Pixel 6 e processador Tensor inspiram batata chips real lançada pelo Google

Pixel 6 e processador Tensor inspiram batata chips real lançada pelo Google

Por Eduardo Moncken | Editado por Wallace Moté | 15 de Setembro de 2021 às 17h02
Divulgação/Google

Cansado de ver apenas insiders ganharem destaque pelos vazamentos do Pixel 6, o Google decidiu antecipar seu anúncio. Em uma espécie de prévia, a empresa confirmou recursos, design, e um novo conjunto de câmeras. Outro destaque foi a confirmação do uso de um chip próprio: o Google Tensor.

O Google parece tão confiante na criação do seu próprio SoC que lançou uma campanha e... batata chips. Claro, a empresa se aproveitou da ambiguidade do termo e agora promove seu primeiro processador com um salgadinho — que terá quantidade limitada.

Sobre esse chip, a solução vai substituir o SoC Snapdragon da Qualcomm, e a empresa destacou que a utilização do componente personalizado deve entregar melhor integração do hardware com o software — o que deverá se traduzir em fotografia ainda mais avançada na linha. O chip também promete mais poder para inteligência artificial e machine learning, e segundo rumores pode entregar desempenho de Snapdragon 870.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Google Original Chips

Lançado exclusivamente no Japão, o Google Original Chips traz embalagem inspirada na identidade visual do Pixel 6. E até repete as cores que serão usadas nos celulares. No vídeo sobre a novidade, os segundos finais servem exatamente para destacar a criação do componente que equipará os flagships da empresa em 2022.

Serão distribuídos 10 mil pacotes da batata chips por lá. Os japoneses puderam solicitar uma unidade sem custos por um site promocional. O Google não informou se levará a campanha a mais países, mas como nenhum celular Pixel chegou ao Brasil até hoje, a chance de uma ação do tipo por aqui é basicamente descartada.

Vale lembrar que os Pixel 6 e 6 Pro, apesar de estarem sendo divulgados pelo Google, ainda não possuem data de lançamento. Problemas no mercado de semicondutores? Adiamento em virtude de muitos lançamentos no mesmo período? Fato é que, costumeiramente, o evento para novos smartphones acontece em outubro. Como a recepção do Pixel 4 não foi das melhores e o Pixel 5 foi lançado sem grandes novidades, e como intermediário, a expectativa em 2022 é alta.

Fonte: Android Central, Google

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.