Os 10 carros mais icônicos de 007

Os 10 carros mais icônicos de 007

Por Felipe Ribeiro | Editado por Jones Oliveira | 22 de Setembro de 2021 às 18h30
Felipe Ribeiro/ Canaltech

Criado em 1953 pelo escritor britânico Ian Fleming, o espião James Bond, conhecido pelo código 007, é um dos personagens mais marcantes da cultura pop global. Sua vida é marcada por missões, inimigos, namoradas e, desde quando era apenas um produto do imaginário popular por meio de livros de bolso, chamava a atenção por seu aparato tecnológico e métodos para resolver todas as suas investigações.

Mas foi nos cinemas, mais precisamente em 1962, com a interpretação de Sean Connery em 007 Contra o Satânico Dr. No (o filme de 1954 não é considerado oficial), que o agente secreto começou a ser conhecido no mundo inteiro, sempre elegante, bem armado e paramentado. Mas, se repararmos bem, algo além de todos os feitos de Bond se destaca e chama a atenção de fãs e entusiastas: seus carros.

Extremamente importantes para as ações do agente secreto, os carros utilizados por James Bond em seus filmes são um capítulo à parte na história da franquia. Marcas como Ford, BMW e Aston Martin fizeram e até lançaram bólidos magníficos para serem utilizados pelo personagem em seus 24 filmes, sempre com modelos luxuosos e com motores capazes de realizar perseguições e fugas sempre que necessário.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Aproveitando a chegada do novo filme da franquia, 007: Sem Tempo para Morrer, e do novo carro do espião, o espetacular Aston Martin Valhalla, um esportivo híbrido plug-in de 937cv, separamos os 10 carros mais icônicos e legais já utilizados por James Bond em seus filmes. Será que você vai concordar com esta lista?

10. Sunbeam Alpine Series 2

Utilizado por Sean Connery em 007 Contra o Satânico Dr. No (1962), o Sunbeam Alpine Series 2 foi o primeiro carro a fazer parte dos equipamentos de James Bond na franquia. Fabricado pela britânica Rootes Group, esse bólido era equipado com um motor Ford de 80cv, capaz de levar o agente secreto de 0 a 100 km/h em apenas 13,5 segundos — um absurdo para a época.

(Imagem: Reprodução/ MGM)

Apesar do apelo esportivo, o Sunbeam Alpine Series 2 seguiu a linha da Série 1 do carro, sendo também um modelo luxuoso e bem moderno para seu tempo.

9. Toyota 2000GT

Um dos carros mais legais desta lista é o esportivo japonês Toyota 2000GT. Conhecido como o "Porsche nipônico", este carro foi utilizado por Sean Connery em Com 007 Só Se Vive Duas Vezes, filme de 1967 que foi gravado justamente no Japão. Bastante elogiado na época, esse automóvel, apesar de compacto, conseguiu abrigar bem o ator britânico, reconhecidamente alto. A aparência agressiva também se refletia no comportamento do bólido, que ostentava ótimos 150cv.

(Imagem: Reprodução/MGM)

Sua velocidade máxima era de 217 km/h e a produção foi até 1970.

8. AMC Hornet X Hatchback

Utilizado por Roger Moore em seu segundo filme, 007 Contra o Homem com a Pistola de Ouro (1974), o AMC Hornet X Hatchback é um clássico muscle car norte-americano, um dos mais interessantes já dirigidos pelo agente secreto. Produzido em várias versões de motor, esse automóvel protagonizou cenas espetaculares na película, sempre com muita velocidade e ação.

(Imagem: Reprodução/MGM)

O modelo utilizado por Bond no filme era o de 1974, equipado com um motor de seis cilindros em linha que rendia pujantes 170cv.

7. Lotus Esprit S1

Também utilizado por Roger Moore, este Lotus Espirit S1 começou a ser, digamos, mais ousado nos filmes de 007 por trazer inovações e fantasias automobilísticas para a película. Em uma clássica cena do filme 007: O Espião que me Amava (1977), é possível ver o carro embaixo d'água, como se fosse um submarino.

Sua versão original, porém, não fazia nada disso — mas não quer dizer que não era divertida. Ele era equipado com um motor 4 cilindros de 160cv, o suficiente para levá-lo de 0 a 100 km/h em 6,8 segundos. Além disso, seu design inspirou outros modelos esportivos ao longo dos tempos.

