Nostalgia em alta: Séries clássicas com sequências, spin-offs e reboots

Por Beatriz Vaccari | Editado por Jones Oliveira | 11 de Abril de 2021 às 21h00

A televisão e o cinema do último milênio entregou produções marcantes que vivem na memória do público até hoje. Felizmente, graças à modernidade da indústria cinematográfica e televisiva, muitos estúdios estão olhando para o passado e revivendo histórias que são lembradas com muito carinho pelos fãs e passadas de geração em geração em forma de reboots, sequências, prequelas e spin-offs.

Há, pelo menos, 30 produções que revisitam essas franquias icônicas dos anos 2000 para trás e estão sendo desenvolvidas e modificadas para as telas da televisão. No entanto, como tudo é tratado com muito sigilo em Hollywood, há poucas informações sobre essas séries e suas produções divulgadas.

Pensando nisso, o Canaltech separou 10 séries já finalizadas, em andamento ou para serem lançadas que apostam na nostalgia do público e no sucesso dos últimos anos para você se manter na expectativa de ver suas histórias favoritas voltando para as telas. Confira abaixo:

10. Garota Conhece o Mundo

Garota Conhece o Mundo foi um spin-off de Boy Meets World (Imagem: Divulgação / Disney Channel)

Boy Meets World foi uma série de comédia de sucesso nos anos 1990 que narra os eventos cotidianos e as lições de vida do pequeno Cory Matthews (Ben Savage) desde sua infância até o momento em que ele entra na faculdade. Foram quase 160 episódios distribuídos em sete temporadas exibidas até os anos 2000. Para reviver o sucesso, o Disney Channel produziu um reboot que contava com protagonismo feminino.

Garota Conhece o Mundo estreou em 2014 e durou três temporadas, contando com o retorno de Ben Savage e Danielle Fishel reprisando seus papéis como Cory e Topanga Matthews, agora casados e com dois filhos: Riley (Rowan Blanchard) e Auggie (August Maturo). Vários membros do elenco de Boy Meets World apareceram ao longo da série em papéis recorrentes, como Rider Strong (Shawn Hunter), Will Friedle (Eric Matthews), Danny McNulty (Harley Keiner), Lee Norris (Stuart Minkus) e William Daniels (Feeny).

Garota Conhece o Mundo está disponível no Disney+.

9. Fuller House

Fuller House acontece 29 anos da série antecessora, Full House (Imagem: Divulgação / Netflix)

Três é Demais (ou Full House, no original) foi um verdadeiro sucesso entre as comédias familiares, tanto que foi homenageada em um episódio de WandaVision. Acompanhando uma família nada convencional, a série mostra como Danny Tanner, que acabou de perder a esposa, cuida das três filhas com a ajuda do cunhado Jesse e do melhor amigo Joey. Os dois vão morar na casa de Danny e, com o passar do tempo, aprendem a conviver com DJ, Stephanie e a pequena Michelle. A série durou oito temporadas, com quase 200 episódios exibidos entre 1987 e 1995.

Em 2016, a Netflix lançou o revival Fuller House, repetindo o enredo, mas desta vez com a filha mais velha DJ, 29 anos depois: ao perder o marido, a Tanner mais velha pede ajuda da irmã Stephanie e da melhor amiga Kimmy Gibbler para cuidar dos três filhos. O revival contou com quase o elenco original inteiro (com exceção das irmãs Olsen, que não quiseram retornar para o papel da pequena Michelle) e durou cinco temporadas, chegando ao fim em 2020.

8. Who's the Boss?

Who's The Boss? vai voltar com protagonistas principais! (Imagem: Divulgação / Sony Pictures Television)

Who's The Boss? é uma das comédias familiares mais amadas da televisão na década de 1980. O show traz uma relação pai e filha com a qual famílias ao redor do mundo cresceram ao longo de 196 episódios, exibidos até 1992. Tendo em média mais de 33 milhões de espectadores ao vivo durante as oito temporadas, a série foi um verdadeiro sucesso de público e crítica especializada, sendo indicada para 10 Emmys e cinco Globos de Ouro.

Em agosto de 2020, foi anunciado o revival da série, que agora contará com Tony Danza e Alyssa Milano reprisando seus papéis como Tony e Samantha Micelli. A nova história acontecerá 30 anos após os eventos da série original, centrada em Tony, ex-jogador de beisebol aposentado, e seu relacionamento com a filha Samantha, que agora é mãe solteira, morando na casa em que Who's The Boss? foi ambientada. Não se sabe quando a Sony Pictures Television disponibilizará os episódios, no entanto.

