Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Renault Kardian estreia como rival do Nivus e do Pulse

Por| Editado por Jones Oliveira | 25 de Outubro de 2023 às 15h09

Link copiado!

Paulo Amaral/Canaltech
Paulo Amaral/Canaltech

A Renault escolheu o Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro, para apresentar o Kardian, futuro SUV global da marca. O local não foi selecionado à toa, já que o modelo compacto é a grande aposta da montadora francesa para iniciar uma nova era no Brasil e liderar o “game plan” para 2027.

Muito da confiança da Renault em relação ao sucesso do Kardian, dentro e fora do país, se baseia na estreia do inédito motor 1.0 Turbo Flex, que será produzido na plataforma CMF-B e abrirá as portas para um futuro modelo híbrido flex.

O conjunto mecânico se completa com um câmbio automatizado de dupla embreagem e 6 velocidades, o DW23. A configuração dará ao carro 125cv de potência e 22,4 kgf/m de torque (2 a mais que Volkswagen Nivus e Fiat Pulse), aliando desempenho com economia de combustível.

Continua após a publicidade

Luiz Fernando Pedrucci, presidente da Renault para a América Latina, resumiu o que espera com o lançamento do Renault Kardian, que será produzido em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba (PR). Além de abastecer o mercado local, o SUV será exportado para a América Latina e alguns países da África do Sul:

“O Kardian marca um passo gigantesco da Renault na América Latina e dá início a uma nova fase. Estamos celebrando 25 anos de produção no Brasil, que é o segundo mercado para o nosso brand. É o primeiro de 8 modelos que vamos lançar. É um novo compacto, muito emocional, um B-SUV com motor completamente novo, que não entra para substituir nenhum outro carro na linha”.

Como é o Renault Kardian?

O Renault Kardian é um SUV de porte compacto, menor do que o Volkswagen Nivus, um de seus principais rivais, e um pouco maior do que o Pulse. O novo modelo global da marca francesa mede 4,12 metros de comprimento, ante 4,26 m do concorrente alemão e 4,09 m do italiano. A largura do SUV é de 1,75 m, a altura de 1,54 m e o entre-eixos também é generoso, de 2,60 metros, 1 centímetro maior que o Stepway.

Em termos de design, a silhueta sombreada que foi revelada antes do lançamento finalmente foi à luz e mostrou que a Renault caprichou nas linhas do Kardian, ciente de que o consumidor desse tipo de produto gosta de um visual agressivo, mas moderno e futurista ao mesmo tempo.

Continua após a publicidade

O capô dianteiro é mais alto e com vincos marcantes. A grade, por sua vez, chama a atenção por conta dos pequenos logotipos da Renault que formam o desenho inovador e casam com o conjunto óptico, formado por faróis afilados em full-LED.

O monobloco, por sua vez, foi herdado do Dacia Stepway e, por isso, não há como negar a similaridade no formato das portas do modelo global com as utilizadas no carro da Romênia. O sistema de vedação também recebeu atenção especial para, de acordo com os executivos, “selar” a cabine e proporcionar um isolamento acústico perfeito.

Tecnologia de ponta

Continua após a publicidade

O Kardian também terá um pacote interessante de tecnologia e conectividade. O SUV compacto tem central multimídia com tela flutuante de 8 polegadas e compatibilidade com Android Auto e Apple CarPlay como um dos charmes da cabine em todas as versões.

Além disso, a Renault promete quadro de instrumentos digital de 7 polegadas, iluminação nos botões dos vidros elétricos e nas portas USB, tomada de 12 volts e volante com ajuste de altura. Ao todo, são 13 sistemas de apoio à condução disponíveis, mais alerta de ponto cego, câmera 360 e piloto automático adaptativo — este último restrito à variante top de linha.

O ponto alto da cabine, porém, ficou reservado para a alavanca de câmbio, que será do tipo e-shifter, própria para comandar a transmissão automatizada. O console também será equipado com freio de estacionamento eletrônico, botão “P” para ativar o estacionamento no câmbio.

Continua após a publicidade

Em termos de segurança, o modelo francês oferece 6 airbags de série, independentemente da versão, além dos controles de tração e estabilidade, agora obrigatórios por lei para carros 0km no Brasil.

Kardian com motor 1.6

As informações divulgadas na revelação do Kardian, ao menos por enquanto, ficaram restritas à versão com motor 1.0 TCe Turbo Flex; mas isso não significa que ele será o único a equipar o SUV.

Continua após a publicidade

A reportagem do Canaltech apurou que, futuramente, a Renault também deverá ter uma versão mais tradicional e mais barata do Kardian. Ela virá com motor aspirado 1.6 SCe, que gera entre 115 cv e 118 cv de potência, dependendo do combustível, e 15,91 kgf/m de torque, independentemente de funcionar na gasolina ou no etanol. O câmbio, nesse caso, poderá ser manual ou automático, tipo CVT.

Questionado a respeito do assunto, Luiz Fernando Pedrucci, presidente da Renault para a América Latina, não negou que essa versão esteja a caminho, mas disse que essa informação só será confirmada (ou não) em março de 2024. A data também deverá marcar o início da produção do Kardian no Marrocos.

Renault Kardian: preço e disponibilidade

Continua após a publicidade

O lançamento oficial do Renault Kardian está marcado para março de 2024. Segundo os executivos da marca francesa, apenas nesta data serão conhecidas as versões definitivas que estarão à venda no Brasil e a faixa de preço em que o SUV será inserido.

Pedrucci não negou, porém, que o novo carro global da marca deverá chegar ao país com dois competidores principais em mente: o Volkswagen Nivus e o Fiat Pulse, ambos com tamanho e conjunto mecânico similares ao Kardian.

O Kardian será lançado em quatro versões distintas de acabamento: Evolution, Tecno, Iconic e a série especial de lançamento, batizada de Premiere Edition. O grande diferencial dela é a cor Laranja Energie com teto preto.