6. Bajaj RE 1983

Outro icônico automóvel nas mãos de Roger Moore, o Bajaj RE 1983 pode facilmente ser confundido com o popular tuk-tuk. Mas não se engane: ele anda demais. Em 007 Contra Octopussy (1983), o agente realiza algumas fugas com esse bólido, que é equipado com um motor de 103cv, o suficiente para fazer com que tudo seja bem rápido, já que ele pesa menos de 700 kgs.

Por mais simples que o Bajaj seja, é impossível não estar nessa lista.

5. Aston Martin V8 Vantage Volante

Um dos carros mais legais desta lista é o possante Aston Martin V8 Vantage Volante, utilizado por Timothy Dalton em 007: Marcado para a Morte (1987). Com uma potência espetacular de 438cv, este carro foi considerado o primeiro supercarro britânico. Não apenas por seu desempenho, mas também pelo design e a capacidade de brigar com concorrentes italianos, alemães e norte-americanos.

(Imagem: Reprodução/MGM)

Com tamanha cavalaria, seu motor V8 o leva de 0 a 100 km/h em apenas 5,4 segundos.

4. BMW Z3

Mesmo com uma breve aparição em 007: Contra GoldeEye (1995), o BMW Z3 merece aparecer nesta lista devido à sua qualidade e a enorme quantidade de equipamentos que ele possuía no filme. Á disposição de Pierce Brosnan estavam o assento ejetor, radar e mísseis Stinger alojados atrás dos faróis. Tudo isso movimentado por um motor 1.9 de 143cv.

A aparição no filme de 007 fez com que a BMW vendesse mais de 15 mil unidades naquela época, demorando meses para conseguir entregar todas as encomendas.

3. Aston Martin DBS V12

Utilizado em dois filmes por Daniel Craig, em 007: Casino Royale (2006) e 007: Quantum of Solace (2008), o Aston Martin DBS V12 é o mais potente automóvel desta lista. Para ajudar o atual James Bond em suas missões, ele despeja 517cv, capaz de levá-lo à 307 km/h. O 0 a 100 km/h é feito em 4,3 segundos.

(Imagem: Reprodução/Jason Rowe/ Flickr)

O modelo do filme também tinha gadgets bem interessantes — e que não estavam presentes no modelo original, claro —, como duas bandejas escondidas que abrigam um desfibrilador, kit de emergência médica (com antídotos para diversos venenos) e uma pistola com silenciador.

2. Ford Fairlane

O último filme de Pierce Brosnan como James Bond foi 007: Um Novo Dia para Morrer (2002) e nele um dos carros mais clássicos de toda a franquia deu as caras: o lindo Ford Fairlane, de 1957. Mesmo que aparecendo brevemente na película, com Bond o dirigindo em uma estradinha, foi o suficiente para encantar os olhos de fãs e entusiastas pelo porte e elegância desse sedã estilo barca.

(Imagem: Reprodução/MGM)

O modelo usado no filme é o com motorização 3.7 de 144cv, mas que serviu de base para outros modelos mais potentes que seriam lançados depois.

1. Aston Martin DB5

O Aston Martin DB5 é o carro mais famoso e icônico de toda a franquia James Bond. O bólido apareceu pela primeira vez em 007 Contra Goldfinger (1964), sendo guiado por Sean Connery novamente em 007 contra a Chantagem Atômica (1965) e, muitos anos depois, por Daniel Craig em Casino Royale (2006) e Operação Skyfall (2012).

(Imagem: Reprodução/MGM)

Mesmo sendo antigo, ele foi um dos carros mais interessantes em termos de potência e, claro, estilo. Seu motor 4.6 com seis cilindros em linha despejava até 325cv, o suficiente para fazer o carro ir de 0 a 100 km/h em apenas 8 segundos, absurdamente rápido para a época de seu lançamento e mais rápido que modelos bem modernos vendidos atualmente. Para efeito de comparação, esse automóvel é mais rápido que uma BMW Série 3 2022.

O modelo do filme, porém, era bem mais equipado que o original, ostentando um assento ejetor, metralhadoras e uma cortina de fumaça.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.