Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Intel Core i5-14600KF tem desempenho 14% superior ao i5-13600KF, aponta teste

Por| Editado por Jones Oliveira | 09 de Agosto de 2023 às 16h10

Link copiado!

Intel
Intel
Tudo sobre Intel

A linha Core i5 vem sendo alvo de inúmeros rumores diante do iminente anúncio dos processadores Raptor Lake Refresh da Intel em setembro. Agora, um novo vazamento no Geekbench mostra que o vindouro Core i5-14600KF deve ter um salto de desempenho apenas "pontual" em relação ao seu antecessor.

Os testes na plataforma foram realizados em uma placa-mãe ASUS TUF Gaming Z790-PLUS WIFI com 32 GB de memória RAM DDR5-6000. Por sinal, essa é a primeira vez que um dos benchmarks vazados mostra aumento no suporte nativo de RAM, que nessa 14ª geração deve chegar aos 6.400 MT/s.

Sobre os testes, o 14600KF atingiu 2.794 pontos em single-core e 17.190 pontos em multi-core. Em comparação com o i5-13600KF Raptor Lake padrão, o antecessor conseguiu 2.648 em single e 14.634 em multi, uma diferença de 5% e 14%, respectivamente. Indo mais longe, a diferença entre o novo modelo e o i5-12600KF é de 13% (single) e 31% (multi).

Continua após a publicidade

A diferença é relativamente baixa de uma geração para outra. Claro, é preciso aguardar o lançamento oficial do Intel Core i5-14600KF para mensurar como o desempenho escalona. Também é válido notar que esse processador possui os sufixos "K" e "F", indicando que é o modelo desbloqueado para overclock e sem gráficos integrados.

Core i7 pode ter até 20 núcleos

O i5-14600KF deve chegar com 14 núcleos híbridos (6 de Performance e 8 de Eficiência), 20 threads, frequência de 5,3 Ghz em boost, 24 MB de cache L3 e 125W de consumo energético. Antes, havia a expectativa de que esse modelo pudesse ser anunciado com até 16 núcleos, mas vazamentos recentes de informantes confiáveis sugerem o contrário.

Isso é algo que deve se repetir de maneira constante na 14ª geração. Os processadores Raptor Lake Refresh devem trazer incrementos discretos nas frequências, aumentando a velocidade em 200 Mhz. A família do Core i7 pode ser uma das mais beneficiadas, já que traria 20 núcleos híbridos de forma inédita.

Por outro lado, as CPUs Meteor Lake de notebooks devem ser os verdadeiros "pesos pesados" para este fim de ano. Os modelos vão integrar o primeiro chip dedicado à Inteligência Artificial da Intel e terão uma nomenclatura remodelada. As duas gerações devem ser anunciadas no fim de setembro, durante o evento Intel Innovation.