Review Jeep Compass 2022 | SUV mostra porque lidera o mercado com facilidade

Por Felipe Ribeiro | Editado por Jones Oliveira | 12 de Março de 2022 às 09h30
Felipe Ribeiro/Canaltech

Lançado em 2016, a segunda geração do Jeep Compass é um sucesso absoluto no Brasil. Na esteira do que fez o irmão Jeep Renegade, o SUV médio é um produto bem equilibrado, dotado de muita tecnologia e extremamente competitivo, muito em função de sua vasta gama de versões e preços.

Em 2021, a Stellantis fez uma grande atualização no modelo e deu ao Jeep Compass o que ele precisava para seguir liderando sem ser tão incomodado por Volkswagen Taos e Toyota Corolla Cross: novo motor, melhorias no acabamento e incremento do pacote tecnológico.

Mesmo sem ser perfeito, o SUV médio da Jeep tem qualidades suficientes para seguir liderando o mercado por muito tempo, mesmo com rivais bem pensados e até com algumas vantagens em uma comparação direta.

O Jeep Compass 2022 Limited (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Prós

  • Motor turboflex
  • Pacote tecnológico
  • Acabamento primoroso
  • Design atemporal
  • Bom número de versões e preços

Contras

  • Espaço interno abaixo dos rivais
  • Porta-malas poderia ser maior
  • Consumo abaixo dos rivais

Conectividade e segurança

O Jeep Compass 2022 é o SUV médio mais completo em termos de tecnologia e segurança. O automóvel traz o que há de melhor no segmento quando pensamos em assistentes de condução ao motorista e infotenimento, além de ser o único a ter internet 4G a bordo de maneira nativa.

Para começar, precisamos destacar a excelente central multimídia uConnect de 10,25 polegadas, com alta resolução, interface intuitiva e muita velocidade nos comandos. Além disso, há GPS nativo da TomTom com atualização em tempo real e sistema de som assinado pela Beats, que é um show à parte.

A UConnect é uma das melhores centrais multimídia do mercado (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Tudo isso é complementado pela ótima internet 4G nativa fornecida pela TIM, que proporciona economia dos dados do celular quando conectamos o Android Auto ou o Apple CarPlay. O espelhamento, no Compass, é sem fio.

Já no campo da segurança e assistência ao motorista, o Jeep Compass 2022 também se destaca, sobretudo nas versões Limited e S. Ambas são equipadas com os seguintes itens:

  • Piloto automático adaptativo
  • Alerta de colisão frontal
  • Frenagem autônoma de emergência com detecção de pedestres
  • Sensor de ponto cego
  • Alerta de saída de faixa com correção ativa
  • Alerta de tráfego cruzado em manobras
  • Park assist com auxílio de baliza e vagas de shopping
  • Leitor de placa de trânsito
  • Sensor de fadiga

Além disso, também há o pacote Adventure Intelligence, que fornece ao motorista uma gama de serviços e comodidades remotas por meio do celular, como partida do motor, climatização, delimitação de perímetro, modo vallet, diário de bordo e monitoramento do carro em tempo real — além do serviço de concierge 24 horas.

O sistema de som do Compass em suas versões de topo é assinado pela Beats (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Completam os itens de segurança seis airbags, controles de estabilidade e tração, função auto-hold, freio de estacionamento eletrônico, retrovisor interno eletrocrômico, vetorização de torque, assistente de partida em rampa, sistema ISOFIX, frenagem automática pós-colisão e distribuição eletrônica da frenagem.

Conforto e experiência de uso

O ponto em que o Jeep Compass mais melhorou foi no desempenho e na experiência de uso. Isso foi possível graças ao novo motor do grupo Stellantis, o 1.3 GSE Turbo, que entrega 185cv e 27,5 kgf/m de torque no etanol. Quando equipado com esse propulsor, o SUV se torna muito ágil e extremamente agradável de guiar.

O powertrain é sempre aliado ao câmbio automático de seis marchas, que tem trocas imperceptíveis e ajuda no desempenho do carro. No consumo, por sua vez, mesmo sem ser extremamente econômico, os números são superiores ao modelo antigo com o motor 2.0, rendendo 6,5 km/l na cidade e 10 km/l na estrada com etanol.

