Samsung entra para a corrida dos carros autônomos em parceria com a Hyundai

Por Redação | 03 de Maio de 2017 às 10h42

A Samsung deu um passo importante em direção ao seu carro autônomo. A empresa conseguiu todas as autorizações necessárias para começar a realizar testes nas estradas sul-coreanas. O governo local liberou a permissão e agora a companhia poderá, enfim, colocar toda a sua tecnologia em testes práticos — o que pode se reverter em um avanço significativo em direção aos veículos sem motoristas.

E os primeiros testes serão feitos em parceria com outro grande nome da indústria coreana: a Hyundai, que produzirá os primeiros modelos de testes. Segundo um porta-voz da companhia famosa por seus eletrônicos, o objetivo não é produzir os veículos em si, mas desenvolver todos os algoritmos e hardware necessários para tirar a tecnologia do papel e colocá-la sob o asfalto. Por isso essa união é tão interessante, já que junta as duas potências locais dos dois segmentos em torno de um único objetivo.

De acordo com o site The Next Web, a liberação do governo sul-coreano é apenas parte dessa conquista obtida pela Samsung. Além da permissão, a empresa vai finalmente utilizar a tecnologia obtida quando adquiriu a Harman, em novembro do ano passado. A companhia era especializada em áudio e entretenimento automotivo e foi comprada pela gigante por US$ 8 bilhões. E é claro que a Samsung não está interessada apenas em ouvir música dentro do carro, mas de olho na equipe de 8 mil engenheiros de software com foco em aplicação na nuvem que a Harman possuía. E é esse conhecimento que vai ajudar o sistema de automóveis autônomos da marca.

Com isso, o número de gigantes da tecnologia interessadas em conquistar as pistas apenas aumenta. Além da dona da linha Galaxy, Apple, Google e Tesla já vêm apostando em pesquisa e testes há algum bom tempo e em parceria com montadoras como Ford e BMW. E pode ser agora que, com a entrada dos orientais na briga, o conceito finalmente evolua para se tornar algo prático e presente em nosso dia a dia.

Via: The Wall Street Journal, The Next Web

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!