Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Duna: Parte 2 ganha data para chegar ao streaming

Por| 14 de Maio de 2024 às 14h31

Link copiado!

Divulgação/Warner Bros
Divulgação/Warner Bros

Duna: Parte 2 já tem data para chegar à Max. A plataforma confirmou que o longa chega ao streaming no próximo dia 21 de maio, acabando com a espera de quem quer retornar ao planeta Arrakis para revisitar a saga de Paul Atreides (Timothée Chalamet). 

Lançado no Brasil no dia 29 de fevereiro, o filme dirigido por Denis Villeneuve (Blade Runner 2049) se tornou a maior bilheteria do ano em todo o mundo, somando mais de US$ 710,4 milhões. Por isso mesmo, a estreia do título no streaming vinha sendo muito aguardada pelo público.

Continua após a publicidade

A estreia acontece cerca de 80 dias depois do filme ter chegado aos cinemas de todo o mundo. O prazo é bem maior do que os 45 dias que a Warner Bros adotou ao longo dos últimos anos, mas dentro da média de 90 dias que outras produtoras adotaram como padrão, principalmente em termos de grandes produções. Assim, com Duna faturando tão bem nos cinemas, não faria sentido tirá-lo de cartaz para colocá-lo na plataforma “de graça”.

Como de costume, o filme será adicionado ao catálogo para todos os assinantes do serviço, sem nenhuma cobrança adicional. Essa é, portanto, a oportunidade perfeita para conferir a adaptação de um dos grandes épicos da literatura de ficção científica quanto rever um dos melhores filmes de 2024 até agora. 

Além disso, Duna: Parte 2 é também um poderoso trunfo da Max para atrair e reter assinantes para seu serviço. Como parte do programa Do Cine Pra Max, ela reforça o discurso de que a plataforma é o lar das grandes estreias do cinema — e, diante do barulho causado pelo longa, é difícil negar isso.

Qual a história de Duna: Parte 2?

Como você bem deve imaginar, Duna: Parte 2 fecha a trama iniciada no primeiro filme, mostrando Paul Atreides em sua jornada de vingança contra o Império que dizimou sua família. Só que é o modo como ele faz isso que realmente chama a atenção: o herói segue por um caminho bastante tortuoso enquanto tenta entender se ele é ou não o tão Messias prometido para o povo Fremen, o povo guerreiro que habita o planeta desértico de Arrakis.

E o grande mérito do filme está na forma como conduz essa narrativa, mostrando a ascensão de Paul como esse grande herói enquanto, em paralelo, ele sucumbe ao seu próprio ego e passa a usar essa adoração cega dos Fremen a seu favor. É um filme bastante poderoso sobre a instrumentalização da fé travestido de uma grande ficção científica.

Continua após a publicidade

Com um elenco que tem nomes como Zendaya, Florence Pugh, Austin Butler, Rebecca Ferguson e Javier Barden, o longa impressiona pela sua grandiosidade e pelo modo como adapta um dos livros mais importantes da ficção científica moderna. A obra de Frank Herbert foi considerada, por muitos, como impossível de ser levada para as telas e o diretor Denis Villeneuve provou o contrário.

Tanto que ele já confirmou que há um terceiro longa em andamento e que ele deve contar a história do livro O Messias de Duna. Contudo, o filme ainda não tem previsão de quando será lançado.