Quais personagens aparecem em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura?

Quais personagens aparecem em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura?

Por Durval Ramos | Editado por Jones Oliveira | 06 de Maio de 2022 às 18h40
Marvel Studios

Uma das principais atrações de Doutor Estranho no Multiverso da Loucura são as participações especiais. Além da óbvia presença do protagonista vivido por Benedict Cumberbatch e da Feiticeira Escarlate (Elizabeth Olsen), outros nomes tinham sido confirmados e outros tantos boatados antes mesmo do longa chegar aos cinemas. Afinal, depois da festa que foi Homem-Aranha: Sem Volta para Casa, o novo capítulo do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU, na sigla em inglês) não poderia deixar essa peteca mística cair.

E a boa notícia é que o filme realmente traz muitos personagens do universo Marvel, incluindo alguns que não estavam no centro dos rumores, o que faz com que esse passeio pelo multiverso seja mesmo cheio de surpresas. Mas será que você foi capaz de reconhecer todo mundo?

Entre novatos e veteranos, Multiverso da Loucura também tem algumas surpresas (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)

Para ajudá-lo a se situar no tempo e espaço entre tantas realidades e variações, o Canaltech preparou este guia com todos os personagens que deram as caras em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura.

E é claro: este texto tem spoilers, então muito cuidado ao avançar por este mundo de mistérios.

Stephen Strange/Doutor Estranho (Benedict Cumberbatch)

Nem toda a magia do mundo parece resolver a peruquinha do Doutor Estranho (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)

O personagem-título de Multiverso da Loucura é, como não poderia deixar de ser, o próprio Doutor Estranho. É o velho herói que a gente conhece do MCU desde sua estreia em 2016 e que cresceu em importância e poder ao longo de todos esses anos, principalmente depois de usar toda sua magia enquanto Mago Supremo para descer a porrada em Thanos.

Mais do que isso, se tornou o suporte mágico de todo o MCU, sempre resolvendo algum problema místico envolvendo outros super-heróis.

Para quem chegou de paraquedas em Multiverso da Loucura, um resumo rápido: Stephen Strange era um arrogante cirurgião que sofreu um acidente de carro e, por isso, perdeu a precisão no movimento das mãos, o que acabou com sua carreira. Desolado, rodou o mundo em busca de um novo sentido para vida até que encontrou a resposta nas artes místicas, se tornando o Mago Supremo da Terra.

O Doutor Estranho da Terra-838 já morreu quando a trama chega ao seu mundo (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)

O grande destaque aqui é que, no novo longa, não temos apenas um Doutor Estranho, mas vários. Como estamos falando de multiverso, o filme traz outras versões do herói, como o Doutor Estranho Defensor, que é apenas uma variante mais pragmática em relação ao seu trabalho como defensor da magia do mundo, e também o Doutor Estranho Sombrio, que é uma versão do herói que acabou sucumbindo à magia das trevas por causa da sua própria infelicidade.

Há ainda o Doutor Estranho da Terra-838, que começa o filme já morto. Ele foi o idealizador dos Illuminati, mas acabou sendo eliminado pelo próprio grupo quanto sucumbiu ao Darkhold para derrotar Thanos.

Wong (Benedict Wong)

É muito interessante ver Wong como um Mago Supremo bem diferente do Doutor Estranho (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)

O mais novo Mago Supremo da Terra. Por muito tempo, Wong foi apenas o mago companheiro do Doutor Estranho, uma espécie de Alfred mágico do herói. Tanto que, no primeiro filme, ele era apenas o alívio cômico da história.

Contudo, o feiticeiro passou a aparecer cada vez mais nos filmes do MCU como esse aliado de extrema importância, participando inclusive de lutas importantes, como na batalha final contra Thanos. Isso porque, depois do desaparecimento de Stephen Strange durante o blip, ele acabou herdando o posto de Mago Supremo.

