Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

PaLM 2 | Google lança nova IA para rivalizar com o GPT-4

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 10 de Maio de 2023 às 14h20

Link copiado!

Divulgação/Google
Divulgação/Google
Tudo sobre Google

O Google anunciou o lançamento do seu modelo de linguagem de uso geral mais avançado para concorrer com a tecnologia GPT-4, da Open AI. Chamado PaLM 2, o modelo amplo será usado em diversos produtos e serviços da companhia, como Bard e Pesquisa.

O PaLM 2 é a evolução do primeiro modelo usado nas IAs generativas do Google no passado e deve oferecer mais versatilidade nas conversas com humanos. Se antes havia suporte apenas aos idiomas mais falados no mundo, o propósito agora é expandir para mais de 100 idiomas com recursos multilíngües, de raciocínio e de codificação aprimorados.

Continua após a publicidade

O modelo consegue criar códigos de programação, inclusive em linguagens bem específicas, como Prolog, Fortran e Verilog, bem como resolver cálculos matemáticos com facilidade. O PaLM 2 também se propõe a oferecer escrita criativa — expressões idiomáticas, poemas e enigmas —, revisão textual e produção de conteúdos analíticos.

Esse modelo de linguagem apresentado no Google I/O 2023 ainda deve ser treinado para oferecer mais possibilidades de uso. Uma das promessas é oferecer uma versão multimodal para o Bard, chamada Multi-Bard, que usaria uma base de dados muito maior e poderia gerar conteúdos além do textual.

Respostas em múltiplas mídias além do texto

Durante a exibição, foi possível notar que o Bard consegue formatar tabelas com gráficos, criar apresentações e gerar imagens para ilustrar respostas. Isso é algo que até o momento nenhum concorrente faz com tamanha desenvoltura, então pode ser um trunfo do modelo do Google.

Além disso, o PaLM 2 tem como vantagem a integração com serviços do Google, possibilitando assim uma criação associada ao Workspace. Planilhas, Slides e Meet devem receber suporte do modelo futuramente, que já está sendo testado no Gmail e no Docs nas últimas semanas.

No caso do Gmail, por exemplo, a IA consegue resumir conteúdos de e-mails e ajudar na escrita de mensagens, conforme a necessidade do usuário. Dá para rascunhar textos mais divertidos ou com uma pegada formal, inclusive em português. Já no Docs, o recurso ajuda na formatação, revisão textual e otimização de conteúdos.

O modelo de linguagem PaLM original foi mostrado ao mundo pela primeira vez em abril de 2022 e chegou a equipar robôs cozinheiros. Em março deste ano, a empresa lançou uma API para companhias interessadas em usar as soluções corporativas de IA, em uma tentativa de ocupar um espaço já explorado pelos rivais Microsoft e OpenAI, principalmente.

Continua após a publicidade

PaLM 2 é tentativa de superar GPT-4

O PaLM 2 será liberado em quatro tamanhos, do menor ao maior: Gecko, Otter, Bison e Unicorn. O Gecko é tão leve que pode funcionar em dispositivos móveis e é rápido o suficiente para ótimos aplicativos interativos no dispositivo, mesmo quando offline. Essa versatilidade significa que a tecnologia deve ser aplicada em 25 novos produtos e serviços do Google ou de terceiros.

Há também uma variação dessa tecnologia, chamada Med-PaLM 2, que foi treinada por equipes de pesquisa especializadas em saúde para atuar com conhecimento médico. O chatbot pode responder a perguntas, resumir percepções e criar relatórios médicos apenas com diretrizes rápidas.

Continua após a publicidade

A Med-PaLM 2 ainda fica em fase de testes fechados, disponível apenas para especialistas em saúde. A ideia é que sejam corrigidas eventuais falhas na execução para uso seguro em hospitais, clínicas ou profissionais liberais.

O lançamento ocorre em meio a disputas no mercado de IA com a OpenAI, criadora do ChatGPT, e com a Microsoft, dona do Bing Chat — também equipado com o GPT-4. A empresa de Sundar Pichai parece ser a mais atrasada no segmento, por isso corre atrás do prejuízo com "ousadia e responsabilidade" para não deixar seus serviços defasados.

O buscador da Microsoft, por exemplo, experimentou grande crescimento nos últimos meses graças aos avanços do GPT-4. Já o ChatGPT, mesmo sendo uma interface de bate-papo, tornou-se um dos buscadores mais consultados do mundo.