Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Nintendo Switch 2 será retrocompatível com jogos físicos

Por| Editado por Jones Oliveira | 12 de Fevereiro de 2024 às 17h45

Link copiado!

Nintendo
Nintendo

Ao que tudo indica, o Nintendo Switch 2 será 100% retrocompatível com jogos da geração anterior, inclusive com suporte à mídia física. Segundo fontes da indústria, alguns títulos já lançados para a plataforma original também devem receber atualizações com melhoria de desempenho para a nova geração, além de novos ports de títulos que, até então, estavam fora do Switch por conta das limitações do hardware.

A informação já circulava há algum tempo, e segundo o jornalista independente e streamer, Pedro Henrique Lutti Lippe - o PH -, informações de desenvolvedoras third party corroboram com os boatos. PH, naturalmente, não entrou em detalhes, mas revelou em seu podcast que conversas com diferentes fontes dão bastante credibilidade aos rumores.

Continua após a publicidade

Jogos com upgrade para nova geração

O movimento de lançar melhorias de desempenho para jogos do Nintendo Switch é muito bem-vindo, mas pouco surpreendente. A Sony já tem a mesma prática com títulos lançados para o PlayStation 4, com versões atualizadas para o hardware do PlayStation 5.

No caso específico do PS5, o maior problema é que algumas dessas atualizações exigem que o usuário faça uma nova compra, geralmente a preços de DLC, para ter acesso às versões melhoradas. Inclusive, Marvel’s Spider-Man, que esteve por muito tempo disponível na PS Plus, foi removido da loja digital do PlayStation 5 próximo ao lançamento da sequência, restando apenas a remasterização a preço cheio, ou a versão GOTY para PS4.

Até momento, não está claro como a Nintendo irá lançar as atualizações aprimoradas para o Switch 2, mesmo porque muitos ports atuais, como Red Dead Redemption e títulos da franquia Assassin’s Creed são bastante competentes. Contudo, quando passamos para jogos mais problemáticos, como Mortal Kombat One, não será uma surpresa se a nova versão precisar ser bem retrabalhada, indo muito além de simplesmente melhorar texturas e otimizar fluidez, e exigindo uma taxa um pouco menos convidativa para o upgrade.