MediaTek anuncia Dimensity 8000 e 8100 em 5 nm com forte foco em games

MediaTek anuncia Dimensity 8000 e 8100 em 5 nm com forte foco em games

Por Renan da Silva Dores | Editado por Wallace Moté | 01 de Março de 2022 às 10h04
Reprodução/MediaTek

Confirmando os inúmeros rumores que circularam nas últimas semanas, a MediaTek oficializou nesta terça-feira (1) os novos chips Dimensity 8000 e Dimensity 8100, para smartphones de alto desempenho. Quase idênticos, salvo diferenças nos clocks, os chips contam com configurações curiosas de CPU, litografia de 5 nm e grande foco nos games. Fora isso, a empresa anunciou ainda o Dimensity 1300, uma versão revisada do popular 1200 com novos recursos.

Dimensity 8000 e 8100 chegam em 5 nm com foco em games

Anúncios mais importantes, os chips Dimensity 8000 e Dimensity 8100 são os novos chipsets para smartphones topo de linha básicos da MediaTek, considerados pela empresa como "irmãos menores para o Dimensity 9000", atual flagship da marca e rival direto do Snapdragon 8 Gen 1. Ambos são extremamente semelhantes, compartilhando dos mesmos recursos, mas o 8100 traz algumas vantagens notáveis.

Assim sendo, as duas plataformas chegam equipadas com 8 núcleos, sendo 4 Cortex-A78 de alto desempenho e 4 Cortex-A55 de baixo consumo, fabricados pela TSMC no processo N5 de 5 nm. As velocidades do Dimensity 8100 atingem os 2,85 GHz e 2,0 GHz, respectivamente, enquanto o 8000 é um pouco mais modesto, com clocks de 2,75 GHz e 2,0 GHz.

Mais robusto entre as novidades, o MediaTek Dimensity 8100 une núcleos Cortex-A78 e A55 a clocks elevados e nova GPU Mali-G610 para turbinar o desempenho de flagships básicos (Imagem: MediaTek)

Um dos destaques é o processamento gráfico, que curiosamente utiliza a recém-lançada ARM Mali-G610 MC6, uma geração à frente da série de núcleos da CPU. O componente foi anunciado junto ao Cortex-A710 e Cortex-A510, o que levanta dúvidas sobre os motivos pelos quais a MediaTek não utilizou as soluções mais novas no processador — manter os custos baixos para tornar os chips mais atraentes é uma possível explicação.

Outro ponto interessante é que a fabricante promete taxas de quadros de até 170 FPS com o Dimensity 8100, e até 140 FPS, graças a frequências 25% maiores na GPU. A APU 580 para processamento de IA promete 2,75 vezes mais desempenho que a "geração anterior", possivelmente em referência ao Dimensity 1200, e também apresenta clocks 25% mais altos no 8100 frente ao 8000.

Fora isso, os chips suportam telas Full HD+ a 168 Hz, mas o 8100 também é compatível com painéis Quad HD+ a 120 Hz. Apesar disso, no restante das configurações, os lançamentos oferecem basicamente o mesmo conjunto de recursos. As duas plataformas suportam memórias LPDDR5 a 6.400 MT/s em quad-channel, armazenamento UFS 3.1 de alta velocidade e são compatíveis com reprodução de conteúdo em HDR10+

Apesar de embarcar a maioria dos recursos do irmão 8100, o MediaTek Dimensity 8000 é mais modesto, com clocks mais baixos e alguns cortes singelos (Imagem: MediaTek)

Há ainda novo processador de sinal de imagem (ISP) Imagiq 780, com recursos de IA, gravação de vídeos em 4K a 60 FPS com HDR e compatibilidade com câmeras de até 200 MP, HyperEngine 5.0 com otimizações para games, incluindo Variable Rate Shading (VRS), suporte a redes 5G Release-16 de alta velocidade, Wi-Fi 6E 2x2, Bluetooth 5.3 e Bluetooth Low Energy (LE) para áudio.

Fechando o pacote, o Dimensity 8000 e o Dimensity 8100 fazem parte do programa Dimensity 5G Open Resource Architecture, que permite a fabricantes parceiras realizar ajustes e adaptações nos chips para oferecer experiências diferenciadas. Um exemplo da iniciativa foi o Dimensity 1200 AI, variante do Dimensity 1200 desenvolvida em parceria com a OnePlus para entregar performance de IA turbinada.

Dimensity 1300 é revisão do 1200 com novos recursos

Paralelo aos modelos topo de linha, a MediaTek também atualizou o portfólio de plataformas intermediárias com o Dimensity 1300, que chega basicamente como uma versão revisada do elogiado Dimensity 1200. Na prática, quase todas as configurações foram mantidas, sendo a adição de novos recursos a principal novidade.

O MediaTek Dimensity 1300 é basicamente uma versão revisada do 1200, trazendo novos recursos para games como novidades (Imagem: MediaTek)

O lançamento traz CPU de 8 núcleos, com 1 núcleo Cortex-A78 de alto desempenho rodando a 3,0 GHz, 3 Cortex-A78 a 2,6 GHz e 4 Cortex-A55 de baixo consumo operando a 2,0 GHz, junto a uma GPU ARM Mali-G77 MC9. Há suporte a memórias LPDDR4X a 4.266 MT/s, telas Full HD+ a 168 Hz, Wi-Fi 6, Bluetooth 5.2 e 5G de alta velocidade.

A única novidade real é a chegada do HyperEngine 5.0, que substitui a versão 3.0 para oferecer funcionalidade como VRS e Bluetooth LE Audio. Fora isso, assim como seu antecessor e a nova série 8000, o Dimensity 1300 também integra o programa Dimensity 5G Open Resource Architecture, devendo receber versões customizadas futuramente.

Chips estreiam ainda no primeiro trimestre de 2022

Segundo a MediaTek, os novos processadores da família Dimensity chegam ao mercado ainda no primeiro trimestre de 2022, até o final de março, mas a empresa não detalhou quais companhias utilizarão as novidades. Ainda assim, algumas fabricantes já se pronunciaram, não apenas confirmando a adoção das plataformas, como ainda revelando alguns dos modelos de smartphones que embarcarão os componentes.

Modelos como Redmi K50, Realme GT Neo 3, Oppo K10 e um aparelho ainda desconhecido da OnePlus estão confirmados para contar com o novo Dimensity 8100 (Imagem: Reprodução/FoneArena)

Entre eles estão os recém-confirmados Realme GT Neo 3, o Redmi K50, o OPPO K10 e um dispositivo ainda desconhecido da OnePlus, todos munidos do Dimensity 8100. Modelos com o Dimensity 8000 e o Dimensity 1300 ainda não foram anunciados, mas também estão previstos para estrear até o final de março.

Fonte: MediaTek (1, 2, 3), XDA Developers

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.