Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Pixel 8 tem ficha técnica e câmeras reforçados por novo vazamento

Por| Editado por Wallace Moté | 03 de Outubro de 2023 às 09h08

Link copiado!

Google
Google

Faltando apenas um dia para ser oficialmente apresentado, o Pixel 8 protagonizou nesta semana um enome vazamento, não apenas mostrando mais do design na "vida real", como ainda tendo expostos as especificações técnicas e o conjunto de câmeras, incluindo algumas capturas. Ao que parece, o próximo topo de linha premium da gigante das buscas deve oferecer upgrades significativos, pelo menos quando comparado aos antecessores.

As novas informações partem de fontes dos canais PBKReviews e This is Tech Today, e reforçam uma série de informações vazadas no passado, começando pelo design. Ainda que o Googletenha confirmado a aparência da linha Pixel 8, as fotos divulgadas mostram em mais detalhes os aparelhos na "vida real", em vez de apenas renderizações, bem como em opções de cores ainda não vistas, incluindo azul e preto.

Continua após a publicidade

Também é possível notar mais alguns aspectos da aparência, como o acabamento de vidro brilhante e alumínio fosco no Pixel 8, e vidro fosco com alumínio polido no Pixel 8 Pro — característica que pode ser um pesadelo em relação a riscos, especialmente na área da barra de câmeras, que costuma ficar mais exposta. Outro ponto importante presente no vazamento é o conjunto de especificações, que segue o esperado.

A linha deve chegar equipada com o chip Google Tensor G3, composto de uma configuração bem diferente da utilizada por soluções de marcas como Qualcomm e MediaTek. A CPU chegaria a inéditos nove núcleos, contra oito de outras plataformas, adotando núcleos "mais antigos". A distribuição seria feita em grupos de 1 + 4 + 4, sendo um Cortex-X3 de máxima performance trabalhando a 2,91 GHz, quatro Cortex-A715 de alto desempenho operando a 2,37 GHz, e quatro Cortex-A510 de alta eficiência rodando a 1,7 GHz.

As frequências são mais baixas que o comum, possivelmente como forma de compensar a adição de um nono núcleo para evitar superaquecimento, enquanto o processo de fabricação utilizado é da classe de 4 nm — não há menção a que empresa seria a responsável pela produção, mas a Samsung é a mais provável, por se tratar da parceira da gigante das buscas nos Tensor G1 e G2. Os gráficos ficariam a cargo da GPU Mali-G715 da ARM, mas a quantidade de núcleos é desconhecida, e não se sabe se recursos como Ray Tracing estão presentes.

O modelo vazado possui 12 GB de RAM e 128 GB de armazenamento, e detalha as especificações de câmeras: ao que tudo indica, teremos uma lente frontal de 8,4 MP, junto a um trio de sensores traseiros. Por possíveis incompatibilidades do app usado, as resoluções parecem incorretas no momento, considerando apenas o resultado final que combina pixels, mas é possível ter uma noção das distânciais focais e aberturas.

Destaques vão para a abertura de f/1.68 (quanto menor o número, mais luz chega ao sensor) da lente principal, uma das maiores disponíveis atualmente, e para o zoom, que parece atingir magnificação de 10x. Infelizmente não é possível dizer no momento se esse número é óptico ou digital, ainda que o segundo caso seja o mais provável — o dispositivo deve utilizar um conjunto de telefoto periscópio com zoom óptico de 5x e digital de até 10x, indo contra vazamentos anteriores que apontavam zoom máximo de 30x.

Exemplos de fotos do Pixel 8 vazam

Continua após a publicidade

PBKReviews também divulgou materiais vazados do Pixel 8, incluindo vídeos de unboxing nas cores Hazel (cinza-esverdeado) do modelo base e preto da versão Pro, além de supostas capturas com as três câmeras, tanto em cenários bem iluminados quanto noturnos. Os novos telefones do Google parecem manter a tradição de entregar boa qualidade de imagem, mesmo sob baixa luz, oferecendo um alcance dinâmico amplo, mas há alguns pontos de atenção.

Em um dos exemplos, a saturação parece bastante intensa, o que pode desagradar quem prefere cores menos destacadas. Fora isso, o software parece decidir qual câmera será usada para zoom, dependendo da distância e das condições de luz — no mesmo exemplo, ao utilizar a magnificação de 5x, é possível notar uma queda de qualidade que remete a um recorte no sensor principal.

Continua após a publicidade

As fotos noturnas também parecem entregar resultados mistos: se há um bom equilíbrio na iluminação e na captura de detalhes, especialmente ao utilizar o modo noturno, há ruído notável em áreas escuras como o céu quando as condições de iluminação são mais desafiadoras. Dito tudo isso, os registros foram capturados com uma unidade antes do lançamento, e ajustes podem ter sido feitos para a estreia do aparelho com o software finalizado.

Todos os detalhes e características da família Pixel 8 serão esclarecidos no evento desta quarta-feira (4), que será transmitido ao vivo às 11h no horário de Brasília. Além dos smartphones, o Google apresentará ainda o Pixel Watch 2 e, possivelmente, a versão finalizada do Android 14.