O nome T270 indica o torque do Compass em newton-metro (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

A suspensão, independente nas quatro rodas, foi ajustada para privilegiar o conforto e não uma condução mais dinâmica. Mesmo assim, o Compass é extremamente agradável de guiar e passa para a cabine muito pouco dos impactos provocados por nossas ruas esburacadas.

A sensação de conforto é reforçada pelo bom espaço interno, digno de um SUV médio. São 2,63m de entre-eixos e, mesmo sendo o que tem as menores medidas em comparação aos rivais diretos, não faz feio e abriga bem quatro adultos e uma criança.

De modo geral, o Compass manteve a receita de sucesso da versão anterior e ficou ainda melhor com o motor turbo, que deu ao carro muito mais agilidade e diversão. O 0 a 100 km/h foi feito em apenas 9,2 segundos em nossos testes, sempre com o modo “Sport” ativado. Na cidade, a irritação com o desempenho “fraco” do 2.0 ficou no passado e, na estrada, contamos com mais vigor para ultrapassagens e uma viagem mais tranquila e sem sustos.

Espaço interno do Compass é muito bom, mas poderia ser melhor (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Os itens de conforto do Jeep Compass 2022 trazem o sensor crepuscular, sensor de chuva, ar-condicionado digital e dual zone, rebatimento elétrico dos retrovisores, ajustes elétricos dos bancos dianteiros, abertura elétrica do porta-malas com sensor de presença, conjunto óptico full LED, carregamento de celular por indução e teto solar panorâmico.

E a versão Diesel?

O Jeep Compass Trailhawk 2022 mantém as valências da versão anterior, como o ótimo motor 2.0 turbodiesel de 170cv e 35,8 kgf/m de torque, somado às tecnologias e conforto da versão flex. Seu diferencial, porém, é ter mais força em baixas rotações e uma maior aptidão para o off-road.

"O Jeep Compass melhorou muito com o novo motor 1.3 turbo. Ficou muito ágil e divertido de guiar!"

— Felipe Ribeiro

Design e acabamento

Parte do sucesso do Jeep Compass 2022 se dá por conta do design. É um carro realmente muito bonito e que traz a sofisticação de um SUV Jeep verdadeiro, mesmo que sem o apelo do off-road como faz o Renegade, fazendo com que ele se aproxime mais do Grand Cherokee.

O Jeep Compass S é o mais elegante e arrojado da linha (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Na versão 2022, as mudanças foram bem sutis e todas na parte dianteira, com um novo conjunto óptico, que agora é em LED, e um afilamento maior da grade frontal, que deixou o carro mais agressivo.

No interior, o painel, que já era bem acabado, ficou ainda mais luxuoso e com ar mais premium, graças ao uso de material sensível ao toque e detalhes cromados que dão sofisticação ao modelo. O console central também foi modificado e está mais útil, com maior oferta de porta-copos.

Na versão Limited, o Jeep Compass pode ser configurado com outra cor no interior (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Concorrentes

Os concorrentes diretos do Jeep Compass são o VW Taos e o Toyota Corolla Cross, mas outros modelos podem ser incluídos nessa lista. É o caso, por exemplo, de carros como o Caoa Chery Tiggo 7 Pro, Peugeot 3008, Ford Territory e Ford Bronco. Os preços variam de R$ 160 mil a R$ 270 mil.

Jeep Compass 2022: Vale a pena?

O Jeep Compass 2022 é um dos carros mais equilibrados e completos do Brasil — não apenas entre os SUVs médios. Com bom porte, motor competente, muita tecnologia, acabamento refinado e design atraente, ele tem tudo para seguir dominando seu segmento.

O Jeep Compass 2022 pode ser encontrado em todo o Brasil por preços que variam de R$ 162 mil a R$ 234 mil.

No Canaltech, o Jeep Compass 2022, em suas versões Limited, S e Trailhawk foi avaliado graças às unidades gentilmente cedidas pelo grupo Stellantis