E3 2019 | Confira tudo o que rolou na apresentação da EA

Por Sérgio Oliveira | 08 de Junho de 2019 às 20h31
Electronic Arts
Tudo sobre

EA

Saiba tudo sobre EA

Ver mais

A EA deu o pontapé inicial nos trabalhos da E3 2019. Embora não apresente uma conferência propriamente dita, a empresa norte-americana organizou um evento próprio focado no que "realmente importa": jogos.

Mesclando bate-papo com produtores, desenvolvedores e designers com gameplays e teasers de jogos como FIFA 20, Madden NFL 20, Apex Legends e The Sims 4, a apresentação, em sua maior parte, foi insossa e teve um total de zero surpresas — também pudera: absolutamente tudo que foi abordado na tarde deste sábado (8) já havia sido confirmado com antecedência.

Presa ao cronograma que se impôs, a EA só conseguiu empolgar mesmo com Star Wars Jedi: Fallen Order ao apresentar 15 minutos de gameplay ininterrupto. É visível que o game se inspira em muitas séries de sucesso, como God of War, Uncharted e Star Wars: The Force Unleashed, e até mesmo em iterações mais recentes nos cinemas, como O Despertar da Força, mesclando e adaptando muito bem diversas mecânicas e elementos de gameplay num só lugar.

A julgar pelo que foi apresentado hoje, o game focado em campanha single player e sem microtransações parece bastante promissor e tem potencial para ser um dos melhores de 2019. Mais detalhes foram prometidos para a conferência da Microsoft, que acontece neste domingo (9) às 17h, horário de Brasília. Que a Força esteja com ele!

Leia mais: EA mostra que Jedi Fallen Order será o melhor jogo da empresa em 2019

Apex Legends

Seguindo a apresentação de Star Wars Jedi: Fallen Order, a equipe da Respawn subiu ao palco para apresentar as novidades que estão chegando à Apex Legends com o lançamento da segunda temporada do jogo.

Os principais aditivos ficam por conta do Battle Pass dessa nova season, que trará uma nova arma (a L-Star, de Titanfall 2), novas skins, um novo modo de jogo ranqueado e uma nova lenda à Arena. Batizada de Wattson, a personagem é uma cientista e engenheira com habilidades defensivas que podem ser usadas para construir barreiras e emboscadas para tornar inimigos vítimas fáceis.

Tão interessante quanto o estilo de gameplay trazido pela nova lenda é sua história: em um vídeo de apresentação muito parecido com os de Overwatch, a Respawn conta que Wattson nasceu e cresceu na Arena e que por isso conhece tanto o mapa e como usá-lo a seu favor.

Leia mais: Segunda temporada de Apex Legends trará partidas ranqueadas

Battlefield V

Sete meses após seu lançamento, Battlefield V continua recebendo conteúdo novo e gratuito. Durante os 30 minutos que ficou sob os holofotes da EA Play 2019, o FPS apresentou três novos mapas multiplayer que chegarão ainda ao Capítulo 4 até outubro deste ano.

Além disso, a DICE ofereceu um pequeno vislumbre sobre o conteúdo que virá no Capítulo 5, que chega gratuitamente até novembro de 2019 para os jogadores. Neste novo episódio, o conflito será levado para o Pacífico, retratando o momento exato em que os Estados Unidos e o Japão entraram na Segunda Guerra e disputaram palmo a palmo as ilhas que se estendem pela região. Três mapas, incluindo o clássico Iwo Jima, e veículos anfíbios estão previstos inicialmente.

Para fechar, a cereja no topo do bolo: a partir deste sábado (8), Battlefield V está disponível gratuitamente no EA Access e no Origin Access. Se você é assinante de um dos serviços, corre lá para baixar e aproveitar.

Leia mais: Battlefield V ganha novos mapas e vai ao Pacífico no Capítulo 5

FIFA 20

Talvez uma das apresentações mais aguardadas pelos brasileiros, FIFA 20 decepcionou. Com uma estranha falta de conteúdo, o "painel" da série de futebol mais popular da atualidade não preencheu os 30 minutos que foram reservados para ela e se restringiu a apresentar uma única novidade: o novo modo VOLTA Football, uma espécie de FIFA Street dentro de FIFA 20.

Fora isso, Sam Rivera, produtor líder do jogo, se limitou a comentar sobre algumas novidades e ajustes de mecânicas que já haviam sido confirmadas e detalhadas anteriormente.

Não houve apresentação de gameplay e a capa do game não foi exibida, o que fez nossa redação levantar suspeitas de que eles estavam associadas à imagem de Neymar, que vem sendo acusado de ter estuprado uma mulher em Paris. Para evitar qualquer envolvimento com o caso, a EA pode ter optado por não exibir esse conteúdo e encerrar a apresentação de FIFA 20 quando ainda lhe restavam 11 minutos de palco. Estranho e decepcionante.

Leia mais: FIFA 20 volta a ter modo de rua e ganha modificações no gameplay

Madden NFL 20

Curiosamente, Madden NFL 20 teve uma apresentação mais próxima daquilo que esperávamos de FIFA 20. A nova iteração da histórica franquia de futebol americano teve várias novidades anunciadas, comentadas e mostradas.

As mais interessantes estão relacionadas às características e movimentos especiais dos jogadores, batizados aqui de X-Factor Abilities. Com elas, a ideia da EA Sports é deixar o jogo o mais verossímil possível, replicando trejeitos, movimentações e habilidades características dos top players.

Madden NFL 20 também contará com playbooks (ou manuais, como preferir) que serão atualizados à medida que a temporada de 2019 for se desenrolando aqui do lado de fora. Com isso, os jogadores sempre terão à mão playbooks atualizados com as mais recentes jogadas utilizadas pelos times reais.

Leia mais: Madden NFL 20 aposta em gameplay mais real e personalizado

The Sims 4

Para fechar sua apresentação, a EA dedicou 30 minutos para falar de uma nova expansão e novos pacotes de itens para The Sims 4.

Batizado de Island Living, o novo pacote permite aos jogadores mudarem a vida de seus Sims radicalmente, tirando-os da vida agitada na cidade e os levando para a ilha paradisíaca de Sulani. Lá a palavra de ordem é tranquilidade, com os personagens podendo viver pacatamente à beira mar ou aos pés de montanhas. Além disso, o novo pacote adiciona mais atividades aquáticas, um novo tipo de personagem, novas profissões e um ecossistema que vai mudando conforme você cuida do meio ambiente da ilha ou não.

Embora tenha empolgado alguns entusiastas presentes na EA Play, a verdade é que Island Living parece ser um dos últimos suspiros de The Sims 4, que, pelos flashes exibidos, já parece graficamente muito datado e sem fôlego — também não é para menos, ele foi lançado em 2014. Mesmo assim, não há qualquer pista de um The Sims 5 no horizonte.

Leia mais: The Sims 4 ganha novo pacote de expansão Island Living

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.