Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

MSI lança guia para reduzir instabilidade de CPUs Intel

Por| Editado por Jones Oliveira | 26 de Abril de 2024 às 17h25

Link copiado!

Ivo Meneghel Jr/Canaltech
Ivo Meneghel Jr/Canaltech
Tudo sobre Intel

Com sérios problemas de instabilidade em certas CPUs Intel de 13ª e 14ª geração, diversas fabricantes de placas-mãe estão trabalhando em atualizações de BIOS para seus produtos. Em um comunicado oficial, a MSI ofereceu um passo-a-passo completo de como mitigar o problema nos processadores do time azul.

Uma das soluções mais rápidas proposta pela fabricante é reverter o consumo energético dos processadores ao seu modo padrão. Para isso, os usuários deverão entrar na BIOS e acessar o menu de CPU Cooler Tuning. Lá, será preciso navegar até a opção de Boxed Cooler, que reverterá as condições de potência do processador.

Na opção padrão, indicada para water coolers, o sistema informa que o processador pode consumir até 4.096 W, valor que certamente a peça não atingirá. A opção Boxed Cooler, por sua vez, reduz a energia para 253 W e é uma forma de contornar os problemas de estabilidade em jogos e aplicações complexas, que envolvam múltiplos fluxos de trabalho.

Continua após a publicidade

No entanto, por mais que essa técnica resolva o problema, ela pode causar um efeito colateral. Ao reduzir o consumo de energia da CPU, o processador pode ter uma queda de desempenho considerável. Essa redução de performance é variável, com relatos apontando uma média de 10% de queda. 

Apesar de ser uma estratégia da MSI para resolver o problema de maneira paliativa, a Intel ainda não apresentou uma solução para os erros de instabilidade. Os casos acontecem em modelos topo de linha, como os Core i7 e Core i9 das gerações Raptor Lake e Raptor Lake Refresh. Inclusive, a ASUS precisou lançar uma atualização de BIOS para suas motherboards.

Confira outras soluções alternativas no site oficial da MSI