Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

MediaTek Dimensity 9200 Plus chega para desafiar o Snapdragon 8 Gen 2

Por| Editado por Wallace Moté | 10 de Maio de 2023 às 09h01

Link copiado!

Reprodução/MediaTek
Reprodução/MediaTek
Tudo sobre MediaTek

Como havia confirmado, a MediaTek apresentou nesta quarta-feira (10) o Dimensity 9200 Plus, variante mais avançada de seu chipset premium preparada para combater o Snapdragon 8 Gen 2, em especial a variante customizado for Galaxy feita para a Samsung. Seguindo a fórmula de modelos "Plus" anteriores, o lançamento não traz novidades na ficha técnica, contando apenas com velocidades significativamente mais altas na CPU e na GPU.

Como não há mudanças nas especificações, o novo chip traz a mesma CPU de 8 núcleos na configuração de 1 + 3 + 4, sendo 1 Cortex-X3 de máxima performance, 3 Cortex-A715 de alto desempenho e 4 Cortex-A510 de alta eficiência. Temos ainda 8 MB de cache L3 e 6 MB de cache para o sistema, além da GPU Immortalis G715 da ARM com 11 núcleos, que se destaca por suportar tecnologias avançadas como Ray Tracing e Variable Rate Shading (VRS, que reduz detalhes de áreas específicas do cenário do game para melhorar o desempenho).

Continua após a publicidade

O segredo do Dimensity 9200 Plus está no overclock agressivo de fábrica, que chega a levar as frequências de operação da CPU e GPU a serem 17% mais altas que o 9200 padrão. Com a novidade, a MediaTek leva o Cortex-X3 aos 3,35 GHz (contra 3,02 GHz do modelo tradicional), o trio de Cortex-A715 a 3,0 GHz (vs. 2,8 GHz) e o quarteto de Cortex-A510 a 2,0 GHz (vs. 1,8 GHz), o que resulta em um aumento médio dos clocks de 10%. A GPU é o componente a mais ganhar velocidade — é nela que o boost impressionante de 17% é aplicado.

Os leitores mais atentos vão notar semelhanças com uma variante especial do rival da Qualcomm: o Snapdragon 8 Gen 2 for Galaxy, solução feita sob medida para a Samsung. O clock do núcleo mais potente do chip utilizado no Galaxy S23 chega aos 3,36 GHz, estando levemente à frente do processador da MediaTek, que sai na frente com seus 3,0 GHz no conjunto de núcleos de alto desempenho frente aos 2,8 GHz do concorrente.

Na prática, o novo Dimensity promete ser até 10% mais potente, tanto em processamento da CPU quanto em gráficos, de acordo com os números de benchmark divulgados. Essa proposta mais agressiva gera dúvidas quanto à eficiência energética do 9200 Plus, ponto que a MediaTek também faz questão de esclarecer: a fabricante afirma que o lançamento é de 10% a 35% mais eficiente que "o flagship rival de 2023" (o Snapdragon 8 Gen 2) graças a "ajustes em tempo real de acordo com o desempenho oferecido na tarefa em execução".

Completam a lista de especificações a conectividade 5G mmWave com Dual SIM Dual Active (DSDA, ambos os SIM conectam ao 5G ao mesmo tempo), Bluetooth 5.3, Wi-Fi 7, o suporte a telas com taxa de atualização de até 240 Hz em Full HD+ ou 144 Hz em Quad HD+, compatibilidade com memórias LPDDR5X a 8.533 MT/s, gravações em 8K a 30 FPS e 4K HDR em 3 câmeras simultaneamente, além de possibilidade de uso de sensores de até 320 MP que, vale destacar, ainda não existem no momento.

O MediaTek Dimensity 9200 Plus estreará em smartphones a serem apresentados ainda em maio, mas não há detalhes sobre quais marcas utilizarão a plataforma, nem uma previsão de disponibilidade desses dispositivos. A expectativa é que a revisão ajude a aumentar a adoção do chip, usado apenas em um telefone global no momento, o Vivo X90 Pro.

Fonte: MediaTek