E3 2019 | Microsoft apresenta novo console e nada menos que 60 jogos

Por Sérgio Oliveira | 09 de Junho de 2019 às 21h27
Xbox Game Studios
Tudo sobre

Microsoft

Saiba tudo sobre Microsoft

Ver mais

Jogos, jogos, mais jogos e um console de nova geração. É assim que dá para resumir a conferência da Microsoft neste domingo (9) de E3. Durante quase duas horas no palco do Microsoft Theater, a empresa despejou um total de 60 jogos em cima dos convidados, sendo que 14 deles são exclusivos do Xbox One e PC e outros 34 estão chegando ao Xbox Game Pass,.

Além dessa infinidade de títulos, a gigante de Redmond nos brindou com as primeiras especificações do Project Scarlett, seu console de próxima geração, e uma data de lançamento. Como se não fosse o suficiente, também confirmou quando o Project xCloud, seu serviço de streaming de games, começará a funcionar.

Se você perdeu tudo isso, ou se o coração pifou no meio da apresentação de tanta emoção, se acalme. A seguir contamos para você tudo o que rolou na conferência da Microsoft na E3 2019.

Jogos, jogos e mais jogos

Quem teve a honra de abrir os trabalhos na conferência da Microsoft foi The Outer Worlds, novo RPG da Obsidian Entertainment e novo projeto de Tim Cain e Leonard Boyarsky, que trabalharam na criação do clássico Fallout. Com gráficos mais coloridos do que realistas e cenários futuristas, o game coloca o jogador na pele de um forasteiro que vai aos confins da galáxia para ajudar a moldar o futuro da fronteira com suas decisões.

Na sequência, tivemos a confirmação de um rumor. A Ninja Theory subiu ao palco para falar que já vinha trabalhando em Bleeding Edge antes mesmo de a Microsoft adquirir o estúdio em 2018. Agora, o game de luta corpo a corpo com personagens empunhando várias armas e com habilidades especiais é exclusivo da plataforma e estará disponível no dia de lançamento no Xbox Game Pass. Se tudo der certo, Bleeding Edge ganhará um período de testes alpha em 27 de junho.

Outro rumor que se confirmou foi o de que Cyberpunk 2077 finalmente ganharia uma data de lançamento. Mas não foi exatamente apenas isso o que vimos. Surpreendendo a todos, a CD Projekt RED mostrou que ainda tem algumas cartas na manga para este que promete ser um dos maiores jogos dos últimos anos e confirmou que Keanu Reeves será Johnny Silverhand, um dos personagens principais da trama. Cyberpunk 2077 chega para Xbox One, PC e PlayStation 4 em 16 de abril de 2020.

Outro game que ganhou mais detalhes foi Borderlands 3. Anunciado oficialmente no começo deste ano, o game teve um novo trailer divulgado mostrando mais das habilidades especiais de cada um dos personagens e a volta de Claptrap, o robozinho mais carismático da série. Além disso, também foi confirmada a adição de um novo grupo chamado Vault Hunter e uma data de lançamento: 13 de setembro de 2019.

Depois de fazer uma rápida aparição na E3 2018, Battletoads ganhou mais alguns minutos de palco na conferência deste ano. Antes prometido para algum momento de 2019, o jogo não teve nenhuma data exata confirmada pela Microsoft, mas ganhou imagens de gameplay e algumas informações adicionais: ele será um beat 'n up no estilo clássico, podendo ser jogado cooperativamente por até três pessoas no sofá.

Falar em Battletoads automaticamente ativa a nostalgia gamer, e ela teve alguns bons minutos na conferência da Microsoft. Seguindo na esteira do remaster do primeiro Age of Empires, o Xbox Game Studios confirmou que está lançado Age of Empires 2: Definitive Edition com gráficos em 4K, som totalmente remasterizado e novas civilizações.

Outro game que mexe com a nostalgia dos gamers mais antigos e que cujo anúncio pegou muita gente de surpresa foi o novo Flight Simulator. Previsto para chegar aos PCs em 2020 (e posteriormente ao Xbox One), o game promete uma experiência extremamente imersiva usando dados de satélites e do Azure AI durante os trajetos dos voos, tornando-os os mais reais possíveis.

