos. Apesar de não parecer um bom resultado, especialmente em se tratando de performance single-core, os números mostram grande avanço em comparação à geração anterior, que marcava 800 pontos em single-core e 3.100 em multi-core, em média — as melhorias são de 26% e 80%, respectivamente.

Vale lembrar ainda que a Qualcomm já confirmou estar trabalhando para trazer núcleos customizados da Nuvia, empresa adquirida pela gigante no ano passado composta por ex-engenheiros de Apple, AMD e Intel, à linha Snapdragon, ponto que ganha mais destaque diante da evolução do Snapdragon 8cx Gen 3, ainda baseado em núcleos ARM comuns.

Chip promete ser até 85% melhor que geração anterior

Anunciado em dezembro de 2021, durante a Snapdragon Tech Summit, o Snapdragon 8cx Gen 3 chegou prometendo agitar o mercado de Windows On ARM graças a mudanças marcantes realizadas na arquitetura do chip e a um maior foco em Inteligência Artificial. Diferente do antecessor, a plataforma é equipada apenas com núcleos de alta performance, sendo 4 Cortex-X1 de máxima performance a até 3,0 GHz e 4 Cortex-A78 de alto desempenho a até 2,4 GHz.

Continua após a publicidade

A solução conta ainda com 14 MB de cache L3, separados em 8 MB para os núcleos e 6 MB para o sistema, e comporta memórias LPDDR4X a 4.266 MT/s distribuídas em até 8 canais. A fabricação fica a cargo da Samsung, com o processo 5LPE de 5 nm, mesmo utilizado no Snapdragon 888 e Exynos 2100.

Segundo a Qualcomm, as mudanças fariam a solução entregar até 85% mais desempenho que o Snapdragon 8cx Gen 2, promessa reforçada pelo teste vazado, até 60% melhor performance em processamento gráfico, além de enorme ganho em eficiência, capaz de fazer notebooks equipados com o componente entregarem autonomia para múltiplos dias. No momento, ainda não há informações sobre eventuais aparelhos munidos do chip.

Fonte: WinFuture