Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Windows 11 atinge maior quantidade de usuários desde o lançamento

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 01 de Fevereiro de 2024 às 17h25

Link copiado!

Sunrise King/Unsplash
Sunrise King/Unsplash

O Windows 11 fechou o mês de janeiro de 2024 instalado em 27,83% dos computadores em todo o mundo — é a maior parcela do mercado já registrada para a versão atual do sistema operacional, de acordo com o site StatCounter. O primeiro lugar ainda é ocupado com muita folga pelo Windows 10, presente em 66,47% dos dispositivos.

Lançado em 2021, o Windows 11 teve muitas dificuldades para emplacar e dominar o mercado do SO da Microsoft. Alguns motivos explicam isso: muitos computadores empresariais ainda são compatíveis somente com a versão 10, e até a atualização num computador pessoal esbarra em alguns requisitos mínimos de hardware, como a exigência do TPM 2.0, que dificulta a migração de máquinas mais antigas.

Continua após a publicidade

De qualquer forma, a adesão ao sistema segue em crescimento, ainda que lenta. Durante o mesmo período no ano passado, a parcela era de apenas 18,12%, o que representa um salto de quase 10 pontos percentuais até o começo deste ano. O maior impulso veio no mês de setembro, quando houve o lançamento da IA do Copilot, no qual muita gente abandonou a barca do Windows 10 e foi para a versão mais nova.

Traduzindo a porcentagem para números, é provável que a parcela represente por volta de 400 milhões de usuários ativos no Windows 11 — um vazamento de outubro do ano passado trouxe a estimativa.

As versões mais usadas do Windows em janeiro de 2024

Veja a lista completa:

Continua após a publicidade
  1. Windows 10 — 66,47% dos dispositivos
  2. Windows 11 — 27,83%
  3. Windows 7 — 3,05%
  4. Windows 8.1 — 1,73%
  5. Windows XP — 0,57%
  6. Windows 8 — 0,26%
  7. Outros — 0,09%

É importante reforçar que a Microsoft só mantém o suporte ativo para os Windows 10 e 11 e prevê o fim da cobertura gratuita da versão 10 em 2025 — ainda seria possível garantir atualizações adicionais até 2028 a partir de uma assinatura paga.

Os sistemas muito antigos são raros, mas ainda existem por aí: é o caso do Windows 3.11, de 1993, que ainda é usado na operação de trens na Alemanha.

Fonte: StatCounter