Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Próximo Apple Watch poderia medir temperatura interna do corpo

Por| Editado por Wallace Moté | 11 de Março de 2024 às 16h57

Link copiado!

Ivo Meneghel Jr/Canaltech
Ivo Meneghel Jr/Canaltech
Tudo sobre Apple

A Apple pode manter o foco em saúde e bem estar para as próximas gerações do Apple Watch, e adicionar o recurso de medição da temperatura interna do corpo. A informação foi obtida por meio de uma nova patente da marca, que detalhou como funcionaria a tecnologia

Até o momento, alguns relógios possuem a medição de temperatura da pele, que pode ser útil para o acompanhamento de ciclos menstruais, entre outras possibilidades. 

Contudo, a patente da Apple cita uma forma de medir a temperatura da parte interna, assim como já fazem os termômetros de grau médico. No entanto, a nova solução promete ser bem menos invasiva, já que não precisa ser posicionado dentro da boca ou orelhas, por exemplo. 

Continua após a publicidade

Para funcionar, a tecnologia ainda dependeria basicamente da medição da temperatura da pele, mas com um conjunto de soluções mais complexo. 

Afinal, o calor seria monitorado em duas seções diferentes do relógio, incluindo uma em contato direto com a pele. O outro sensor pode ficar mais perto da tela do Apple Watch, que é o local mais distante possível da superfície de contato entre o produto e o corpo. 

Na sequência, o Apple Watch seria capaz de comparar as duas medições, usando um fator de correção de temperatura baseado no fluxo de calor monitorado ao longo do smartwatch. Tudo isso seria feito por meio de um algoritmo próprio desenvolvido pela marca. 

Continua após a publicidade

Apesar de ser um recurso considerado inovador, o termômetro de temperatura interna do corpo já vem sendo especulado desde o Apple Watch Series 7. Tanto o Series 7 quanto o Series 8 vieram sem o recurso, então é possível que a Apple tenha passado esse tempo aprimorando a sua tecnologia, que já teria sido pensada há anos. 

A Apple teve alguns momentos conturbados nos últimos meses no que diz respeito aos recursos de saúde do Apple Watch, e mais especificamente às patentes deles. Afinal, a empresa se envolveu em uma disputa judicial com a companhia de produtos de saúde Masimo, em relação a um uso indevido de tecnologias do oxímetro do relógio, o que chegou a tirar o produto das lojas nos EUA por alguns dias.

Ainda não foi divulgada uma data específica para o lançamento do próximo Apple Watch, mas é possível que ele chegue juntamente com a linha iPhone 16 em setembro. Rumores anteriores já mostraram que o produto pode trazer sensor de pressão arterial, entre outras novidades. 

Continua após a publicidade

Fonte: Patently Apple