Como descobrir o tamanho, tipo e a frequência da memória RAM do PC?

Como descobrir o tamanho, tipo e a frequência da memória RAM do PC?

Por Renan da Silva Dores | Editado por Wallace Moté | 21 de Setembro de 2021 às 13h46
Reprodução/Corsair

Um dos principais elementos do computador, a memória RAM é responsável por armazenar os arquivos mais importantes a serem acessados com maior frequência pelo processador. Mais velozes e próximas da CPU que o armazenamento, a RAM economiza tempo e consumo ao fornecer acesso rápido às informações. Para ter um bom desempenho, no entanto, é preciso ficar de olho nas configurações das memórias utilizadas.

Mas como conferir as especificações das memórias instaladas no seu PC sem precisar acessá-las fisicamente? O Canaltech reúne neste artigo algumas maneiras pelas quais é possível checar as informações de RAM do computador de maneira fácil, utilizando recursos do próprio sistema operacional ou um programa dedicado a listar as configurações da máquina.

Informações básicas com o Gerenciador de Tarefas

O jeito mais fácil e rápido de conferir informações básicas de memória no Windows é através do Gerenciador de Tarefas. Para acessá-lo, basta pressionar as teclas Ctrl + Shift + Esc simultaneamente. Clique em "Mais detalhes" para ver a janela com informações completas e, em seguida, acesse a aba "Desempenho". Nela, estão reunidas informações sobre processador, placa de vídeo, armazenamento, conexões e as próprias memórias.

O Gerenciador de Tarefas já é capaz de entregar algumas informações básicas sobre a RAM (Imagem: Renan da Silva Dores/Canaltech)

Ao clicar na seção "Memória", estarão detalhadas a capacidade máxima e a que está sendo utilizada no momento, bem como dados a respeito das memórias instaladas. Em "Velocidade", é listado o clock, enquanto "Slots usados" indica quantas memórias podem ser instaladas na máquina e quantos módulos estão instalados no momento.

A linha "Fator forma" exibe o tipo de módulo utilizado, geralmente DIMM para desktops e SODIMM para notebooks, enquanto "Reserva para hardware" exibe a quantidade de memória reservada para que os componentes do sistema funcionem sem problemas.

Checando informações avançadas com o Prompt de Comando

Para obter informações mais completas, como fabricante e número de modelo, é possível utilizar o Prompt de Comando, programa pelo qual são acessadas funções mais complexas do sistema operacional. As informações de memória podem ser obtidas copiando e colando a seguinte linha de código:

wmic memorychip get devicelocator, manufacturer, partnumber, serialnumber, capacity, speed, memorytype, formfactor

Basta pesquisar pelo Prompt de Comando na barra de busca do Windows, colar a linha e então apertar a tecla "Enter" para que a coleta dos dados seja realizada. Ainda assim, as informações listadas não trazem todos os detalhes dos módulos de memória, e estão organizadas de maneira menos intuitiva.

O Prompt de Comando traz informações um pouco mais detalhadas (Imagem: Renan da Silva Dores/Canaltech)

Há uma terceira opção para obter os detalhes, através do popular programa CPU-Z.

CPU-Z é outra opção para informações avançadas

O CPU-Z é um programa conhecido por usuários avançados e entusiastas, por trazer diversos detalhes do processador, placa-mãe e GPU instalados na máquina. Versátil, a solução também traz detalhes completos das memórias, incluindo alguns que não são exibidos pelo sistema operacional, como latência (CAS), tipo de memória e rank, especificações que, como havíamos discutido, são importantes na hora de montar um computador de alto desempenho.

O CPU-Z traz um relatório completo das memórias do sistema (Imagem: Renan da Silva Dores/Captura de tela)

Você pode baixar o CPU-Z através do site oficial da ferramenta, em versões de instalação ou portátil, e com o app em mãos, basta abri-lo e acessar as abas "Memory" e "SPD". As informações mais importantes incluem as seguintes seções:

  • Type — o tipo dos módulos, como DDR3, DDR4
  • Size — a capacidade, definida em GB
  • Channel # — o número de canais habilitados, como single-channel ou dual-channel
  • DRAM Frequency — a frequência das memórias, exibida sempre pela metade em caso de dual-channel (ex.: memórias de 3.200 MHz serão exibidas como 1.600 MHz)
  • CAS # Latency (CL) — a latência das memórias, representada pela sigla CL (ex.: CL16, CL18)
  • Module Size — a capacidade de cada módulo instalado no sistema
  • Module Manuf. — a fabricante do módulo de memória
  • DRAM Manuf. — a fabricante dos chips de memória instalados no módulo
  • Part Number — o número de modelo dos módulos
  • Ranks — o número de ranks de memória

Fonte: Windows Central

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.