MacBook Pro deve receber versão com Apple M1X durante a WWDC, sugere analista

MacBook Pro deve receber versão com Apple M1X durante a WWDC, sugere analista

Por Renan da Silva Dores | Editado por Jones Oliveira | 03 de Junho de 2021 às 20h41
Imagem: Jonathan Francisca /Unsplash

A Apple realiza na próxima semana a WWDC 2021, feira anual para desenvolvedores em que costuma anunciar as novas versões de seus sistemas, além de eventualmente trazer algumas surpresas em termos de hardware. As expectativas para o evento deste ano estão altas, com rumores apontando para inúmeras novidades, incluindo um novo sistema operacional para casas inteligentes e diversos aprimoramentos para o iPadOS.

Especula-se, ainda, que a gigante de Cupertino possa enfim revelar o primeiro MacBook de alto desempenho equipado com chipset proprietário, o suposto M1X, versão revisada do aclamado M1. A existência do novo modelo ganhou força nesta quinta-feira (03), após declarações do analista da empresa de investimentos Wedbush, Dan Ives.

MacBook Pro com M1X, iPhone 13 e mais

Segundo o analista, a Apple deve realmente revelar versões renovadas do MacBook Pro de 14 e de 16 polegadas, finalmente equipados com chips Apple Silicon. As mudanças não estariam apenas no processamento: a fabricante adotaria um novo design, mais plano, além de resgatar opções variadas de conexões, como HDMI e leitor de cartões SD, itens cruciais para profissionais.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Depois do sucesso dos MacBooks com M1, a Apple deve trazer ao mercado versões mais potentes durante a WWDC 2021 (Imagem: Ivo/Canaltech)

Dan Ives também comenta sobre os iPhone 13, mais especificamente sobre a janela de lançamento dos celulares. Ele acredita que a "festa do superciclo" será mantido neste ano, ou seja, a próxima geração de smartphones da Apple deve ser anunciada na terceira semana de setembro. A análise é fruto das mudanças ocorridas com o iPhone 12, que estreou em outubro em virtude dos problemas de estoque.

Novas certificações reforçam rumores

Paralelo a isso, o MacRumors pode ter encontrado novas evidências que reforçam a existência dos MacBooks redesenhados. Navegando pelo banco de dados de um órgão chinês de certificação, o portal encontrou um cadastro recente de uma bateria da Sunwoda, uma das fornecedoras da Apple, com número de identificação A2527, bastante similar ao das células utilizadas nos MacBooks atuais.

O componente é certificado com capacidade de operação de 8.693 mAh/11,45 V, combinação ligeiramente menor que a encontrada no MacBook Pro 16 com processador Intel, que conta com célula de 8.790 mAh/11,36 V. Também foi encontrado o registro de bateria para um suposto MacBook Pro 14, com capacidade de 6.068 mAh/13,05 V, pouco maior que os 5.103 mAh do MacBook Pro 13.

É importante reforçar, no entanto, que não há nenhuma menção direta à Apple ou aos MacBooks e há a possibilidade de os componentes registrados não estarem relacionados com os aparelhos da Maçã. De toda forma, não falta muito agora para conhecermos a nova geração de laptops da empresa, caso sejam realmente anunciados na WWDC.

Fonte: 9to5Mac (1, 2), MacRumors

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.