America Chavez (Xochitl Gomez)

America Chavez é parte central da história, quase como o grande MacGuffin da trama (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)

A personagem faz sua estreia em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura e é uma peça-central dentro da história. Isso porque ela é uma jovem única em toda a existência e com um poder tão particular quanto: com seus socos superpoderosos, ela é capaz de abrir portais que conectam essas diferentes realidades.

Por causa disso, ela passa a ser caçada por Wanda, que quer usar essa habilidade para alcançar outros pontos do multiverso.

Wanda/Feiticeira Escarlate (Elizabeth Olsen)

Vamos combinar que a história da "mulher extremamente poderosa que enlouquece" já está um pouco datada, Marvel (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)

A verdadeira vilã do filme. Sim, ao contrário do que muita gente especulava, Wanda não está sendo manipulada por ninguém e todas as suas ações dentro da trama são reflexo de sua própria vontade de querer se reencontrar com os filhos — mesmo que isso signifique eliminar outras realidades pelo caminho.

O curioso é que esse arco dela como inimiga é algo que ecoa sua estreia no MCU. Ela apareceu pela primeira vez no MCU ao lado de seu irmão Pietro em Vingadores: Era de Ultron como vilões, tendo sido criados pela Hydra como seres humanos aprimorados para combater os heróis. Só que ela se redime e passa a andar com os caras legais na hora do recreio.

E depois de finalmente achar um lar e até um marido — o sintozóide Visão —, ela perde tudo na batalha contra Thanos. E é ao encarar de maneira muito negativa o próprio luto que ela escraviza toda uma cidade e força seus moradores a fingirem viver em uma série de TV.

Além de ser uma trajetória bastante sinuosa, toda essa jornada também refletiu em seus poderes. O que começou sendo apenas poderes telecinéticos e disparos de energia logo escalou para controle de realidade. Tudo ficou ainda mais fora de proporção quando ela descobriu ser uma entidade mística conhecida como Feiticeira Escarlate e, de quebra, herdou o livro das trevas Darkhold.

Rintrah (Adam Hugill)

O minotauro não tem importância nenhuma para a história, mas é uma referência legal às HQs (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)

Você deve ter reparado que tanto no trailer quanto no próprio filme, há um destaque bem grande no minotauro que treina em Kamar-Taj, a cidade-fortaleza dos magos na Terra. Trata-se de Rintrah, um personagem que nem é muito relevante para Doutor Estranho no Multiverso da Loucura, mas é uma figura retirada diretamente dos quadrinhos.

Nas HQs, ele é uma criatura que vive em um planeta extradimensional com uma certa aptidão para a magia e que cruza o caminho do Doutor Estranho quando o herói precisa de ajuda para restaurar alguns de seus artefatos místicos — além de já ter possuído o corpo do minotauro em algumas ocasiões.

É o tipo de participação especial que está no MCU só para deixar os nerds velhacos felizes.

Shuma-Gorath

O monstrão é um vilão clássico do Doutor Estranho nas HQs (Imagem: Reprodução/Marvel Studios)

O demônio de um olho só e muitos tentáculos tinha aparecido já no primeiro trailer e em vários materiais promocionais e até chegou a ser cogitado como a grande ameaça do filme, mas aparece só como um demônio que invade a Terra caçando America Chavez. Não tem qualquer relevância para a história além de ser uma referência legal aos quadrinhos — e um desperdício de vilão tão icônico.

Mordo (Chiwetel Ejiofor)

Mordo finalmente se tornou o Mago Supremo da Terra — pelo menos na Terra-838 (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)

No primeiro Doutor Estranho, Mordo é apresentado como um dos feiticeiros que está treinando em Kamar-Taj e que se torna aliado do Doutor Estranho — embora não concorde na escolha do amigo como Mago Supremo. Depois de toda a confusão envolvendo os dois vilões do primeiro filme, Mordo decide que precisa acabar com a magia do mundo para manter a Terra a salvo — o que nunca vimos ele tentar fazer.

