Review Realme 8 5G | Excelente custo-benefício em 5G e processamento

Review Realme 8 5G | Excelente custo-benefício em 5G e processamento

Por Amanda Abreu | Editado por Léo Müller | 04 de Outubro de 2021 às 17h46
Ivo Meneghel Jr/Canaltech

Quando falamos de aparelhos equilibrados em preço, velocidade do processador, conectividade e armazenamento, normalmente esbarramos em muitos problemas. É complexo alinhar tantos acertos ao mesmo tempo sem criar conflitos, pensando na proposta do celular que tenta "ser bom em tudo".

Eis que temos a proposta do Realme 8 5G indo de encontro justamente a isso tudo, oferecendo acertos e erros de uma forma "diferente" do que costumamos ver no segmento de intermediários do mercado brasileiro. Pude testá-lo por dois dias direto e venho trazer a minha experiência pessoal de uso. Confira na nossa análise.

(Imagem: Ivo/Canaltech)

Prós

  • Preço competitivo;
  • Conectividade 5G;
  • 8 GB de RAM.

Contras

  • Software Realme ainda abaixo da concorrência;
  • Câmera macro abaixo do esperado.

Confira o preço atual do Realme 8 5G

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Design e Construção

O acabamento do Realme 8 5G entrega uma estética quase impecável em um primeiro olhar. Ele passa a impressão de que seria um topo de linha construído com vidro sobre um belo acabamento espelhado, harmonizando com o módulo de câmera traseiro também de forma elegante e coesa.

Essa impressão de alto nível é desfeita logo no primeiro contato dos dedos do usuário com a traseira do aparelho que, imediatamente, enche-se de marcas de dedo. O material, apesar de muito bonito, é totalmente plástico e é praticamente impossível de ser mantido "limpo", dando uso imediato para a capa de proteção que acompanha o aparelho na caixa.

  • Dimensões: 162,5 x 74,8 x 8,5 mm;
  • Peso: 185 g.

Na lateral direita do Realme 8 5G, está localizado o sensor para leitura de impressões digitais, que ativa confortavelmente o dispositivo e o desbloqueia simultaneamente. Na lateral esquerda, temos apenas o botão de volume para cima e para baixo, em uma tecla unificada.

(Imagem: Ivo/Canaltech)

De modo geral, o Realme 8 5G acerta muito bem em suas escolhas sóbrias de design, entregando um aparelho que não é berrante aos olhos do público como "experimental da Realme", tampouco um estandarte de "Fã da Realme". Lembrando que aparelhos anteriores da empresa traziam tanto logos gigantes quanto palavras e frases de "fã" estampadas na traseira de alguns modelos.

A bateria, processador e tela do Realme 8 5G fazem todo sentido para um aparelho de bom custo-benefício

Tela

Na face frontal, temos um painel simples, porém interessante para um aparelho de menor custo. Trata-se de uma tela IPS LCD de 6,5 polegadas, aproveitando aproximadamente 84% da frente do celular de forma bem distribuída e uniforme. A câmera frontal fica dentro de um recorte circular posicionado no canto superior esquerdo do display.

Nada disso justifica o "interessante" usado para descrever essa tela nesta análise, incluindo a esperada resolução de 1080 x 2400 pixels (em aspecto 20:9). A "surpresa" fica por conta da taxa de atualização da tela de 90 Hz, algo ainda fora do esperado para qualquer modelo que "mire" no corte de custos. Dentro da proposta do Realme 8 5G, 90 Hz são muito bem vindos para esta tela.

(Imagem: Ivo/Canaltech)

Configuração e Desempenho

Rodando o sistema Android na versão 11, temos um aparelho intermediário de entrada bem configurado no Realme 8 5G, equipado com processador MediaTek Dimensity 700 5G (com litografia de 7 nanômetros).

O usuário pode esperar desempenho comparável aos chips da linha 700 da rival Qualcomm, efetivamente levando para casa um aparelho atualizado e moderno como os equipados com chipsets Snapdragon desse segmento. Optar pelo Realme 8 5G entrega um processador octa-core decente, com desempenho ideal para grande parte dos usuários de jogos intermediários e tarefas normais do dia a dia. Eu colocaria esse modelo acima de um celular de entrada, mas abaixo de um modelo "gamer" ou "intermediário-premium".

Esse “poder de fogo” é complementado por 8 GB de RAM presentes no celular, dando margem de trabalho generosa para o Dimensity 700 operar múltiplas tarefas sem problemas e sem travamentos, assim como é esperado dessa plataforma. O armazenamento interno de 128 GB soma ainda mais nessa proposta, tanto pela sua generosidade quanto por sua boa velocidade.

(Imagem: Ivo/Canaltech)

A grande proposta deste Realme é oferecer "equilíbrio" de especificações, somando tudo ao suporte completo ao futuro 5G brasileiro. Até mesmo a customização da empresa sobre o Android, a "Realme UI" 2.0, "pega leve" nos desvios do sistema operacional.

Em geral, a experiência de uso do sistema é limpa e sem interferências, deixando para o usuário dúvidas pontuais como o "App Market" e "Nuvem HeyTap". Itens esses com propostas fracas, problemáticas na adaptação de idioma e que não oferecem necessariamente uma experiência melhor que soluções integradas do Google no sistema.

No teste de benchmark realizado pelo app 3D Mark — Wild Life —, o Realme 8 alcançou 1080 pontos, com média de FPS de 6,5. Essa pontuação prova que estamos falando de um bom celular intermediário, com performance favorável para a maioria dos usuários.

