Fiat Pulse | Novo SUV compacto chega ao mercado com preços competitivos; confira

Fiat Pulse | Novo SUV compacto chega ao mercado com preços competitivos; confira

Por Felipe Ribeiro | Editado por Jones Oliveira | 20 de Outubro de 2021 às 09h12
Divulgação/Fiat

Acabou o mistério! Finalmente a Fiat mostrou ao público seu primeiro SUV compacto: o Fiat Pulse. Desenvolvido 100% no Brasil, o crossover chega com a missão de desbancar o Volkswagen Nivus, seu principal concorrente, além de ser uma importante peça na estratégia da montadora italiana para voltar ser a líder de mercado depois de alguns anos. E predicados para que isso aconteça não faltam, como o novo motor 1.0 turbo (o mais potente do país), muita tecnologia e, claro, o preço, que está bem agressivo.

Personalidade própria

Apesar das comparações com seu irmão menor, o Fiat Argo, o Pulse tem personalidade própria e pode ser considerado mais do que uma simples evolução do hatch. Com mais "músculo" e linhas modernas, o SUV tem estilo e passionalidade, características marcantes do design italiano. Mas, além de ser bonito e bem resolvido, o automóvel teve acréscimos importantes para ser único, como o novo conjunto óptico, que será de LED em todas as versões, as rodas estilosas e a grade frontal.

(Imagem: Divulgação/Fiat)

Já no interior, a Fiat apostou em uma cabine moderna e com requintes tecnológicos, a começar pela inclusão do novo cluster 100% digital, que estreou na Fiat Toro, e a nova central multimídia de 10 polegadas, também debutante na picape, mas que no SUV compacto está posicionada no modo flutuante e com disposição horizontal. Os materiais são de boa qualidade, seguindo o padrão do Argo, mas não espere por soft touch; couro, apenas nos apoios de braço e nos bancos. 

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

O mais potente do segmento

O item de maior expectativa sobre o novo Fiat Pulse está dentro do capô. Trata-se do novíssimo motor 1.0 turbo 200, que entrega 130cv no etanol e 125cv na gasolina, com 20,4 kgf/m de torque a 1750 rpm. Com esses números ele supera o 1.0 TSI da Volkswagen e se coloca como o propulsor de um litro mais potente do mercado. E isso se justifica no desempenho, que, segundo a Fiat, é de um 0 a 100 km/h em 9,4 segundos, quase dois segundos mais rápido que o rival alemão.

(Imagem: Divulgação/Fiat)

Além disso, a Fiat afirma que o consumo do SUV também é muito bom. Dados da montadora mostram que o Pulse, em sua variante 1.0 turbo, fará médias de 12 km/l na cidade e 14,2 km/l na estrada quando abastecido com gasolina. Claro que esses números serão melhor aferidos em nossos testes aqui no Canaltech, mas sem dúvida esse era um temor por parte dos clientes e fãs da marca, já que o outro SUV compacto do grupo, o Jeep Renegade, tem médias bem ruins.

O novo motor 1.0 turbo, assim como o 1.3 aspirado que equipa as versões mais baratas do Pulse, trabalharão com a nova transmissão automática do tipo CVT, que também estreia na Fiat — ao menos aqui no Brasil. Essa transmissão pode emular até 7 marchas e conta com o modo "Sport", que deixa o automóvel mais esperto e com faixa de rotação do motor mais alta, trazendo esportividade. Há, também, a opção do câmbio manual de cinco velocidades, mas apenas com o motor 1.3.

Muito tecnológico e conectado

Como era de se esperar, a Fiat investiu em muita tecnologia para o Pulse. O SUV traz um ótimo pacote de recursos de entretenimento e segurança também disponíveis em outros carros da marca, como a própria Fiat Toro. A depender da versão, o automóvel pode ser equipado com itens como o alerta de colisão frontal, frenagem automática de emergência e o sistema de saída e correção de faixa. 

(Imagem: Divulgação/Fiat)

Também estão presentes no SUV recursos como o TC+, que melhora o tracionamento do carro em situações de piso complicado, controles de estabilidade e tração, retrovisor eletrocrômico, câmera de ré com gráficos dinâmicos e resolução HD, sensores de chuva e noturno, direção elétrica progressiva, vetorização de torque e quatro airbags de série (seis como opcional) em todas as versões, sendo as bolsas laterais com o diferencial de proteger também a cabeça dos ocupantes, e não somente o tórax. 

Já no campo do entretenimento, a Fiat não fez feio e recheou o Pulse com o que há de melhor dentro da marca. É possível equipá-lo com a central multimídia de 10 polegadas ou com a de 8,4, ambas com ótima resolução e o novo sistema uConnect, que está mais rápido e completo. O espelhamento com Android Auto e Apple CarPlay pode ser feito sem fio e também há um carregador de celulares por indução — além de portas USB.

O Fiat Pulse também traz Wi-Fi nativo em parceria com a TIM, navegador GPS da TomTom com atualização em tempo real e todo o pacote Fiat Connect Me, que agrega ao automóvel a interação com o celular por meio de um app próprio. Com ele, temos total controle do carro, como destravamento das portas, partida remota, monitoramento e delimitação de perímetro e acionamento automático das autoridades em caso de acidente.

(Imagem: Divulgação/Fiat)

Além disso, o Fiat Connect Me conta com o auxílio de recuperação veicular, que ajuda no barateamento do seguro e faz a estreia da plataforma Cart, que transforma o Fiat Pulse em uma espécie de carteira ambulante, permitindo que, ao configurar um cartão de crédito, possamos realizar compras pela central multimídia em estabelecimentos como o McDonalds. O SUV também vem com uma tag do Conect Car instalada de série e a compatibilidade com as assistentes virtuais Amazon Alexa e Google Assistente.

Preços e versões 

O Fiat Pulse chega ao mercado brasileiro com uma cartela de versões e preços bem competitiva. Visando um bom volume de vendas, a montadora italiana traz cinco opções de compra, que partem dos R$ 79.990 e chegam até R$ 115.990, sempre com diferentes itens de série e opcionais, que podem ser vistos aqui.

Confira todos os preços e versões abaixo:

  • Drive 1.3 Flex Manual: R$ 79.990
  • Drive 1.3 Flex Automátic: R$89.990
  • Drive Turbo 200 Flex Automática: R$ 98.990
  • Audace Turbo 200 Flex Automática: R$ 107.990
  • Impetur Turbo 200 Flex Automática: R$ 115.990

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.