iPad Pro com OLED e alta taxa de atualização adaptiva deve ficar para 2024

iPad Pro com OLED e alta taxa de atualização adaptiva deve ficar para 2024

Por Eduardo Moncken | Editado por Wallace Moté | 06 de Outubro de 2021 às 11h13
Henry Ascroft/Unsplash

Mesmo sendo os tablets mais premium da Apple, nenhum iPad Pro chegou a usar tela OLED até hoje. A maior inovação de display da linha foi a adesão a altas taxas de atualização (120 Hz), e mais recentemente a adoção de Mini LED no modelo de 12,9 lançado este ano. Mas isso deve mudar futuramente.

A Apple já estaria estudando lançar o iPad Pro de maior tamanho com um display OLED. E não só isso, o painel poderá trazer tecnologia de taxa de atualização adaptativa. Essa novidade foi lançada com o iPhone 13 Pro, que pode ir de 10 Hz a 120 Hz a depender da tarefa. Essas são duas características que otimizariam o uso da bateria, já que o OLED apaga pixels escuros e o LTPO evita o consumo desnecessário de bateria.

(Imagem: Ivo/Canaltech)

A novidade, porém, poderá ficar para 2024. Para além do fato da tranquilidade de não ter muitos competidores para os iPad Pro, a Maçã estaria tendo dificuldades para encomendar os painéis com a qualidade esperada. Além de atender a esse critério, as telas enormes do modelo de 12,9 polegadas demandam mão de obra e recursos em largas quantidades que aumentam os custos iniciais da fábrica que topar o projeto.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

A Apple, inclusive, estaria negociando com a Samsung, que precisaria adaptar suas plantas para a produção de um OLED de dupla camada. Como as negociações ainda são iniciais, não é esperado que um iPad com OLED possa chegar no próximo ano. Expectativas otimistas projetam este novo iPad Pro com OLED e LTPO para 2023, mas as projeções mais realistas o jogam mesmo para 2024.

Outra que pode acabar ficando a cargo de produzir as telas é a LG, que inclusive já estaria trabalhando em projetos para o painel, mas também com previsão de entrega entre o final de 2023 e início de 2024.

Como mesmo as negociações para um iPad Pro com OLED estão dificultadas, o mercado não deve esperar um iPad Air com novas telas em 2022. As melhorias deverão focar em otimização de desempenho.

Um novo iPad Pro antes do OLED?

Mesmo assim, o mercado pode esperar que novo(s) iPad Pro chegue(m) ao mercado antes da versão OLED com taxa de atualização adaptativa. Por histórico, a Apple nunca teve um hiato maior que um ano para a sua linha de tablets premium, sendo improvável que a próxima geração seja prevista apenas para o final de 2023 ou 2024.

Vale lembrar, o mais recente tablet da empresa é o iPad Mini 6, que está protagonizando seu possível segundo problema de fabricação desde seu anúncio, no mês passado. O iPad Pro de 12,9 polegadas, porém, não passou imune às críticas no seu lançamento: usuários apontaram que a tecnologia Mini LED gerava um problema de visualização de imagens e textos em alto contraste, porque os pixels brancos geravam um efeito de iluminação para além deles mesmos, diminuindo a nitidez da tela.

Fonte: The Elec, WCCFTECH

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.