One UI 4.0: o que esperar da próxima versão da interface da Samsung

One UI 4.0: o que esperar da próxima versão da interface da Samsung

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 06 de Outubro de 2021 às 16h05
Reprodução/Samsung

O Android 12 é o fio condutor de todas as versões atualizadas de modificações que existem por aí e sua chegada iminente puxa o bonde para outras fabricantes também apresentarem suas novidades. Na lista de sistemas operacionais mais aguardados, a One UI 4.0 se destaca por dar vida aos smartphones Samsung, a marca favorita dos brasileiros.

Em meados de setembro, a Samsung deu início à fase beta da One UI 4.0 e, na ocasião, revelou várias das novidades da sua nova personalização do Android. Para deixar todas as informações em dia, o Canaltech reuniu os achados mais importantes da atualização

One UI 4.0: data de lançamento e disponibilidade

A One UI 4.0 ainda não tem data de lançamento, mas considerando que o próprio Android 12 já fez a sua estreia (em sua versão mais pura), não deve demorar para a personalização da Samsung atingir seu estado mais polido.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Atualmente, os testes da ROM da Samsung acontecem exclusivamente na linha S21 de países selecionados (o que não inclui o Brasil). Segundo relatos de experimentadores, o sistema roda bem, mas eventuais bugs ainda o distanciam da estreia definitiva. Para participar do período Beta, é necessário ser residente de um dos países selecionados, entrar no aplicativo Samsung Members e se inscrever por lá.

One UI 4.0: novidades no visual

Quando foi apresentado no Google I/O 2021, o Android 12 foi adjetivado como uma das maiores renovações visuais da história do Robozinho — felizmente, a Samsung pretende seguir esta onda. No beta 2 da One UI 4, a testadores puderam vislumbrar o visual renovado construído pela fabricante sul-coreana.

Como de costume, a Samsung não parece abraçar totalmente o visual padrão do Android, adicionando também seus toques no design. A interface está até bem parecida com as versões anteriores do sistema personalizado, mas as Cores Dinâmicas da Material You foram finalmente implementadas — menus, botões, menu de notificações e várias seções do sistema são coloridos com os tons predominantes do papel de parede.

One UI 4.0: novos recursos

Tela dividida em todos os apps

A One UI 4.0 aproveita bastante da herança garantida pelo Android 12, mas a Samsung não se limitou às novidades implementadas pelo Google. Entre as principais adições está o novo recurso experimental para tela dividida, que promete separar o display até em aplicativos sem suporte ao recurso, como Instagram ou apps de banco.

Tela dividida promete funcionar até em aplicativos sem suporte oficial, mas ainda está com probleminhas (Imagem: Reprodução/SamMobile)

Misturador de emojis nativo

O teclado Samsung recebeu um misturador de emojis, mas que está longe de ser tão elaborado quanto o do Gboard. Em vez de criar uma versão única da fusão de um ou mais figurinhas, o teclado da Samsung cria uma figurinha nova que é, basicamente, formada pelos dois adesivos.

O misturador de emojis até quebra um galho para expressar emoções complexas, mas não faz tanto quanto o Gboard (Imagem: Reprodução/SamMobile)

Novos menus

Algumas seções do sistema operacional também mudaram: seleção de widgets, Configurações, Assistência do Aparelho e até o app nativo de câmera foram algumas das alterações. No geral, porém, a Samsung parece bem econômica nas alterações da versão de testes, com boa parte dos ícones e menus ainda intactos no beta recente.

Novo menu separa widgets em uma lista vertical, no lugar das páginas (Imagem: Reprodução/SamMobile)

Foco em privacidade

Direto do Android 12, chega à One UI 4.0 o painel de privacidade que, mesmo com um visual um tanto diferente da visão do Google, atende o mesmo propósito: dar acesso rápido às permissões e monitorar o acesso de aplicativos aos recursos especiais do celular.

Indicador aparece em tamanho maior quando a barra de status é exibida (Imagem: Reprodução/SamMobile)

Nesse sentido, vale ressaltar a adição dos indicadores de uso de câmera e microfone — uma luz verde que aparece no canto da tela —, e o fornecimento de localização aproximada, recursos estes que foram introduzidos no Android puro. O Private Compute Core, central de gerenciamento de dados salvos no celular, também foi encontrado na compilação de testes.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.