Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Qual é o melhor notebook bom e barato?

Por| Editado por Léo Müller | 04 de Outubro de 2023 às 10h52

Link copiado!

Rafael Damini/Canaltech
Rafael Damini/Canaltech

Comprar um notebook não é uma tarefa simples. Você geralmente espera que um produto como esse dure alguns anos e, muitas vezes, não pode pagar muito por ele. E para ajudar você a fazer a melhor escolha nessa empreitada, eu testei alguns dos modelos mais vendidos do mercado nacional com 8 GB de RAM e processadores modernos.

Para apresentar o melhor notebook bom e barato, eu listei os modelos de acordo com seus preços no site do Magalu, em ordem crescente. No final, eu recomendo a melhor opção de compra com base em seus recursos, desempenho e preço. Vamos à lista!

Continua após a publicidade

1. Notebook Compaq Presario 5320

O Compaq Presario 5320 é equipado com o processador Snapdragon 7c Gen2 e tem armazenamento UFS de 256 GB. Ele é o mais barato de nossa lista, mas também é o mais lento. O modelo oferece bom desempenho para tarefas do dia a dia, mas pode perder performance com aplicativos populares para o Windows que não têm compatibilidade com a plataforma ARM64, como o Google Chrome.

Todavia, ele se sai muito bem com os apps nativamente ARM64, como o navegador Microsoft Edge, por exemplo. Alguns aplicativos x86-64 também funcionam ok neste notebook. Até em um modelo igual, mas com 4 GB de RAM, eu consegui jogar Asphalt 9 com boa fluidez, baixando a qualidade gráfica.

Sobre conexões físicas, o notebook inclui 1 porta HDMI, 1 USB-A 2.0, 1 USB-A 3.0, 1 USB-C 2.0, 1 conector P2 para fone/microfone,1 leitor de cartões microSD, a trava de segurança Kensington e o conector de energia. Ele não tem entrada para cabo de rede, mas suporta Wi-Fi de 2,4 GHz e 5,0 GHz, além de Bluetooth 5.0. Sua tela é de 15,6 polegadas, com resolução HD.

O Compaq Presario 5320 é bom para quem está com o orçamento apertado, mas precisa de um PC portátil decente para executar serviços online, como o Google Docs e plataformas de streaming. Além disso, ele é o notebook mais econômico de nossa lista, e sua bateria dura mais de 10 horas longe da tomada. O sistema operacional é o Windows 11 ARM64.

O Compaq Presario 5320 custa a partir de R$ 1.900 no Magalu.

Continua após a publicidade

2. Notebook Multi Ultra UB445

Assim como o modelo anterior, o Multi Ultra UB445 pode ser considerado um notebook de entrada. Ele é equipado com um processador Intel Core i3-10110U, que é voltado para atividades simples e baixo consumo de energia. Ele tem tela de 14 polegadas, com resolução HD. Por isso, ele é o modelo mais leve e compacto de nossa lista. Já o SSD SATA tem 240 GB.

Quanto às conexões físicas, o notebook tem 2 portas USB-A 3.0, 1 Mini HDMI, 1 leitor de cartões microSD, 1 conector P2 para fone/microfone e o conector de energia. Em redes sem fio, ele suporta Wi-Fi de 2,4 e 5,0 GHz, além do Bluetooth. Seu teclado é compacto e o pad numérico é integrado ao touch pad.

Continua após a publicidade

Na questão do desempenho, o Multi Ultra UB445 vale mais a pena que o Compaq Presario 5320, pois seu processador é mais poderoso e não perde desempenho com aplicativos x86-64. Ele é bom para quem precisa de um notebook barato, com bom desempenho para tarefas do dia a dia, e não quer se preocupar com compatibilidade de programas.

O Multi Ultra UB445 custa a partir de R$ 2.070 no Magalu.

