Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Uso excessivo de vape faz lutador de 20 anos perder parte do pulmão

Por| Editado por Luciana Zaramela | 15 de Agosto de 2023 às 16h35

Link copiado!

Elsa Olofsson/Unsplash
Elsa Olofsson/Unsplash

No último mês, um aspirante a lutador de MMA de 20 anos chamado Sean Tobin compartilhou, em suas redes sociais, como seu pulmão ficou "destruído" por conta do uso intensivo de vape. O norte-americano começou a fumar cigarros eletrônicos em 2018, com apenas 15 anos, e não parou — até então.

O atleta precisou passar por uma cirurgia de emergência como resultado, tendo parte de seu pulmão anteriormente removido após um colapso. À agência de notícias Kennedy News & Media, Tobin contou que fumava tabaco e ocasionalmente substâncias à base de Cannabis, e chegava a baforar 5 mil vezes por semana.

O caso se desdobrou quando ele sentiu uma dor aguda nas costas enquanto trabalhava, e foi levado às pressas para um centro de atendimento de urgência próximo para verificar seus sinais vitais. O raio-x mostrou que o pulmão direito havia colapsado.

Continua após a publicidade

Os médicos fizeram uma incisão entre suas costelas e inseriram um tubo torácico na tentativa de expulsar o ar preso que estava esmagando seu pulmão e tórax, mas o pulmão não cicatrizou naturalmente, o que resultou na cirurgia.

Lutador revela o impacto dos vapes no pulmão

Fotos tiradas antes da cirurgia mostram a superfície do pulmão coberta de manchas pretas, que os médicos descreveram como depósitos de carbono causados ​​pelo uso intenso de vape. O próprio Tobin compartilhou a imagem nas redes sociais para fins de conscientização:

Em sua página do Facebook, Sean contou que passou a precisar de ajuda para respirar por conta do uso de vape. "A experiência mais dolorosa que já tive. Se você não pode fazer isso por você, faça pelas pessoas que te amam. Todo mundo pensa que não vai acontecer com eles até que aconteça. Eu pensei que era invencível", escreveu o lutador na rede social.

Na ocasião, ele ainda chegou a fazer um apelo para que as pessoas largassem o vape. "Por favor, compartilhem, não quero que ninguém passe pelo que estou passando", alertou.

Em outra publicação, o lutador ainda escreveu: "Parem de usar vape, por favor, eu imploro. Eu sou um atleta, treino de 4 a 7 dias por semana e meu pulmão entrou em colapso por causa do vape". Até o momento, o caso ainda não foi publicado em uma revista científica e nem passou por revisão de pares.

Continua após a publicidade

Malefícios do vape

No entanto, os malefícios do vape já não são um segredo para a ciência. Em maio, um estudo do InCor (Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da FMUSP) revelou que o uso regular de vape equivale a fumar 20 cigarros por dia.

Além disso, cientistas do Instituto Nacional de Câncer (Inca) apontaram anteriormente que a chance de tabagismo é maior entre usuários de cigarro eletrônico.

Anteriormente, especialistas deixaram claro que o cigarro eletrônico pode causar disfunção erétil, além de causar infecção no cérebro, pulmão, coração e cólon. O uso de vape também está associado a mutações gênicas similares às do fumo.

Continua após a publicidade

Fonte: MetroAmerican Journal of Preventative MedicineScientific Reports