Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Heróis da Marvel e DC que merecem um jogo

Por| Editado por Bruna Penilhas | 24 de Dezembro de 2021 às 11h30

Link copiado!

Reprodução/DC Comics/Marvel Comics
Reprodução/DC Comics/Marvel Comics

Gotham Knights, Esquadrão Suicida: Mate a Liga da Justiça, Marvel's Spider-Man 2, Marvel's Wolverine e Wonder Woman. Os jogos baseados em heróis estão em alta e os títulos citados são somente alguns dos exemplos das adaptações de quadrinhos que veremos nos videogames nos próximos anos. Nesse bom momento, não seria nada mal que outros personagens também ganhassem jogos próprios.

O Canaltech exercitou a mente e listou alguns heróis que também mereciam um game. Vale todo personagem que não ganhou jogo próprio nas gerações mais recentes de consoles, mas aparecem nos holofotes das adaptações para séries e filmes nos últimos anos.

Continua após a publicidade

Tanto Marvel como DC, duas das maiores publicadoras de quadrinhos do mundo, trabalham atualmente licenciando personagens para desenvolvedoras e estúdios de videogames, o que pode levar a multiplicação das adaptações nos próximos anos.

A Marvel atua em associação atualmente com a Sony, mais precisamente o estúdio Insomniac Games (Ratchet & Clank: Em Outra Dimensão e Sunset Overdrive). Após o sucesso de comercial e de críticas de Marvel's Spider-Man, de 2018, a desenvolvedora ganhou a confiança da Casa das Ideias e produzirá uma sequência do jogo do teioso, além de um título dedicado ao Wolverine.

Já a DC Comics é subsidiária da companhia Warner Bros. Por essa razão, a divisão de jogos da gigante do entretenimento é quem cuida das adaptações dos quadrinhos para outras mídias. Nessa história, a Warner Bros. Games parece disposta a repetir o bom momento que viveu na última década com os jogos do Batman.

Sem mais delongas, confira a seguir oito heróis que queremos ver nos games.

8. Cavaleiro da Lua

A parceria entre Marvel e Sony dificulta, em um primeiro momento, um jogo do Batman desenvolvido pelos estúdios PlayStation. Uma boa saída para desenvolvedores e fãs que queriam essa união, seria uma game do Cavaleiro da Lua.

Continua após a publicidade

Apesar de serem bem diferentes, o morcego da DC e o cavaleiro possuem histórias com a mesma ambientação de investigação noir, em cidades tomadas pelo crime organizado. Uma diferença narrativa que poderia incrementar um jogo do Cavaleiro da Lua são os transtornos psicológicos que fazem o herói não distinguir fantasia da realidade. O personagem ainda vai virar série no Disney+, protagonizada por Oscar Isaac.

7. Homem-Formiga

Entre batalhas urbanas e exploração de mundos quânticos, o Homem-Formiga tem histórias interessantes de ficção científica para basear um jogo com mecânicas que aproveitem os diferentes tamanhos do personagem.

Continua após a publicidade

As habilidades de encolhimento e crescimento poderiam resultar em missões variadas em diferentes cenários, que podem ficar mais legais com o controle do herói sob formigas. O Homem-Formiga ainda tem mais um longa para os cinemas confirmado, o que mostra uma boa fase e oportunidade para o desenvolvimento de um game.

6. Doutor Estranho

Quem não gosta de um bom jogo de magia? Outro herói com uma densa coleção de histórias que poderia facilmente virar um protagonista dos videogames é o Doutor Estranho.

Continua após a publicidade

Imagine a experiência de lutar e formar combos com o complexo conjunto de habilidades do Mago Supremo, que inclui magias e poderes telecinéticos, em uma trama que cruzaria dimensões e mundos diferentes. Além dos filmes, o potencial do personagem foi mostrado na animação What If..., do Disney+, revelando um Stephen Strange em batalhas contra demônios em diferentes dimensões.

5. Mulher-Gavião

Ao lado da Mulher-Maravilha, a Mulher-Gavião é uma das heroínas mais carismáticas do universo da DC Comics. Em um jogo mais sóbrio, a adaptação da personagem para os videogames poderia utilizar a fictícia cidade de St. Roch, na Louisiana, como palco para a adaptação de uma das tramas de luta contra o crime e o tráfico de drogas dos quadrinhos.

Continua após a publicidade

As histórias da Mulher-Gavião são conhecidas pela violência física da personagem, que usa combos aéreos e um conjunto de armas físicas para combater inimigos. O título para videogames também poderia tirar proveito da exploração pelos ares, já que a heroína em questão possui asas.

4. Tropa dos Lanternas Verdes

Mais do que um jogo do Lanterna Verde, a Warner poderia investir em uma aventura sobre a sociedade de defensores do espaço, equipe original do heroí nos quadrinhos. Aproveitando o bom momento dos jogos de exploração espacial, um jogo da Tropa dos Lanternas Verdes uniria exploração cósmica com missões para salvar diferentes planetas.

Continua após a publicidade

O game seria a oportunidade perfeita para rechear aventuras de ação com patrulheiros do espaço, como Halo e Mass Effect, com poderes mágicos, inimigos extragalácticos e um pouco do heroísmo típico das histórias em quadrinhos.

3. Jean Grey

Com poderes tão extremos que até desafiam a própria sanidade, Jean Grey é uma das personagens mais conhecidas do elenco da Marvel e dos X-Men. Com pelo menos duas grandes adaptações para os cinemas, a história da Fênix Negra poderia ganhar uma nova roupagem nos videogames em um jogo solo da protagonista.

Continua após a publicidade

Na trama dos quadrinhos, Jean se torna uma mutante ainda mais poderosa e fora de controle, quando se alia a uma entidade extraterrestre. Um game com a personagem poderia tomar caminhos ousados e explorar Jean como uma antagonista ou até um alvo a ser eliminado por outros X-Men.

2. Jovens Titãs

Existem poucas equipes dos quadrinhos mais carismáticas que os Jovens Titãs. Desde 2003, o grupo com Ravena, Robin, Cyborg, Mutano e Estelar ganhou atenção do público com dois desenhos animados e até uma série com atores de verdade.

Continua após a publicidade

Um jogo poderia aproveitar muito bem o potencial engraçado da equipe, assim como fez Marvel's Guardians of the Galaxy da Square Enix, além de explorar diferentes mecânicas com os poderes das trevas de Ravena ou interessante metamorfismo animal de Mutano.

1. Super Choque

Miles Morales e o caçador de vampiros Blade são dois dos poucos exemplos de heróis negros dos quadrinhos que também desembarcaram nos videogames. Os dois personagens da Marvel inspiram com ótimos títulos, o que coloca a DC Comics em posição de desvantagem na conversa.

Continua após a publicidade

Para além da importância de trazer diversidade para jogos de herói, um jogo do Super Choque poderia ser uma aventura de prato cheio. A história do adolescente que se torna um novo tipo de patrulheiro do bairro com poderes elétricos pode aproveitar conceitos testados e aprovados em Infamous, franquia que também apresenta heróis urbanos com esse tipo de habilidade.