Publicidade

Preview Fiat Strada Turbo | Novo motor vai pressionar Montana e Oroch

Por| Editado por Jones Oliveira | 10 de Agosto de 2023 às 15h00

Link copiado!

Felipe Ribeiro/Canaltech
Felipe Ribeiro/Canaltech

A Stellantis anunciou a esperada chegada do motor 1.0 turbo na Fiat Strada, o carro mais vendido do Brasil. O propulsor não é segredo para ninguém, já que ele equipa outros modelos da montadora, como o Fiat Pulse. Mas a relação do propulsor com a caminhonete e os ajustes específicos a colocam em um patamar capaz de incomodar rivais maiores.

O breve contato com as duas versões que trazem esse motor, a Ranch e a novíssima Ultra, mostra que a Fiat agiu na hora certa para impedir que a recém-lançada Chevrolet Montana tenha vida fácil, já que a competição com a Fiat Toro parece algo que ficou apenas na prancheta da GM.

Uma receita de sucesso munida de um novo coração e retoques tímidos na lista de equipamentos foram suficientes para pressionar a caminhonete intermediária da Chevrolet e a Renault Oroch, que deve ser a mais afetada com essa evolução da Strada.

Continua após a publicidade

O Canaltech viajou até Florianópolis/SC e vai te contar como foi o primeiro contato com a Fiat Strada Turbo e as impressões ao dirigir.

Fiat Strada Turbo: primeiras impressões

A Fiat adotou a seguinte estratégia para posicionar os motores turbo dentro da linha 2024 da Strada: a versão Ranch, com apelo misto entre off-road e urbano, perde o motor 1.3 aspirado de 107cv, e a nova variante Ultra se posiciona ao lado da Ranch, mas com visual mais voltado para a esportividade.

Continua após a publicidade

A ideia com isso é, definitivamente, tirar a VW Saveiro do páreo (pelo menos até o lançamento do facelift) e incomodar fortemente a Montana e a Oroch. Com algumas horas ao volante da Strada, é possível dizer que a vida das outras picapes intermediárias será bem mais complicada.

O motor 1.0 turbo de 130cv e 20,4 kgf/m de torque, aliado ao câmbio CVT que simula sete marchas, deu nova vida à caminhonete compacta. O ajuste da suspensão e o curso são praticamente os mesmos que vimos na Strada Ranch 1.3, mas o vigor desse propulsor deu ao veículo uma capacidade muito maior de atender o público que vai buscá-la para ser um carro de passeio e viagens.

Soma-se isso o fato de a Strada ser leve, com pouco mais de 1.200kg, e ter uma rigidez torcional de carroceria bem forte, e você tem em mãos um carro extremamente robusto, mas que consegue ser relativamente confortável e muito, mas muito ágil.

Continua após a publicidade

As acelerações são lineares, graças ao CVT, mas a relação das marchas simuladas é um pouco mais curta, fazendo com que a força do motor chegue mais cedo. A eletrônica fica ainda mais evidenciada quando apertamos o botão "Sport", que muda a direção e a deixa mais responsiva e ainda mais direta.

Na estrada, a estabilidade do conjunto impressiona e, em momento algum, sentimos falta de vigor. O motor "enche", mas consegue se manter em um nível seguro o suficiente para uma retomada bem feita. Além disso, o consumo também é promissor: as médias oficiais são de 12,1 km/l na cidade e 13,2 km/l na estrada, sempre com gasolina. Nossos testes foram de apenas 100km, aproximadamente, e o consumo aferido não pode ser considerado.

Em trechos com terreno mais complicado, sentimos como a suspensão é bem acertada e os ângulos de entrada e saída podem ser considerados vencedores — melhores do que de muitos SUVs —, com 23º de entrada e 29º de saída. Para efeito de comparação, a Montana tem 20º e 25º, respectivamente. Ou seja: raspar o chão aqui será quase impossível.

Continua após a publicidade

Equipamentos melhoram, mas não o suficiente

Em termos de equipamentos, a Fiat Strada Turbo, seja na versão Ranch ou Ultra, teve melhoras em sua lista de recursos e tecnologia, mas menos do que esperávamos. A explicação, segundo a Fiat, tem a ver com estrutura eletrônica do carro, que ainda vai passar por atualizações no futuro e deve agregar, quem sabe, um pacote ADAS e o módulo de conectividade Fiat Connect Me, ambos ausentes por aqui.

Mesmo assim, a caminhonete agrada com o que oferece. Há faróis full LED, controles de estabilidade e tração, quatro airbags, ar-condicionado digital e automático (principal novidade na lista), carregador de celular por indução, central multimídia de 7 polegadas com espelhamento de celular sem fio, duas entradas USB-A, tração TC+, câmera de ré, sensor de estacionamento e retrovisor direito com tilt down.

Continua após a publicidade

Já no acabamento, há bancos em couro, encostos na porta também com esse material e diferentes detalhes entre uma versão e outra. Na Ranch, há mais tons de marrom, enquanto na Ultra, as costuras são vermelhas, mas os bancos e encostos são pretos.

Vale lembrar que, de série, ambas as versões turbo vêm com capota marítima, um verdadeiro tapa na cara de modelos mais caros e maiores.

Design muda apenas na frente e nas rodas

Já em termos de design, a nova Fiat Strada Turbo recebeu retoques para, segundo a empresa, transparecer mais o nível de performance que o motor 1.0 turbinado entrega. Para isso, a montadora trocou o para-choques, tornando-o mais agressivo. O conjunto óptico foi afilado e o skidplate (peça que fica abaixo do para-choques) também é novo.

Continua após a publicidade

As rodas, por sua vez, ganharam acabamento diamantado, mas com tons escuros na versão Ultra, que recebeu pneus de uso convencional — os pneus na variante Ranch seguem de uso misto. Já o volante, agora, é o mesmo de outros produtos da Fiat (e muda em todas as versões).

Nova Fiat Strada Turbo: o que esperar das novas versões da caminhonete?

A Fiat Strada deve seguir como o carro mais vendido do Brasil e a chegada das versões turbo pode ajudar a ampliar essa vantagem. Segundo a montadora, 45% do mix de vendas da caminhonete é das variantes de passeio. Com esse nível superior de motor, equipamentos e acabamento, a ameaça contra modelos maiores é real e deve ser uma tônica nos próximos meses.

Continua após a publicidade

Ainda testaremos a Fiat Strada Turbo no uso diário, mas os primeiros contatos com ela foram promissores e mostram uma caminhonete ágil, boa de dirigir e com muito estilo. Receita bem administrada.

Fiat Strada 2024: preços e versões
ModeloPreço
Strada Endurance 1.3 Cabine SimplesR$ 100.990
Strada Freedom 1.3 Cabine SimplesR$ 106.990
Strada Freedom 1.3 Cabine DuplaR$ 112.990
Strada Volcano 1.3 MT Cabine DuplaR$ 114.990
Strada Volcano 1.3 CVT Cabine DuplaR$ 120.990
Strada Ranch 1.0 Turbo CVTR$ 132.990
Strada Ultra 1.0 Turbo CVTR$ 132.990
Strada Edizione 25 (apenas 1.025 unidades)R$ 135.990