7 filmes que tiveram acidentes nos bastidores

Por| Editado por Durval Ramos | 19 de Novembro de 2023 às 10h06

Link copiado!

Divulgação/Bruena Vista, Paramount Pictures e Sony Pictures
Divulgação/Bruena Vista, Paramount Pictures e Sony Pictures

Embora o padrão de segurança da indústria cinematográfica tenha evoluído ao longo dos anos, é inegável que há momentos que fogem do controle da produção. Mesmo com todos os protocolos adotados para garantir a integridade de atores e equipe de filmagem, os acidentes durante as gravações de filmes ainda são uma realidade bastante comum nos sets de filmagem em Hollywood.

São várias as razões que podem explicar esses incidentes. Seja por pura fatalidade, problemas técnicos, negligência ou atuações mais apaixonadas de alguns atores, o fato é que essas falhas são um risco inerente à profissão — mas que às vezes acaba de maneira bastante trágica. A morte do ator Brandon Lee em O Corvo é um lembrete bastante claro disso.

A lista vai de imprevistos assustadores, mas não não tão problemáticos, até acidentes fatais que geraram processos, escândalos e traumas nos bastidores. Todos eles, no entanto, têm em comum o fato de terem chocado as pessoas envolvidas e nos lembrarem que nem mesmo a multimilionária indústria do cinema em Hollywood está livre de falhas.

Continua após a publicidade

7. O Corvo

Um dos casos mais famosos da lista ocorreu no set de O Corvo, filme estrelado por Brandon Lee (Sede de Vingança), filho do lendário ator Bruce Lee (Operação Dragão). Nos últimos dias de filmagem da produção, em 1993, durante a gravação de uma cena em que o ator deveria ser alvejado à queima-roupa, Brandon foi atingido por um projétil calibre 44 de verdade, que atravessou o seu abdômen e levou à morte do astro.

A arma, que deveria estar carregada com uma bala de festim, continha um pedaço de projétil alojado em seu cano. No entanto, por não ter sido inspecionada entre uma cena e outra, o problema não foi notado por ninguém da produção, levando à trágica morte do astro de 28 anos. A coisa toda foi tão inesperada que a produção só notou que havia algo de errado quando notaram que Lee não se levantou depois do fim da cena.

Continua após a publicidade

Após meses de investigação, a promotoria aplicou uma multa na produtora, mas não imputou a culpa a nenhuma pessoa específica. A situação, no entanto, foi marcante em Hollywood e levou o ator Michael Massee, colega de elenco de Lee e responsável pelo disparo fatal, a se afastar por um tempo da indústria.

6. Rust

Continua após a publicidade

Uma situação bastante parecida ao que aconteceu em O Corvo também ocorreu nas filmagens de Rust, filme estrelado por Alec Baldwin (Os Fantasmas Se Divertem). Durante um treino em que o protagonista testava o melhor ângulo para o uso de um revólver, a arma que estava em sua mãe disparou e um projétil de verdade alvejou e matou a diretora de fotografia Halyna Hutchins.

A tragédia, ocorrida em 2021, teve enorme repercussão nos noticiários e levou Baldwin e a produtora Hannah Gutierrez-Reed, responsável pelas armas da gravação, a responderem na Justiça por homicídio culposo. Tempos depois, o astro conseguiu ser inocentado da acusação, após sua defesa reiterar que ele não sabia que o revólver estava carregado e nem que havia apertado o gatilho.

Apesar da tragédia, Rust teve suas gravações retomadas e finalizadas em 2023 e, embora ainda não tenha tido uma data de lançamento revelada, deve chegar aos cinemas em 2024.

5. Harry Potter e as Relíquias da Morte

Continua após a publicidade

Nem a franquia Harry Potter escapou de ter um acidente em seus sets de filmagem. David Holmes, dublê de Daniel Radcliffe (Versos de um Crime) desde o primeiro filme da saga, sofreu um acidente durante as gravações de Harry Potter e as Relíquias da Morte que o deixou paraplégico.

A tragédia se deu durante o ensaio para a batalha final do castelo, quando Holmes deveria ser jogado para o alto, após uma explosão, mas acabou sendo arremessado no chão devido a problemas com o cabo de segurança. O acidente quebrou o pescoço do dublê e fez com que ele perdesse seus movimentos da cintura para baixo, causando comoção entre os fãs de Harry Potter e marcando profundamente os atores e membros da produção.

