Publicidade

Google Pixel Fold 2 com Tensor G4 pode estrear mais tarde que o esperado

Por| Editado por Wallace Moté | 07 de Fevereiro de 2024 às 08h13

Link copiado!

(Imagem: Reprodução/Google)
(Imagem: Reprodução/Google)
Pixel Fold 2

O primeiro smartphone dobrável do Google foi lançado em junho do ano passado equipado com o processador Tensor G2 da linha Pixel 7. E enquanto esperávamos que o sucessor do Pixel Fold fosse apresentado um ano depois, novos indícios sugerem que a espera pode ser um pouco maior.

Segundo o Android Authority com informações de fontes anônimas, o Pixel Fold 2 era projetado inicialmente sob o codinome "Zuma" com chip Tensor G3, mas protótipos mais recentes estão sendo desenvolvidos sob o codinome "Zuma Pro" utilizando o inédito chip Tensor G4 combinado com 16 GB de RAM.

Como o processador de quarta geração será provavelmente lançado como um dos principais destaques do Pixel 9 e Pixel 9 Pro, fica subtendido que o Pixel Fold 2 deve estrear em conjunto ou (mais provavelmente) após os smartphones tradicionais do Google.

Continua após a publicidade

Tradicionalmente, o Google anuncia seus principais celulares em outubro. Assim, a apresentação do seu próximo dobrável deve acontecer entre o fim de 2024 e início de 2025.

Tensor G4 de poucas mudanças

Vazamentos apontam cada vez mais que o Tensor G4 será uma atualização mínima com melhorias pontuais em relação ao Tensor G3, que por sua vez já representou poucas mudanças em comparação com o Tensor G2.

Continua após a publicidade

Até agora, todos os processadores do Google foram projetados em parceria com a Samsung e fabricados pela sul-coreana, apresentando problemas de sobreaquecimento e baixa eficiência energética.

Para o Tensor G5 de 2025, o Google planeja grandes novidades em desempenho e consumo energético graças à mudança de produção para a TSMC — fabricante dos chips desenhados pela Apple, Nvidia e várias outras gigantes do ramo.

Pixel Fold 2: o que esperar

Continua após a publicidade

Pouco se sabe a respeito do sucessor do Pixel Fold. Tudo que podemos esperar se baseia em melhorias que o Google pode implementar em relação ao modelo atual.

Com isso, a expectativa é de que o aparelho ofereça telas melhores, corpo mais durável que não dobre ao avesso em testes de resistência e que herde o conjunto de câmeras do futuro Pixel 9 — previsto como o primeiro compacto com lente periscópio.

Há também a possibilidade da adoção da linguagem visual dos novos smartphones com design de laterais retas e módulo de câmeras traseiras oblongo com todos os sensores unidos em um único recorte.

Mais detalhes relacionados ao Pixel Fold 2 devem surgir à medida que o Google avança no desenvolvimento do dispositivo.

Continua após a publicidade

Fonte: Android Authority