SAIU O RESULTADO DO SORTEIO DO PRÊMIO CANALTECH!CONFERIR
Publicidade

7 filmes soft porn com cenas picantes na Netflix

Por| Editado por Durval Ramos | 05 de Novembro de 2023 às 11h00

Link copiado!

Netflix, Lionsgate
Netflix, Lionsgate
Tudo sobre Netflix

Os filmes soft porn sempre tiveram um lugar no coração da audiência, mas, desde o novo momento da literatura erótica, o gênero passou a ganhar ainda mais destaque e, como consequência, foram lançados diversos títulos que caíram no gosto popular. São aquelas produções que focam no romance a partir de uma perspectiva mais picantes e ousada, o que acaba fazendo com que tenhamos cenas igualmente quentes e provocativas na tela — ainda que nada de forma explícita. Um exemplo disso é a saga Cinquenta Tons de Cinza, estrelada por Dakota Johnson (Persuasão) e Jamie Dornan (A Noite das Bruxas).

Criada como uma fanfic de Crepúsculo, a história conta como a jovem e virgem Anastasia se envolve amorsamente com Christian Grey, um milionário adepto do sadomasoquismo no sexo. Além desse, outros títulos ficaram famosos como a saga 365 Dias, o filme Segundas Intenções e também Ata-me, sendo este último do diretor Pedro Almodóvar e estrelado por Antonio Banderas.

O que muita gente não sabe é que existem outros títulos menos famosos mas com grandes chances de agradar, e muitos deles estão disponíveis no catálogo da Netflix. Obviamente, são produções voltadas para maiores de idade em que o sexo tem uma parcela central dentro da trama — às vezes justificável, outras nem tanto —, mas que mostra como o assunto não precisa ser tabu e que é possível trabalhar a temática da sexualidade de forma leve e sem cair na coisa explícita e incômoda que outros gêneros mais pesados.

Continua após a publicidade

Confira, abaixo, algumas opções para a sua maratona. Só que, mais uma vez, lembre-se de que estamos falando de títulos para maiores de 18 anos.

7. O Lado Bom de Ser Traída

Continua após a publicidade

Lançado em 2023, este filme nacional conta a história de Babi (Giovanna Lancellotti), uma mocinha que está prestes a se casar, mesmo achando que o sexo com o noivo anda para lá de morno. O que ela não imaginava era que descobriria a traição do amado no dia da sua despedida de solteira. A partir disso, ela se recompõe e se envolve sexualmente com Marco (Leandro Lima), um juiz de direito que lhe ensina que ela ainda pode ser amada e sentir muito prazer na cama.

Baseado no livro homônimo de Sue Hecker, O Lado Bom de Ser Traída é uma boa opção para quem realmente gosta das cenas de sexo. Isso porque elas foram muito bem coreografadas e são repetidas várias vezes ao longo da trama. Já a história deixa um pouco a desejar quando tenta mesclar suspense com erotismo.

Ainda assim, quem quiser dar uma chance à produção original da Netflix, encontrará Camila de Lucas, Louise D'Tuani e Micael Borges no elenco.

6. Quatro Histórias de Desejo

Continua após a publicidade

Quem busca um soft porn e gosta de fugir das produções estadunidenses ou europeias poderá se encantar com Quatro Histórias de Desejo. Neste drama de 2018, quatros diretores da Índia exploram temas como amor, sexo e relacionamento. Aqui, no entanto, a picância é trabalhada de uma maneira ampla, já que a trama enfrenta uma certa repressão sexual existente na Índia.

O resultado da obra ficou tão bom que ele foi indicado ao Emmy, e em 2023, ganhou a Parte 2 que também está disponível na Netflix.

5. O Amante de Lady Chatterley

Continua após a publicidade

Outro bom drama erótico que está disponível na Netflix é O Amante de Lady Chatterley. Na trama, a protagonista é uma mulher nascida em uma família rica e tradicional e que se casa com Clifford Chatterley, um homem bonito e por quem ela até vem a nutrir sentimentos, mas que está paralisado da cintura para baixo devido a um ferimento de guerra.