3. Notebook Asus Vivobook 15 AMD Ryzen 5

Continua após a publicidade

Este ASUS Vivobook 15 é equipado com o processador AMD Ryzen 5 4600H, tem SSD NVMe de 256 GB e tela de 15,6 polegadas, com resolução Full HD. Ele é o modelo mais poderoso de nossa lista em multitarefa. Isso significa que ele é o que oferece maior desempenho quando muitos aplicativos (ou abas do navegador) estão sendo executados ao mesmo tempo.

Como conexões físicas, temos 1 USB-A 2.0, 1 USB-C 3.2 Geração 1, 2 USB-A 3.2 Geração 1, 1 HDMI 1.4, 1 conector P2 para fone/microfone e o conector de energia. Em conexões sem fio, o notebook é compatível com Wi-Fi de 2,4 e 5,0 GHz, além do Bluetooth 4.1.

O Vivobook 15 AMD Ryzen 5 é bom para quem precisa de um notebook barato e poderoso, com desempenho de sobra para tarefas do dia a dia, assim como atividades de escritório. Ele também serve para pequenas edições de vídeos e imagens, já que seu processador não trava com programas pesados.

Continua após a publicidade

O Vivobook 15 AMD Ryzen 5 custa a partir de R$ 2.430 no Magalu

4. Notebook Asus Vivobook 15 Intel Core i5

Este Vivobook 15 é equipado com um processador Intel Core i5-1135G7, e tem SSD NVMe de 256 GB, além de tela de 15,6 polegadas, com resolução Full HD. No dia a dia, seu desempenho é muito parecido com o do modelo anterior, mas ele é inferior em tarefas que fazem uso intenso da CPU, como edição de vídeos.

Continua após a publicidade

Como conexões físicas, ele conta com 2 USB-A 2.0, 1 USB-A 3.1, 1 USB-C, 1 HDMI, 1 conector P2 para fone/microfone e o conector de energia. Ele também suporta redes Wi-Fi de 2,4 e 5,0 GHz, além de ter Bluetooth 4.1. Sua tela de 15,6 polegadas tem resolução Full HD.

O Vivobook 15 Intel Core i5 é bom para quem precisa de um notebook barato com ótimo desempenho para estudar e trabalhar com aplicações de escritório. O modelo também pode ser usado para editar vídeos e imagens em edições simples.

O Vivobook 15 Intel Core i5 custa a partir de R$ 2.492 no Magalu.

Continua após a publicidade

Qual é o melhor notebook bom e barato de 2023?

Em minha opinião, o Asus Vivobook 15 AMD Ryzen 5 é o melhor notebook custo-benefício de 2023, dentre os modelos analisados. Ele é o que possui o melhor processador para rodar muitos programas ao mesmo tempo, ou para atividades que fazem uso intenso da CPU.

Os notebooks da linha Vivobook 15 se destacam neste comparativo, pois possuem chassi de boa construção, com reforço na tampa e na base rente ao teclado. Eles também possuem tela de 15,6 polegadas, com resolução Full HD, mas o modelo com Ryzen 5 tem tela de melhor qualidade, com painel IPS-level. Ele também leva uma ligeira vantagem no preço.

Continua após a publicidade

O ponto fraco de ambos os Vivobook 15 é em relação ao sistema operacional. Eles saem de fábrica com o Linux, que pode não ser tão amigável para a maioria dos usuários. Além disso, o Linux não é compatível com alguns aplicativos populares que rodam no Windows. Caso você se interesse por um desses notebooks, terá que adquirir a licença do Windows 11 para utilizar o sistema operacional da Microsoft.

O Vivobook 15 AMD Ryzen 5 suporta expansão de memória RAM até 12 GB e permite a troca do SSD NVMe por um de maior capacidade. Dessa maneira, o equipamento é capaz de oferecer ótimo desempenho por muito mais tempo. O modelo também consegue rodar alguns jogos leves – e mais antigos – e sua tampa possui abertura de 180°.