Até porque, desde o filme de 2016, o personagem estava completamente desaparecido. Acreditava-se que ele seria o vilão de Doutor Estranho 2, mas ele aparece em Multiverso da Loucura em um contexto um pouco diferente: ele é o Mago Supremo da Terra-838, ocupando o posto deixado pelo próprio Strange depois de ter sido morto pelos Illuminati.

Charles Xavier (Patrick Stewart)

O clássico Professor Xavier está de volta, embora um tanto quanto mais idoso (Imagem: Divulgação/Fox)

O personagem que deveria ser a grande surpresa de Doutor Estranho no Multiverso da Loucura foi revelado antes da hora em dois teaser, o que tirou um pouco do impacto da revelação. Contudo, não há como negar o quão empolgante é ver o idoso careca de volta em cena, ainda mais na icônica cadeira amarela do desenho de 1997 — e embalado pela mesma trilha sonora da animação.

Se você nunca ouviu falar em Xavier, isso só prova o quanto você é novo. Isso porque o personagem — e seu respectivo intérprete — vieram diretamente da franquia X-Men, sendo ele o grande líder do grupo. Assim, o que temos aqui é a tão esperada conexão do MCU com o universo dos mutantes, por mais que isso tenha sido feito em uma realidade alternativa.

Reed Richard/Senhor Fantástico (John Krasinski)

Marvel ouviu o pedido dos fãs e trouxe o Jim, de The Office, para ser o líder do Quarteto Fantástico (Imagem: Reprodução/Paramount, Marvel Comics)

Talvez a maior surpresa mesmo tenha sido o fato de que John Krasinski foi mesmo escalado para viver o Senhor Fantástico. Esse é um rumor que há tempos vinha circulando na internet muito mais como uma vontade dos fãs do que realmente um boato com um possível fundo de verdade. E, ao que tudo indica, a Marvel decidiu fazer esse agrado para o público e foi atrás do ator para fazer uma ponta como Reed Richards.

E ele realmente casou muito bem como o líder do Quarteto Fantástico. Em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura, ele não faz muita coisa, se limitando apenas a tentar conter Wanda e dar um contexto mais amplo sobre a Terra-838, em que os Illuminati operam na Torre Baxter — em alusão ao Edifício Baxter, a base de operações do Quarteto nas HQs — e que ele tem mulher e filhos. Ou seja, nesta realidade, temos uma Sue Richards/Mulher-Invisível, além dos pequenos Franklin e Valeria Richards.

Blackagar Boltagon/Raio Negro (Anson Mount)

A Marvel parou de fingir que Inumanos não existe só para trazer o Raio Negro de volta (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)

Se você não faz ideia de quem é esse personagem, pode ficar tranquilo, pois a sua carteirinha de fã do MCU não vai ser revogada. Até porque trata-se de um herói que o próprio Marvel Studios renegou diante do fracasso retumbante de Inumanos. Sim, estamos falando do Raio Negro.

Blackagar Boltagon é membro dos Illuminati na Terra-838 e, assim como nas HQs e na série do MCU, o rei dos Inumanos. O seu poder é bastante particular: sua voz emana ondas de energia tão poderosas que são capazes de destruir tudo pela frente. Por isso, ele se obriga a permanecer eternamente em silêncio — ou até alguma magia fazer uma referência a Matrix que é de explodir cabeças.

O mais curioso dessa participação não é só pelo fato de a Marvel ter resgatado um personagem de uma série que claramente tem vergonha de ter feito, mas de ter trazido o mesmo ator para reprisar o papel. Anson Mount viveu o Raio Negro do famigerado seriado e, de alguma forma, conseguiu retornar ao MCU, mesmo que caracterizado de uma forma que ninguém vá reconhecê-lo.