Isso faz com que a mocinha fique entediada no casamento e se envolva com um guarda da sua propriedade, descobrindo os prazeres do amor e do sexo que ela jamais imaginou existir.

Com Emma Corrin (Meu Policial) como Lady Chatterley, o filme é uma adaptação do livro homônimo de D. H. Lawrence, que foi escrito em 1928, mas só foi impresso no Reino Unido na década de 1960, devido às suas cenas explíticas de sexo.

Continua após a publicidade

4. Terapia do Prazer

Neste filme de 1997, Maria (Sheryl Lee) é casada Joseph (Craig Sheffer), um homem que ela ama muito, mas com quem não consegue ter orgasmos. Um dia, em uma sessão de terapia, ela lhe revela esse segredo e ainda conta que frequenta a clínica de Baltazar Vincenza (Terence Stamp), um terapeuta que faz sexo com as pacientes como forma de cura.

A princípio, Joseph fica chocado e procura o terapeuta para ameaçá-lo, mas logo muda de comportamento e pede que o médico lhe ajude a conquistar a amada. O que ninguém sabia é que Maria escondia um segredo traumático.

Continua após a publicidade

Refletindo sobre o prazer feminino no sexo, o longa traz boas cenas eróticas e um suspense interessante.

3. Esta Noite, Você Dorme Comigo

Lançado em 2023, o soft porn polonês Esta Noite, Você Dorme Comigo chamou a atenção dos assinantes da Netflix e conquistou seu lugar no top 10 do streaming por algum tempo após a estreia.

Continua após a publicidade

Nele, a trama segue o clássico modelo do triângulo amoroso e mostra Nina (Roma Gąsiorowska), uma jornalista casada e mãe de duas filhas que embarca em um romance tórrido com seu ex-namorado quando o mesmo volta para a Polônia. Acontece que esse romance acaba a deixando perturbada e fazendo com que ela fique cada dia mais dividida entre seu casamento e seu affair.

Apesar de ter recebido avaliações mistas nos principais sites agregadores de crítica, o filme conquistou a audiência pelo erotismo e por refletir sobre os dilemas de um relacionamento de uma mulher de meia idade.

2. Traição e Desejo

Continua após a publicidade

Apesar de não ter um enredo muito inovador, Trust, como é chamado no original, conquista o público pelas cenas de sexo quase explícitas. Na trama, Brooke (Victoria Justice) é a dona de uma pequena galeria de artes e vive um casamento tranquilo com Owen (Matthew Daddario). Infelizmente, isso não é o suficiente para ela e, ao cruzar com um pintor extremamente atraente, acaba traindo o marido e se entregando aos prazeres do sexo proibido.

Acontece que ela não é a única infiel da história, já que o próprio Owen também se envolve com uma jornalista sedutora. Por fim, todas essas traições acabam ruindo a relação sólida que Brooke e Owen tinham e, como consequência, fazem com que segredos de ambos comecem a ser revelados.

1. A Vida Secreta de Zoe

Continua após a publicidade

Assim como em Esta Noite, Você Dorme Comigo, neste filme a protagonista também tinha tudo que queria na vida: um marido carinhoso, filhos adoráveis e uma carreira de sucesso, mas isso não bastava para saciar o seu desejo por sexo, o que fez com que ela iniciasse uma série de relações infiéis e se colocasse em situações de vulnerabilidade.

A fim de resolver esse dilema, ela procura um analista, mas enquanto lida com o problema, multiplica o número de parceiros sexuais, o que torna cada dia mais difícil esconder a sua vida dupla da família.

Adaptado do livro Addicted, da autora Zane, o filme recebeu críticas mistas do público, mas entregou bastante cenas picantes para os fãs do gênero.