E já que falamos de surpresas, ninguém esperava pelo anúncio de um jogo da Bruxa de Blair. Pelo trailer cinemático que foi apresentado, o game terá uma ambientação muito parecido com os filmes dos anos 1990, com o jogador tendo de lidar até mesmo com uma daquelas filmadoras digitais — coisa que muita gente hoje em dia ou nem lembra ou nem sabe que existiu.

Apesar de já ter sido comentado "sem querer querendo" por George R. R. Martin, autor de Game of Thrones, o trailer cinemático de Elden Ring, da FromSoftware, ainda conseguiu surpreender e arrancar alguns aplausos. Produzido pela Bandai Namco, o game será uma mistura da escrita de Martins com o “mundo criado por Hidetaka Miyazaki”. Ele ainda não tem uma data de lançamento, mas está confirmado para Xbox One, PC e PlayStation 4.

Também surpreendeu a confirmação de que Dragon Ball Project Z está saindo do papel e se chamará Dragon Ball Z: Kakarot. No trailer exibido durante a apresentação, o jogo parece ter jogabilidade bem parecida aos da série Budokai Tenkaichi, misturando momentos de exploração com combate para recontar tudo o que acontece até a Saga Freeza.

Para fechar o ciclo de anúncios de jogos, a Microsoft abriu a caixa de ferramentas e detalhou dois próximos grandes lançamentos. Embora não tenha recebido detalhes de como será sua campanha, Gears 5 parece que vai apostar numa narrativa mais intimista e focará na parte emotivo de seus personagens. Além disso, o game ganhou um roadmap de lançamento e de novos modos de jogo. O lançamento definitivo acontece no dia 10 de setembro no Xbox One e PC.

Halo Infinite também ganhou mais um trailer e uma previsão de lançamento. Fechando a conferência da Microsoft, o trailer cinemático do game mostra que Master Chief está de volta e afim de briga. Nada relacionado a gameplay foi exibido, mas isso deve mudar nos próximos meses e nos próximos eventos, já que Halo Infinite foi confirmado como um dos títulos de lançamento do Project Scarlett, console de próxima geração da Microsoft.

Confira a lista com os demais jogos exibidos durante a conferência da Microsoft na E3 2019:

  • Crossfire X: FPS free-to-play desenvolvido pela sul-coreana Smilegate Entertainment. Já tem uma base de 650 milhões de jogadores no PC e está chegando pela primeira vez aos consoles primeiro no Xbox One.
  • Dying Light 2: Continuação do título de sobrevivência e zumbi da TechLand, em Dying Light 2 o jogador assume o papel de um infectado com poderes especiais, tendo de sobreviver a bandidos, facções e sobreviventes famintos, além dos mortos-vivos.
  • Forza Horizon 4 LEGO Speed Champions Expansion: Não exatamente o que esperávamos de Forza, o pacote de expansão traz os bloquinhos de montar para dentro do jogo de corrida a partir do dia 13 de junho.
  • Gears POP!: Jogo mobile para Android e iOS com personagens de Gears of War no formato dos bonecos que conquistaram o mundo.
  • LEGO Star Wars: The Skywalker Saga: Aventure-se pelos nove filmes da saga com os bonecos e peças da LEGO.
  • Minecraft Dungeons: Com uma pegada bem parecida a de Mario RPG, o game leva os bonecos do famoso jogo de blocos para uma aventura inédita single player ou multiplayer cooperativa de até quatro jogadores.
  • Ori and the Will of the Wisps: Sequência do belíssimo e surpreendente Ori and the Blind Forest, o jogo ganhou data de lançamento — 11 de fevereiro de 2020.
  • Phantasy Star Online 2: Um dos RPG mais aclamados do Japão está chegando ao Ocidente através do Xbox One.
  • RPG Time: The Legend of Wright: Você é um jovem aspirante a desenvolvedor de jogos e está tentando criar seu próprio RPG nesta aventura com estilo visual que imita um caderno repleto de rabiscos e desenhos feitos à lápis grafite.
  • Spiritfarer: jogo focado em gereciamento de recursos com uma narrativa muito intimista e que aborda a despedida e a morte.
  • State of Decay 2: Heartland: nessa expansão, voltamos a Trumbull Valley numa aventura focada na história de dois personagens diferentes.
  • Tales of Arise: nova iteração da série The Tales of, Arise é um RPG focado na narrativa que segue a jornada de duas pessoas nascidas em planetas diferentes e que querem mudar seu destino e criar um novo futuro.
  • 12 Minutes: Thriller interativo com narrativa em tempo real que faz você voltar no tempo para "consertar" os acontecimentos sabendo o que vai acontecer a seguir.
  • Wasteland: RPG pós-apocalíptico recheado de combate tático, exploração e interação em um mundo onde você terá de fazer várias decisões éticas.
  • Way to the Woods: Aventura em terceira pessoa em que você controla um cervo acompanhado por seu filhote e tem de explorar uma cidade que aparenta estar abandonada para conseguir voltar à floresta.

