SAIU O RESULTADO DO SORTEIO DO PRÊMIO CANALTECH!CONFERIR
Publicidade

Qual é o melhor "Midnight" da Chevrolet?

Por| Editado por Jones Oliveira | 16 de Julho de 2023 às 14h00

Link copiado!

Felipe Ribeiro/ Canaltech
Felipe Ribeiro/ Canaltech

Mostrado pela primeira vez no Salão do Automóvel de São Paulo, em 2016, a linha Midnight era um conceito dentro da General Motors para sua gama de veículos. Naquela época, ainda não se sabia qual seria o destino dessa ideia, mas logo os carros escurecidos foram surgindo, com o primeiro deles sendo a Chevrolet S10 Midnight, em 2018.

Atualmente, os carros da Chevrolet com a assinatura Midnight são modelos intermediários e que servem para dar um atrativo a mais em versões com pouco apelo. Aqui, o investimento é meramente visual, na tentativa de atrair públicos diferentes para um mesmo produto.

Tendo como base o recém-lançado Tracker Midnight, a ideia aqui parece clara: pegar um carro de apelo familiar, mudar o visual para torná-lo mais jovial e tentar atrair pessoas solteiras, casais jovens ou até mesmo mais velhas, porém que queiram esse espírito mais elegante e esportivo, por assim dizer, dos tons escurecidos.

Continua após a publicidade

Quais são os modelos da linha Midnight da Chevrolet?

Atualmente, os modelos da linha Midnight da Chevrolet são:

Continua após a publicidade

Qual Midnight vale mais a pena?

Antes de falar qual é o melhor Midnight da Chevrolet, vale dizer qual vale mais a pena? É bom lembrar, contudo, que o Onix Plus Midnight não é mais ofertado como 0km no site da montadora, o que deve indicar uma atualização desse modelo em breve, assim como já ocorreu com o Onix RS (hatch).

Nós aqui no Canaltech avaliamos todos os modelos Midnight, seja para reviews ou pautas diferentes. Entre todos os modelos, algo em comum: baixa oferta de equipamentos tecnológicos de ponta, como acontece nas versões Premier ou High Country (S10). Do mesmo modo, a lista de itens de série pode agradar clientes menos exigentes, já que há, por exemplo, seis airbags, direção elétrica, chave presencial e Wi-Fi em praticamente todos os modelos (a exceção é justamente o Onix Plus).

Continua após a publicidade

Nesse caso, o que vai definir qual vale mais a pena é o custo-benefício e, aqui, vamos ser mais racionais. Entre todos esses modelos citados acima, o que mais vale a pena, neste momento, é o Cruze Midnight. Explicamos.

Prestes a sair de linha, o Chevrolet Cruze ainda é um carro com muitas qualidades. Sedan médio confortável, com ótimo porta-malas, motor ágil e econômico e design atemporal, o Cruze, seja 0km ou usado, é uma ótima opção entre os Midnights porque muda pouco em relação às demais versões dele.

Sim, ele não tem os mesmos equipamentos vistos no Cruze Premier, como alerta de colisão frontal, alerta de saída de faixa, alerta de ponto cego ou a frenagem automática de emergência. Entretanto, o motor, espaço e dirigibilidade são os mesmos.

Continua após a publicidade

Isso sem falar no preço. Na data de edição desta matéria, o Cruze Midnight sai por R$ 152.450, pouco mais de R$ 10 mil em relação ao Tracker Midnight, que tem menos espaço, menos motor e custa R$ 141.960. Para efeito de comparação, o SUV tem o mesmo motor do Onix Plus, o 1.0 turbo de 116cv e 16,8 kgf/m de torque, enquanto o Cruze é bem mais potente e ágil.

Além disso, o acabamento e o coeficiente de status oferecido pelo Cruze ainda são superiores em relação ao Tracker.

Como é o Cruze Midnight?

O Chevrolet Cruze Midnight é um sedan médio e, mesmo saindo de linha, é uma ótima opção no mercado de seminovos. Ele vem equipado com o ótimo motor 1.4 turbo de 153cv e 24,5 kgf/m, aliado a um câmbio automático de seis marchas. O 0 a 100 km/m, segundo a GM, é de 9s.

Continua após a publicidade

De série, ele vem com seis airbags, controles de estabilidade e tração, luz diurna de condução, freios ABS com EBD, módulo de conexão OnStar com Wi-Fi nativo e concierge, sistema ISOfix, rodas de liga leve de 17 polegadas, direção elétrica e ar-condicionado digital e automático.

Qual é o melhor Midnight da Chevrolet?

Após avaliar todos os modelos Midnight da Chevrolet, aquele que consideramos o melhor é a Chevrolet S10 Midnight. O motivo é simples: mesmo sendo o mais caro, é o mais capaz e versátil dentre esses modelos de proposta "escura".

Continua após a publicidade

Custando quase o mesmo preço de uma Ford Ranger topo de linha, a Chevrolet S10 Midnight é a que mais agrada por seu design, que é, de fato, a grande sacada das versões "meia-noite". Isso sem falar na sua mecânica, com o motorzão 2.8 turbodiesel de 200cv e 51 kgf/m de torque, mais do que suficiente para o uso urbano e rodoviário.

Conectada e segura, a S10 traz o diferencial de, também, estar apta ao trabalho, já que leva mais de uma tonelada na caçamba e tem tração 4x4. Sim, a ideia aqui é ter um carro com apelo mais urbano, porém, a S10 dá conta do recado em trilhas e situações com terreno acidentado.

Em termos de dinâmica, como dissemos, a S10 tem um ótimo motor, mas seu acerto de suspensão consegue ser bem "aceito" no uso urbano, mesmo com ruas esburacadas. A cabine tem bom isolamento acústico e não balança tanto quanto outras picapes feitas sobre chassi.

Continua após a publicidade

Quanto custam os modelos Midnight da Chevrolet?

Veja abaixo o preço dos modelos Midnight da Chevrolet (exceção ao Onix Plus):

Preços dos Chevrolet Midnight
ModeloPreço
Tracker MidnightR$ 141.960
Cruze MidnightR$ 152.450
S10 MidnightR$ 310.100