Maria Rambeau/Capitã Marvel (Lashana Lynch)

A Lashana Lynch é boa demais para ser esquecida em Capitã Marvel (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)

Lembra quando todo mundo achava que era o Tom Cruise como Homem de Ferro lutando contra Wanda no trailer? Pois não era uma variante de Tony Stark, mas uma versão alternativa da Capitã Marvel da Terra-838. No caso, ao invés da Carol Danvers que nos acostumamos a ver no MCU, trata-se de Maria Rambeau.

A personagem já tinha aparecido no filme estrelado por Brie Larson sendo interpretada pela mesma Lashana Lynch. A diferença é que, no caso, a Maria da Terra-616 era apenas uma piloto que era muito amiga de Carol e que foi parte fundamental da Shield no início dos anos 2000, como a sua filha Monica Rambeau explica em WandaVision.

E a sua aparição como Capitã Marvel nessa realidade é uma grande homenagem aos quadrinhos com uma pequena dose de adaptação. Nas HQs, Monica foi a segunda pessoa a adotar a alcunha muita antes de Carol Danvers assumir o posto. Assim, o MCU decidiu fazer justiça à família Rambeau e colocou a matriarca como a heroína dessa realidade.

Peggy Carter/Capitã Carter (Hayley Atwell)

Ela já era boladona em desenho e ficou ainda mais em live action (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)

Quem assistiu à animação What If…? reconheceu de primeira a heroína da Terra-838. Trata-se da Capitã Carter, a variante deste universo do Capitão América que tomou o soro do super soldado durante a Segunda Guerra ao invés de Steve Rogers.

Conceitualmente, ela é exatamente a mesma coisa de sua contraparte americana: super habilidosa, atlética e com um escudo que carrega a bandeira de seu país, ela é a heroína feita para empolgar soldados, mas que se tornou algo muito maior. O destaque é que ela tem um jetpack que faz com que seus movimentos sejam muito mais legais.

Clea (Charlize Theron)

Finalmente você vai poder entender a cena pós-crédito (Imagem: Reprodução/Lionsgate, Marvel Comics)

A primeira cena pós-crédito de Doutor Estranho no Multiverso da Loucura é capaz de deixar até o mais apaixonado leitor de quadrinhos Marvel com uma interrogação na cara. Afinal, quem é a mulher misteriosa que aparece para recrutar o herói para impedir uma incursão em outra realidade? É fácil reconhecer a atriz Charlize Theron ali, mas nem todo mundo vai saber que ela está vivendo a personagem Clea no MCU.

Nos quadrinhos, Clea é uma outra feiticeira que volta e meia aparece nas histórias do Doutor Estranho — tendo sido casada com ele, inclusive, durante um período. Em linhas gerais, ela é a Maga Suprema da Dimensão Sombria, aquela que o herói vai enfrentar Dormammu no primeiro filme. Os gibis ainda apresentam uma conexão entre ela e essa entidade, mas é bem pouco provável que o MCU resgate isso no futuro.

O ponto é que Clea vinha sendo cogitada para aparecer em Doutor Estranho 2 já há algum tempo. Em um dos primeiros vazamentos, ela era descrita como uma filha da Anciã, enquanto uma outra versão dizia que a Christine Palmer (Rachel McAdams) da Terra-838 se revelaria a Clea daquele universo.

Vendedor de Pizza (Bruce Campbell)

Bruce Campbell está bem mais velho, mas segue tão caricato como sempre (Imagem: Reprodução/New Line Cinema)

Ok, o vendedor de pizza da Terra-838 não é ninguém importante, pelo menos para a história. Mas ele merece um lugar na nossa lista por ser vivido por ninguém menos do que Bruce Campbell, o eterno Ash Williams de Evil Dead.

O ator é amigo pessoal do diretor Sam Raimi e está sempre presente em seus filmes. Tanto que ele aparece nos três filmes do Homem-Aranha feitos pelo diretor no início dos anos 2000 e mantém a tradição por aqui.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.