Xbox Game Pass fortalecido

Ufa! Depois de falar de tanto jogo, vamos falar de mais jogos! Comemorando o sucesso do Game Pass, a Microsoft dedicou alguns instantes para anunciar que mais quatro grandes títulos chegaram ao serviço para Xbox One. A partir deste domingo (9), seus assinantes poderão baixar e jogar Batman: Arkham Knight, Metro Exodus, Hollow Knight e Borderlands The Handsome Collection.

Também foi confirmado pela empresa que os testes beta abertos do Xbox Game Pass para PC começam a partir de hoje, bastando os jogadores baixarem e usarem o app Xbox Game Pass para PC no Windows 10.

Para fechar com chave de ouro, a Microsoft confirmou os rumores sobre uma assinatura Ultimate do Xbox Game Pass. Com ela, os jogadores têm acesso ao catálogo de jogos do Xbox Game Pass tanto no PC quanto no Xbox One, além de poderem desfrutar de todas as benesses do Xbox Live Gold no console. Sem uma opção de pagamento anual, o serviço chega ao Brasil custando R$ 39,90 mensais.

Project xCloud e Scarlett

Já no finalzinho da conferência, Phil Spencer começou a falar da importância dos videogames para as pessoas e que um dos objetivos da Microsoft é permitir que elas possam jogar seus games favoritos quando, onde e no dispositivo que quiserem. Por isso, a empresa está conduzindo os primeiros testes do Project xCloud, sua plataforma de games por streaming, em Los Angeles durante a E3. Embora não tenha revelado quando exatamente o xCloud estará disponível para o público, Spencer garantiu que poderemos sentir um "gostinho" dessa experiência a partir de outubro, quando o Xbox One se transformará numa espécie de servidor privado, podendo transmitir jogos para o dispositivo que o jogador quiser dentro de casa.

Por fim, a cereja no topo desse bolo delicioso que foi a conferência da Microsoft na E3: Project Scarlett. Confirmando os rumores, tivemos um vislumbre do que a empresa está preparando para o seu console de próxima geração, e ele é um monstro.

A promessa é que o Scarlett (nome ainda provisório) seja até quatro vezes mais veloz que o Xbox One X e acabe com os tempos de carregamento dos jogos — algo que foi muito frisado pelos funcionários que estão trabalhando no projeto. Para isso, o console contará com GPU GDDR6, capacidades 8K e de rodar gráficos até 120 quadros por segundo (embora a empresa não tenha confirmado que essas duas características funcionarão juntas, ao mesmo tempo), compatibilidade com o sistema de ray tracing e armazenamento em SSD.

Claro, o preço desse conjunto monstruoso não foi revelado, mas já temos uma noção para quando deveremos preparar os nossos bolsos. O Project Scarlett será lançado oficialmente até o fim do ano de 2020. Até lá, preparem seus corpos e seus bolsos!

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.