7. Anos Incríveis

The Wonder Years terá reboot na ABC, mas dessa vez centrado numa família negra (Imagem: Divulgação / ABC)

The Wonder Years, ou Anos Incríveis, durou seis temporadas entre 1988 e 1993. Acompanhando Kevin Arnold, um adolescente nos anos 1960 e 1970 que cresceu com sua família de classe média nos subúrbios, com seu pai Jack, sua mãe Norma, seu irmão Wayne e sua irmã, Karen. Além dos familiares, o melhor amigo, Paul Pfeiffer, e sua paquera, Gwendolyn "Winnie" Cooper, também estrelaram as histórias do pequeno Kevin que são narradas através das reflexões dele quando adulto, aos 30 anos.

Em julho de 2020, foi anunciado que a série seria totalmente reinicializada, só que, desta vez, estrelando uma família negra de classe média em Montgomery, Alabama. Diferente da maioria dos reboots atuais, Anos Incríveis ainda se passará nos anos 1960 e deve começar a ser rodado em maio de 2021. Saladin K. Patterson, produtor de The Big Bang Theory, assina o roteiro do episódio piloto, que ainda não possui previsão de estreia.

6. Punky, A Levada da Breca

Punky retorna 40 anos depois, repetindo a fórmula vista na sitcom da década de 80 (Imagem: Divulgação / NBC)

A clássica comédia Punky, A Levada da Breca também entrou na roda da nostalgia em Hollywood e recentemente ganhou uma sequência da série de 1984. A trama original durou quatro temporadas e acompanhou a garota que dá nome ao show, abandonada pelos pais. Na companhia do seu cão Pinky, Punky descobre um apartamento vago num prédio e passa a viver lá, mas quando é encontrada pelo administrador do prédio, acaba sendo adotada e começa a viver grandes aventuras na companhia de suas novas amigas.

O reboot homônimo segue Punky com o retorno da atriz Soleir Moon Frye, que agora é uma mãe solteira de três filhos e tenta colocar sua vida de volta aos eixos quando conhece uma garotinha que lembra o que ela mesma passou na infância. A comédia se destaca entre as demais justamente por trazer a tona um assunto pouco visto na cultura pop: a adoção. A primeira temporada tem 10 episódios e é exibida no streaming da NBC, o Peacock.

5. Um Maluco no Pedaço

Um Maluco no Pedaço ganhará reboot dramático intitulado Bel-Air (Imagem: Divulgação / NBC)

Um Maluco no Pedaço é uma das séries de comédia mais clássicas e famosas de todos os tempos, não só por dar início à carreira de Will Smith como ator, mas também pelo seu humor único ao mesmo tempo que trazia pautas de relevância para as telas. A produção durou seis temporadas, encerrando-se em 1996, e acompanhou um jovem que sai da cidade de Filadélfia, onde morava com a mãe, para a casa dos tios no rico bairro de Bel-Air, em Los Angeles.

A série ganhará um reboot intitulado Bel-Air, totalmente inspirado num fanvideo publicado no YouTube que reimaginava a série num tom dramático e mais sério. O ator Will Smith atuará como produtor executivo e declarou nas redes sociais que o Peacock, serviço de streaming da NBC, já encomendou não apenas uma, mas duas temporadas da nova série, "Como é a personagem da Hillary em um mundo de Instagram e mídias sociais? O que isso pode se tornar? Tio Phil: um advogado negro que se tornou juiz. […] Tia Vivian: uma mulher que costumava estar inserida no mercado de trabalho, mas que decidiu criar os filhos, e, agora que eles cresceram, precisa decidir como quer seguir o rumo da própria vida", comentou Smith sobre a produção, que ainda não possui data de lançamento.

A série original de Um Maluco no Pedaço está disponível no Globoplay.

4. One Day at a Time

O reboot homônimo de One Day at a Time chegou em 2017 pela Netflix (Imagem: Divulgação / Netflix)

Em 1975, One Day at a Time fez sucesso na televisão dos EUA e se tornou uma das séries mais bem-sucedidas da grade da CBS aos domingos. A produção acompanhava a mãe divorciada Ann Romano e as filhas adolescentes Julie e Barbara, que agora vivem num apartamento novo em Indianápolis. No elenco principal, ainda havia o superindentente do prédio Dwayne Schneider, que trazia uma outra dinâmica com as inquilinas. A série durou nove temporadas e teve seu último episódio exibido em 1984.

