Sete startups brasileiras estão em Top 10 de unicórnios latinos; Nubank lidera

Sete startups brasileiras estão em Top 10 de unicórnios latinos; Nubank lidera

Por Márcio Padrão | Editado por Claudio Yuge | 07 de Julho de 2021 às 11h30

Sete empresas brasileiras – Nubank, QuintoAndar, Wild Life, Loft, C6 Bank, Mercado Bitcoin e Creditas – ocupam o top 10 da América Latina de startups unicórnio, ou seja, que valem mais de US$ 1 bilhão. A lista traz os valores de mercado das companhias e foi montada pela newsletter The News, voltada a notícias de tecnologia e do mercado financeiro.

A lista considerou o México como parte do mercado latino, embora o país pertença à América do Norte. Portanto, duas empresas citadas são mexicanas.

A fintech Nubank lidera a lista, pois atualmente está avaliada em US$ 30 bilhões (cerca de R$ 155 bilhões na cotação atual). Bem atrás está outra brasileira, a proptech QuintoAndar, com US$ 4 bilhões (R$ 20,7 bilhões), empatada com a mexicana Kavak, de compra de carros usados.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

As outras duas empresas não brasileiras a constar no ranking são a colombiana de delivery Rappi e a casa de ativos digitais mexicana Bitso. Metade são de fintechs – Nubank, Bitso, C6 Bank, Mercado Bitcoin e Creditas. Veja o top 10 completo:

  1. Nubank: US$ 30 bilhões
  2. QuintoAndar: US$ 4 bilhões
  3. Kavak: US$ 4 bilhões
  4. Rappi: US$ 3,5 bilhões
  5. Wild Life: US$ 3 bilhões
  6. Loft: US$ 2,9 bilhões
  7. Bitso: US$ 2,2 bilhões
  8. C6 Bank: US$ 2,1 bilhões
  9. Mercado Bitcoin: US$ 2,1 bilhões
  10. Creditas: US$ 1,7 bilhão

O mais recente a entrar nessa turma é o Mercado Bitcoin, que virou unicórnio na semana passada após um aporte de US$ 200 milhões.

O levantamento mostra como o Brasil se tornou uma referência no setor de startups. Além das sete empresas nacionais, as outras três estrangeiras já têm operação no nosso país.

Fonte: The News

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.