Daniel Radcliffe, que já era próximo do jovem e continuou seu amigo após o fim da saga, produziu um documentário sobre o acidente e a história de superação vivida pelo jovem. Chamado David Holmes: O Menino Que Sobreviveu, o longa foi lançado pela HBO em 2023, trazendo cenas de bastidores da franquia, além de depoimentos de amigos e familiares.

Continua após a publicidade

4. Resident Evil 6: O Capítulo Final

Outro título que precisou lidar com uma tragédia envolvendo um de seus dublês foi Resident Evil 6: O Capítulo Final, filme de ação estrelado por Milla Jovovich (O Quinto Elemento) que adapta o clássico dos videogames. No longa, Olivia Jackson, dublê da protagonista, sofreu um acidente de moto durante as gravações em que teve sérias fraturas no rosto, quebrou algumas costelas e perdeu um braço.

Na cena, Olivia dirigia uma moto em alta velocidade de encontro a uma câmera que a filmava. O aparelho, que deveria ser levantado por uma grua assim que ela se aproximasse, não conseguiu realizar o movimento a tempo, fazendo com que a dublê se chocasse diretamente com o equipamento.

Continua após a publicidade

Após a tragédia, Olivia ganhou o processo que moveu contra a produção do filme. De acordo com a Justiça, houve negligência na gravação, já que a profissional não foi informada de que — a pedido do diretor Paul W. S. Anderson (Mortal Kombat), que queria deixar o momento mais realista — a margem de segurança da cena havia sido reduzida.

3. Missão: Impossível – Efeito Fallout

Até o astro Tom Cruise (Top Gun: Maverick), famoso por dispensar dublês e encarar suas próprias cenas de ação, já teve que lidar com momentos tensos nos sets de filmagens. Aos 55 anos, durante as gravações do filme Missão: Impossível – Efeito Fallout, o ator quebrou o tornozelo durante uma cena em que pulava entre dois prédios.

Continua após a publicidade

No episódio, Cruise precisava correr pelo topo de um dos edifícios, pular e continuar a corrida sobre o outro. Durante o salto, no entanto, o ator não conseguiu impulso suficiente para completar o movimento, batendo o pé com força na lateral da construção.

Apesar do susto, o astro não teve outros ferimentos e a cena foi aproveitada, entrando na edição final da produção. As gravações do filme, no entanto, tiveram que ser interrompidas e só após oito semanas o ator teve condições de retornar ao set.

2. No Limite da Realidade

Continua após a publicidade

Uma das maiores tragédias já ocorridas na indústria do cinema aconteceu durante as filmagens de No Limite da Realidade, filme de 1983. Durante a gravação de uma cena noturna, o protagonista Vic Morrow (Combat!) e as crianças, Renee Chen e Myca Dinh Le, foram atingidos por um helicóptero. Morrow e Dinh Lee foram decapitados e o pequeno Renee esmagado, sem chances de sobreviver.

A cena fazia parte de um dos momentos mais importantes do longa, quando o personagem central da história salvava as duas crianças de soldados dos EUA. O helicóptero, que também fazia parte da cena, voava baixo e perdeu o controle da direção, levando a tragédia.

Após o acidente, cinco pessoas do set foram acusadas de homicídio doloso, incluindo o co-diretor John Landis (Um Lobisomem Americano em Londres). Embora todos eles tenham conseguido provar sua inocência, Landis e Steven Spielberg (Tubarão), também co-diretor do longa, foram processados pelas famílias das vítimas. Além disso, a produção da Warner Bros foi acusada de violar as condições de trabalhos infantis, já que as crianças não deveriam gravar cenas noturnas.

1. Django Livre

Continua após a publicidade

Um acidente muito menos catastrófico, mas bastante surpreendente, aconteceu nos sets de Django Livre. Durante uma cena, Leonardo DiCaprio (O Regresso) machucou seriamente sua mão em um vidro, fazendo com que sangue jorrasse do ferimento. Ao invés de encerrar a gravação, no entanto, o ator continuou no personagem, surpreendendo os atores e o diretor Quentin Tarantino.

Na cena, que acontece durante um momento de fúria de seu personagem, DiCaprio bate com a mão agressivamente sobre a mesa de jantar. O gesto, no entanto, fez com que um copo de vidro que estava sobre o móvel quebrasse, cortando profundamente a mão do ator. Aproveitando o imprevisto, o astro passou então o sangue derramado no rosto da atriz Kerry Washington (Scandal), dando ainda mais profundidade ao momento aterrorizante.