Em 2017, a Netflix lançou o reboot homônimo da série, mas trazendo novos personagens no elenco principal, cujas características poderiam introduzir novos assuntos e pautas à tela. Acompanhando uma família cubana liderada pela mãe divorciada Penelope Alvarez, a releitura da comédia aborda questões como doenças mentais, imigração, sexismo, homofobia, xenofobia e racismo. A série também atualizou os personagens de Julie, Barbara e Dwayne para Elena, Alex e Schneider, respectivamente, além de adicionar a abuelita Lydia, de Rita Moreno.

One Day at a Time está disponível na Netflix.

3. Magnum P.I.

Thomas Magnum volta a resolver crimes num cenário paradisíaco em Magnum P.I. (Imagem: Divulgação / CBS)

Em 1980, Tom Selleck dava vida a Thomas Magnum, um ex-oficial da Inteligência dos Estados Unidos que atuava como detetive particular nas paradisíacas praias do Havaí. Magnum fez um enorme sucesso justamente por dar referências à Havaí 5-0, outra série investigativa que foi um fenômeno da TV nos anos 1970. Com humor inteligente e uma trama com muitos mistérios e ação misturados ao comportamento hedonista do personagem principal, a série durou ao todo oito temporadas, exibidas até 1988.

Em 2018, a CBS anunciou o reboot da série, desta vez intitulada Magnum P.I. e trazendo Jay Hernandez no papel do detetive particular. Apesar de acenar à série que lhe deu origem, Magnum P.I. também se reinventou em outros elementos, trazendo a personagem de Higgins vivida por uma mulher, cuja dinâmica com o protagonista rende a tradicional química de duplas de séries policiais. Além disso, assim como a trama da década de 1980, Magnum P.I. ainda faz referência a Hawaii-Five-0, remake de Havaí 5-0, que durou 10 temporadas.

Magnum P.I. está disponível no Prime Video.

2. Virando o Jogo dos Campeões

Mighty Ducks: Game Changers é um spin-off da trilogia de filmes The Mighty Ducks (Imagem: Divulgação / Disney+)

Nós Somos os Campeões, ou como é popularmente conhecido pelo título original The Mighty Ducks, é um filme dos anos 1990, trazendo Emilio Estevez (estrela de Clube dos Cinco) no papel do ex-craque de hockey Gordon Bombay, que após ser preso por dirigir alcoolizado, é condenado a cumprir trabalho comunitário treinando um time de hockey. É então que ele conhece os que mais tarde se tornariam os Mighty Ducks, um time divertido e pouco profissional, mas cujas aventuras desdobraram-se em mais dois filmes.

Em Virando o Jogo dos Campeões (ou The Mighty Ducks: Game Changers), os Ducks tornam-se tudo o que sempre criticaram: uma equipe esnobe que vê o esporte como uma obrigação profissional, e não divertida. É então que Alex (Lauren Graham) decide criar sua própria equipe com o filho para trazer de volta o lado alegre do hockey. Além do retorno de Estevez como Gordon Bombay, a série ainda contará com parte do elenco da trilogia original: Elden Henson (Fulton_, Matt Doherty (Averman), Vinny La Russo (Adam Banks), Marguerite Moreau (Connie), Garret Henson (Guy), e Justin Wong (Kenny Wu).

Virando o Jogo dos Campeões está disponível no Disney+.

1. Cobra Kai

(Imagem: Divulgação / Netflix)

Karatê Kid foi um verdadeiro fenômeno do cinema da década de 1980 que acabou se desenrolando em cinco filmes, sendo que três deles fazem parte da história original centrada em Daniel LaRusso (Ralph Macchio) e o Sr. Miyagi (Pat Morita). Dez anos após o lançamento do primeiro longa, A Nova Aventura trouxe Hilary Swank vivendo uma protagonista feminina aprendiz de artes marciais; em 2010, Karatê Kid ganhou um reboot com Jaden Smith e Jackie Chan, mas foi a trilogia inicial que deu origem a um dos maiores sucessos presentes na Netflix hoje: Cobra Kai.

Originalmente produzida para o YouTube Premium, Cobra Kai se passa 30 anos depois do Torneio de All Valley, de 1984. Daniel LaRusso agora é um adulto bem-sucedido que tenta seguir com sua vida após a perda de seu mentor, Sr. Miyagi. Já seu velho adversário, Johnny Lawrence (William Zabka), se vê colhendo fracasso atrás de fracasso na vida, até que decide reabrir a antiga academia de karatê Cobra Kai em busca de redenção.

Cobra Kai está disponível na Netflix.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.