Câmera

O conjunto de câmeras presente no Realme 8 5G é agradável.No sensor principal, temos uma unidade de 48 MP, com apoio de outros dois sensores de 2 MP (sendo um para fotos macro e outro para medição de profundidade). Os vídeos são gravados em 1080p (Full HD).

As fotos do aparelho são boas, em geral, cabendo ao usuário desativar o modo "AI" para obter imagens mais equilibradas e realistas, deixando bons níveis de detalhe presentes nos registros.

Câmera Macro

É importante ressaltar que toda essa descrição muda ao falarmos da câmera "macro" do modelo, operando em resolução baixa demais para justificar sua presença. Faz mais sentido para o usuário fotografar cuidadosamente com a lente normal do Realme 8 5G e depois cortar a foto com "zoom digital".

As câmeras do aparelho são competentes, porém é preciso lembrar que 2MP não são suficientes para que o usuário tenha vontade de guardar as fotos Macro por muito tempo.

Câmera Frontal

Já na câmera frontal, temos bons resultados também, preservando bastante detalhes e registrando boas imagens na maioria das sessões de fotografia. O sensor opera com 16 MP e é capaz de gravar vídeos em 1080p.

Sistema de Som

Dando voz ao Realme 8 5G, temos apenas uma saída de som no aparelho, localizada na parte inferior do modelo, posicionada de forma tradicional em comparação a qualquer concorrente.

O desempenho deste alto-falante está dentro do nível básico esperado para smartphones comuns, apresentando severa dificuldade em reproduzir sons mais complexos em cenas de ação de filmes e séries, bem como durante a execução de músicas repletas de instrumentos simultâneos ou em jogos com muitos efeitos sonoros executados ao mesmo tempo.

O usuário deverá buscar fones para fazer jus às capacidades de multimídia do Realme 8 5G. Caso contrário, terá sempre a impressão de que "há algo errado" com a experiência de imersão.

Na parte de baixo do aparelho, temos o conector de 3,5 mm para uso de fones de ouvido (com fio) do tipo P2. Esse posicionamento do encaixe é questionável para quem pretende jogar com o aparelho apoiado lateralmente, visto que essa conexão impede a "pegada" necessária para jogos caso ele esteja conectado.

Bateria e Carregamento

A bateria presente no celular conta com 5.000 mAh de capacidade, entregando energia suficiente para o uso ativo e exigente do aparelho durante todo o dia, mesmo passando por algumas sessões de jogos intermediários em exigência gráfica.

É possível notar que a MediaTek acertou na plataforma Dimensity 700, mantendo o consumo de energia sob controle durante o uso exigente e poupando bateria durante o estado de espera (standby) do sistema.

(Imagem: Ivo/Canaltech)

Para os momentos de recarga, há suporte ao carregamento rápido de 18W, com carregador disponibilizado pela Realme na embalagem. Essa velocidade de carregamento é suficiente e proporcional para os 5.000 mAh de capacidade do modelo, atendendo bem a proposta de "não cortar demais" nos benefícios, tanto na quantidade de energia quanto na qualidade do carregador.

É importante notar que o Realme 8 5G não oferece suporte a qualquer tipo de carregamento sem fio, algo esperado para a faixa de preço e proposta do modelo.

Concorrentes Diretos

Focando no objetivo de entregar um aparelho 5G com bom custo-benefício, podemos optar entre dois outros modelos, sendo um da Samsung e outro da Motorola.

Começando pelo Samsung Galaxy A32 5G, temos um aparelho competente, construído com o chipset MediaTek Dimensity 720 5G. O modelo da coreana tem performance bem parecida com o da Realme. O preço é mais salgado, porém é justificável para quem busca um conjunto de câmeras mais competente, fato que ocorre nesta opção da Samsung em comparação com o Realme 8 5G.

Do outro lado, temos o Moto G50 5G da Motorola, construído com o mesmo chipset do Realme, o MediaTek Dimensity 700 5G.

As câmeras são igualmente problemáticas na proposta do G50 da Motorola, com destaque para a tela inferior nesse modelo quando comparada ao que temos no Realme. Só deve optar pelo Motorola quem obter um preço mais competitivo ou, meramente, tiver preferência pela marca.

Lembrando que a faixa de valor dos celulares apresentados está entre R$ 1.300 e R$ 1.800.

Conclusão

O Realmente 8 5G faz todo sentido para quem busca um aparelho "menos caro" que ofereça 5G, contando no processo com bateria de boa duração e processamento competente para a faixa de preço. A tela do aparelho é igualmente adequada para o segmento, sem decepcionar (nem surpreender).

A única decepção fica por conta do conjunto de câmeras do Realme 8 5G, em que qualquer câmera (independentemente da qualidade) que pudesse oferecer um complemento "ultrawide" poderia, sem dúvida, ser mais útil que a lente "macro" presente no aparelho.

(Imagem: Ivo/Canaltech)

Se você busca um aparelho 5G intermediário de entrada, provavelmente não terá decepções com este Realme. Apenas esteja ciente: o aparelho não é um "matador de topos de linha", nem compete com grandes nomes "de igual para igual", como pode parecer em alguns momentos.

Falamos de um excelente custo-benefício, portanto conter as expectativas é o melhor modo de perceber a qualidade e competência do Realme 8 5G.

E aí, gostou do Realme 8 5G? Então acesse o link abaixo para garanti-lo com o menor preço do momento!

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.