Publicidade

Quais operadoras suportam eSIM no Brasil?

Por| Editado por Wallace Moté | 06 de Agosto de 2022 às 13h00

Link copiado!

Andrey Metelev/Unsplash
Andrey Metelev/Unsplash

Idealizado para facilitar a vida dos usuários e proporcionar maior segurança, o eSIM começou a ser implementado nos smartphones e smartwatches a partir de 2016, estando hoje disponível de maneira ampla em uma variedade de celulares, especialmente em modelos mais avançados. A tecnologia está presente no Brasil e é fornecida pelas três principais operadoras do mercado brasileiro — Claro, TIM e Vivo — com algumas peculiaridades no processo de ativação de cada uma.

O que é o eSIM?

O eSIM (Embedded SIM, ou SIM integrado em tradução livre) é um chip dedicado instalado no celular ou outro dispositivo que atua como o cartão SIM para estabelecer uma conexão com a rede móvel da operadora e possibilitar a realização de chamadas e acesso à internet sem precisar do SIM físico. A adoção da tecnologia possui vantagens e desvantagens.

Continua após a publicidade

Como pontos positivos, o usuário não precisa comprar e instalar cartões SIM físicos, e o processo de portabilidade pode ser realizado em questão de minutos, já que todas as informações necessárias são gravadas no eSIM e podem ser reescritas com facilidade. Por ser integrado, o componente impossibilita a remoção por pessoas mal-intencionadas, permitindo que o rastreamento seja mantido em casos de perda ou roubo.

Outros destaques incluem ainda a possibilidade de registrar dois números em um mesmo eSIM — apesar de não haver suporte ao uso simultâneo — o compartilhamento de sinal em mais de um dispositivo (smartphone e smartwatch, por exemplo), e a redução das dimensões dos aparelhos, já que não há mais espaço ocupado pela gaveta de chips SIM.

Em contrapartida, será sempre necessário entrar em contato com as operadoras ao trocar de celular para que a linha seja transportada para o telefone novo, etapa menos conveniente do que apenas instalar o cartão SIM físico.

O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Operadoras que suportam o eSIM

As três principais operadoras do Brasil suportam o eSIM, mas possuem algumas etapas próprias para a ativação. Confira as principais informações:

Claro

A Claro chama sua solução eSIM de e-chip, vendendo-o em versões para pessoas físicas e jurídicas. As pessoas físicas podem adquirir um e-chip através da loja online da empresa, em planos controle e pré-pago, ou ainda através de lojas físicas selecionadas. No caso de pessoas jurídicas, a aquisição precisa ser feita através do gerente de contas.

Continua após a publicidade

Em celulares, a ativação é feita através da leitura de um QR Code, enquanto smartwatches (que suportam apenas planos pós-pago) são vinculados pelo Claro Sync, no site do recurso. É importante lembrar que é necessário possuir um dispositivo com eSIM compatível para utilizar a tecnologia. A lista completa de aparelhos suportados pode ser encontrado no site dedicado da operadora.

TIM

A TIM possui serviço de eSIM apenas para pessoas físicas, e a venda dos QR Codes para ativação do serviço é realizada somente em lojas físicas da operadora. Mesmo assim, de maneira similar às outras empresas, a companhia suporta uso de mais de um número no eSIM, incluindo operadoras diferentes.

Continua após a publicidade

Também há por aqui uma lista de aparelhos compatíveis com o eSIM da gigante, reunidos em uma seção dedicada do site oficial. Dito isso, a TIM não possui serviço próprio para compartilhamento do sinal com smartwatches e outros dispositivos.

Vivo

A Vivo não detalha a quais tipos de público o suporte ao eSIM é fornecido, limitando a informar que os planos Pós, Controle, Pré e Easy são atendidos pela tecnologia. A aquisição deve ser feita em lojas físicas, mas há atendimento pelo WhatsApp, com contato direto com a loja física mais próxima ao endereço do usuário.

Continua após a publicidade

Os aparelhos compatíveis são divididos em listas das marcas que disponibilizam a função (Apple, Motorola e Samsung), encontradas no site dedicado da empresa. A operadora também oferece sincronização gratuita com smartwatches pelo Vivo Sync, mas assim como a Claro, é necessário possuir um plano Pós.

Fonte: Apple, Claro, Tim, Vivo