O que é e como funciona o HomePod

O que é e como funciona o HomePod

Por Thiago Furquim | Editado por Bruno Salutes | 11 de Janeiro de 2022 às 18h10
Ivo/Canaltech

O HomePod é a caixa de som inteligente da Apple que oferece excelente experiência de áudio e integração com a assistente virtual Siri — capaz de conectar-se com outros dispositivos e recursos para uma casa inteligente, com privacidade e segurança.

O que é o HomePod

Seu conceito é semelhante aos celebrados produtos concorrentes, o Amazon Echo e o Google Nest Mini, que possuem suas próprias assistentes virtuais para tocar músicas, ajudar em tarefas do dia a dia e controlar aparelhos como lâmpadas, ar-condicionados e tomadas.

No entanto, cada um possui suas próprias características e variações de compatibilidade com aplicativos e dispositivos inteligentes de outras marcas. Para pessoas que gostam do ecossistema Apple, é possível tirar o máximo de proveito do HomePod em conjunto a Siri e o app Casa.

O HomePod foi lançado pela Apple para competir com o Amazon Echo e Google Home (Imagem: CNET)

A sua primeira versão, lançada em junho de 2017, tem foco em ser uma caixa de som inteligente voltada para preencher a casa com música. Ainda que o seu volume esteja no máximo, não há nenhuma distorção no áudio, mesmo em sons mais intensos, devido à inteligência artificial que harmoniza os baixos e agudos do som.

Além disso, por contar com áudio espacial devido à disposição em 360 graus de sete alto-falantes, o som é sabiamente emitido para o lado mais adequado acusticamente. Ele ainda dispõe de um woofer amplificado no topo, um microfone para corrigir graves e outros seis microfones que ouvem suas solicitações.

A disposição dos microfones no HomePod, inclusive, escutam muito bem mesmo em ambientes muito barulhentos. Você pode colocar uma música no máximo e chamar a Siri para fazer um pedido. Mas, se houver alguma dificuldade para controlá-lo por voz, o display na parte superior do produto dá conta do recado. Ele funciona, basicamente, para controlar músicas, pausar, avançar ou retrocedê-las, assim como ativar a assistente virtual.

Como funciona o HomePod

Para usá-lo, basta conectar o dispositivo na tomada e aguardar seu início. Depois, é necessário encostar um dispositivo Apple, iPhone ou iPad, para reconhecer suas configurações e funcionar plenamente — processo semelhante à conexão de um AirPod.

O HomePod carrega o Bluetooth 5.0 e também possui a tecnologia AirPlay 2, que permite conectar o aparelho com outros dispositivos, como a Apple TV, e integrar outros HomePods em uma casa para amplificar o som ambiente. Ela também é a ponte para você conectar a caixa de som com streamings de música, filmes e séries - como o Spotify e a Netflix.

O HomePod foi desenvolvido para proporcionar melhor experiência sonora e controlar dispositivos inteligentes da casa (Imagem: Apple)

O AirPlay também pode ser conectado a uma TV, apenas se o aparelho também oferecer essa tecnologia. Já computadores, inclusive o Mac, não podem ser pareados com o HomePod e nem há entrada P2 ou HDMI, já que não há entradas assim disponíveis.

Por fim, outro objetivo principal da caixa de som é tornar a casa inteligente e simplificar tarefas do usuário. Logo, a caixa de som funciona em conjunto com o HomeKit: recurso que permite a integração do gadget com dispositivos smart através do aplicativo Casa. Você pode ver tudo sobre essa tecnologia em nossa matéria sobre como o que é e como usar o HomeKit.

Após integrar seus aparelhos, você pode usar o HomePod para controlá-los por voz. Por exemplo, é possível pedir à Siri que apague as luzes, diminua a temperatura do ar condicionado e muito mais.

HomePod mini

A novidade mais recente da Apple é o lançamento do HomePod mini, com cinco cores: branco, cinza espacial, amarelo, laranja e azul. Com cerca de 9 cm de altura, o gadget ocupa menos espaço que o primeiro HomePod e continua entregando uma excelente experiência de som. Segundo à Apple, a versão mini oferece integração total com outros aparelhos da empresa, com assistência da Siri para controlar dispositivos inteligentes com foco em privacidade.

Essa versão é embutida com chip S5, o mesmo encontrado no Apple Watch Series 5/iPhone SE, e conta com software inteligente para analisar características de uma faixa musical e extrair a melhor qualidade sonora. Ele funciona por ajustes complexos que otimizam o tom, ajustam o alcance dinâmico e controlam o movimento dos radiadores condutor e passivo.

Tudo acontece em tempo real para que o HomePod mini reproduza graves ainda mais profundos e agudos cristalinos, direcionando o fluxo sonoro para baixo e fora da parte inferior da caixa, com áudio em 360 graus. Como na primeira versão, você pode sincronizá-lo com outros HomePods mini para reproduzir a mesma música ou diferentes, mas qualidade muito acima em comparação à sua primeira versão.

O HomePod mini é a versão atualizada da primeira versão que ocupa menos espaço e maior poder processamento (Imagem: Apple)

Com três microfones internos que cancelam o ruído para te escutar, basta chamar pela Siri e realizar seus pedidos enquanto um áudio está tocando ou em ambientes com muito barulho. Você pode se conectar ao Apple Music para ouvir suas músicas, podcasts e playlists favoritas, ou utilizar o AirPlay para conectar o gadget com outros streamings.

Além de te escutar, o HomePod mini consegue reconhecer até seis vozes diferentes para realizar comandos, como controlar a música, ler mensagens, criar lembretes, notas, eventos no calendário, efetuar ou atender ligações do iPhone. Ao solicitar “E aí Siri, como será meu dia?”, o dispositivo entregará as últimas notícias, condições climáticas, tráfego, avisar sobre lembretes e compromissos.

Assim como na primeira versão, o HomeKit também está presente no HomePod mini. Use a Siri para fazer tarefas como acender ou apagar as luzes, trancar as portas e controlar o ar condicionado. Caso tenha mais caixas de som em outros ambientes da casa, o gadget oferece o recurso de interfone para enviar mensagens de um para o outro, em uma zona ou cômodo diferente, e aparecer em um iPhone, iPad, Apple Watch, AirPods e CarPlay.

Nenhum dos seus pedidos ou mensagens no interfone podem ser escutados por pessoas não autorizadas, nem pela Apple. As informações enviadas aos servidores da Apple pela Siri não associam o seu ID Apple e informações pessoais não são capturadas para anúncios ou vendas.

Outros recursos oferecidos pelo HomePod mini incluem:

  1. Volume automático para a Siri
  2. Maior potência de som na Apple TV 4k
  3. Controles da Apple TV
  4. Sons engraçados
  5. Buscar

Preço e disponibilidade

A primeira versão do HomePod estava custando $299 no site oficial da Apple, antes de ser descontinuada. Porém, você ainda pode encontrá-lo em sites de vendas especializados em produtos usados pelo valor, em média, de R$950. Pode ser vantajoso optar por essa versão, visto sua estrutura de alto-falantes mais parrudas e maior intensidade sonora.

Se você for um usuário casual e prefere aliar tecnologia, controle inteligente da casa com uma experiência sonora acima da média, pode contar com a versão mini do HomePod. Ele já está sendo vendido nos Estados Unidos por $99 e não tem previsão de lançamento no Brasil.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.