Intel Core i5 12400 e i3 12100 têm material oficial de divulgação vazado

Intel Core i5 12400 e i3 12100 têm material oficial de divulgação vazado

Por Renan da Silva Dores | Editado por Wallace Moté | 16 de Dezembro de 2021 às 15h50
Renan da Silva Dores/Canaltech

Fontes do portal VideoCardz vazaram os primeiros materiais promocionais oficiais da Intel para a série Alder Lake-S da 12ª geração de processadores da companhia. Bloqueados para overclocking, os chips prometem ser uma escolha mais atraente para quem procura tecnologia moderna com preço acessível, e tiveram boa parte das especificações reforçadas pelo conteúdo.

O site também reuniu informações sobre a família Intel Alder Lake-P, destinada a ultrabooks e notebooks de alto desempenho, que já teve praticamente todos os integrantes encontrados no banco de dados do Geekbench.

Core i5 12400 e i3 12100 têm material oficial vazado

O material ao qual o VideoCardz teve acesso inclui banners, fotos das caixas e uma imagem do Cooler Box repaginado que deve ser incluído com os novos processadores, reforçando os vazamentos vistos até o momento. O Core i5 12400F, variante sem gráficos integrados, será o primeiro da 12ª geração a não contar com design híbrido, trazendo apenas 6 P-Cores de alto desempenho e 12 threads, com clocks de até 4,4 GHz.

O material oficial obtido pelo VideoCardz reforça as características já vazados do Core i3 12100F, Core i5 12400F e Core i7 12700F (Imagem: VideoCardz)

Mais modesto, o Core i3 12100F, também desprovido de gráficos integrados, acompanhará o i5 como um dos primeiros da linha a não trazer núcleos híbridos, empregando apenas 4 P-Cores e 8 threads, com clocks de até 4,3 GHz. Ambos dão novo fôlego aos rumores de que a Intel teria dois tipos de estrutura para a família Alder Lake, com a versão sem os núcleos de baixo consumo sendo identificada como "H0".

A documentação também reforça detalhes do Intel Core i7 12700F, solução de alto desempenho para quem precisa de mais potência, mas não quer ter de lidar com overclocking e a realização de outros ajustes. Diferente dos irmãos mais modestos, o i7 conta com arquitetura híbrida e é praticamente idêntico ao i7 12700KF, com exceção de clocks 100 MHz mais baixos, além da já citada ausência de overclocking.

Os três contarão com caixas visualmente idênticas aos chips Alder Lake-K já lançados, mas maiores para acomodar a solução de resfriamento própria da empresa — todos serão acompanhados do CPU Cooler Intel Laminar RM1, com visual mais refinado que o dissipador das gerações anteriores, estrutura de alumínio encorpada e um anel de iluminação LED azul ao redor da ventoinha.

Linha Alder Lake-P é quase totalmente vazada em testes

Paralelos a isso, o VideoCardz reuniu informações dos processadores da linha Alder Lake-P, voltada para notebooks, cujos principais modelos já passaram pelo Geekbench. Como de costume, a série deve ser divida entre modelos de baixo consumo para ultrabooks, antes conhecidos como U28, e variantes dedicadas a notebooks gamer de alto desempenho, identificados pela sigla H45.

A família deve ser composta ainda por chips H55, para notebooks entusiastas que buscam substituir desktops, além das CPUs U15, U9 e M5, para ultrafinos e tablets, mas as informações sobre esses componentes ainda são escassas.

Alder Lake-P H45

Voltados para os notebooks de alto desempenho, os chips Alder Lake-P H45 devem trazer consumo base de 45 W e serem liderados pelo Core i9 12900HK, Core i7 12800H e Core i7 12700H. Aparentemente, os três chips trazem as mesmas especificações, havendo apenas diferenças nos clocks e, no caso do Core i9, no suporte a overclocking.

Todos contarão com 14 núcleos e 20 threads, sendo 6 P-Cores com Hyper-Threading e 8 E-Cores, acompanhados de 24 MB de cache L3 e, se a Intel mantiver a estratégia vista nos últimos anos, o Core i7 12700H deve ser o modelo mais popular. No momento, apenas o clock boost dos núcleos de alto desempenho do i9 12900HK é conhecido, devendo atingir os 4,9 GHz.

Ainda na linha H45, a companhia prepara outras três novidades, focadas em notebooks mais básicos: o Core i7 12650H, o Core i5 12500H e o Core i5 12450H. A situação é mais complicado entre essas soluções, especialmente entre os modelos mais potentes, já que mesmo sendo um i7, o 12650H oferece menos núcleos que o i5 12500H.

Isso é resultado da arquitetura híbrida e, mesmo que tenha um total de núcleos menor, o 12650H ainda deve ser mais potente por oferecer 6 P-Cores e 4 E-Cores, totalizando 10 núcleos e 16 threads, contra 4 P-Cores e 8 E-Cores do 12500H, em um total de 12 núcleos e 16 threads. Por fim, o i5 12450H é o mais simples dos três, trazendo 4 P-Cores e 4 E-Cores, atingindo assim 8 núcleos e 12 threads.

Essa diferença acende um alerta importante para que os usuários estejam bastante atentos na hora de adquirir um notebook, devendo considerar as contagens de P-Cores e E-Cores, em vez do total, para saber o real nível de desempenho que obterá com a CPU.

Alder Lake-P U28

Para os ultrabooks, os processadores Alder Lake-P U28 devem contar com consumo base entre 20 W e 28W, trazendo a princípio três modelos: o Core i7 1280P, o Core i7 1260P e o Core i5 1240P. A solução mais poderosa, o 1280P, chegaria equipado com 14 núcleos e 20 threads, sendo 6 P-Cores com Hyper-Threading e 8 E-Cores, além de clocks que atingem os 4,7 GHz.

Já o i7 1260P e o i5 1240P compartilham as mesmas especificações, com 4 P-Cores e 8 E-Cores, totalizando 12 núcleos e 16 threads. No entanto, os componentes se diferem pelos clocks, que chegam aos 4,6 GHz no i7, e aos 4,4 GHz no i5. Os resultados vazados oferecem números de desempenho, mas há inconsistências, já que as CPUs testadas ainda devem receber otimizações até o lançamento.

As famílias Alder Lake-S e Alder Lake-P, assim como as placas-mãe de entrada da 12ª geração e os notebooks baseados nos novos processadores, estão previstos para serem anunciados em 4 de janeiro, durante a CES 2022.

Fonte: VideoCardz (1, 2)

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.